Giro: Capitalização distribui R$ 135 milhões em prêmios no primeiro bimestre 348

Confira as principais notícias no #GirodoMercado desta terça-feira, 26 de abril

Capitalização distribui R$ 135 milhões em prêmios no primeiro bimestre

cofreporco

As 17 empresas que integram a Federação Nacional de Capitalização (FenaCap) distribuíram juntas, até o mês de fevereiro, mais de R$ 135 milhões em prêmios para clientes de títulos de capitalização de todo o Brasil. O montante representa um crescimento de 47,2% em relação ao mesmo período de 2015 e equivale à entrega de R$ 5 milhões em prêmios por dia útil do período. A receita global do segmento registrou um crescimento de 3,4% em relação ao primeiro bimestre de 2015, alcançando R$ 3,072 bilhões. O volume das reservas técnicas – valores acumulados pelos clientes e que serão resgatados ao fim do prazo de vigência dos títulos – também cresceu, alcançando R$ 30,5 milhões, avanço de 1,7%. O montante de resgates no período foi de R$ 3,007 bilhões, valor 23,1% superior ao registrado no mesmo período do ano passado. Ao avaliar uma retomada do crescimento das receitas e das reservas, mesmo em meio ao período de instabilidade, o presidente da FenaCap, Marco Antonio Barros, diz que o fato reforça a tese de que as pessoas estão buscando formar reservas e manter as suas economias guardadas por mais tempo, para fazer frente a possíveis emergências financeiras. “Além de contribuir para a formação de uma reserva os títulos de capitalização ainda oferecem a chance de o cliente ser sorteado, o que é um atrativo adicional indiscutível, pois trata-se da possibilidade de multiplicar o valor economizado”, diz Marco Antonio Barros.

STJ concede decisão favorável à Odontoprev

martelojuridico

A Odontoprev recebeu decisão favorável do STJ em relação a uma pendência fiscal herdada da Bradesco Dental, que foi incorporada pela empresa em 1º de julho de 2010. A corte determinou que a Odontoprev não é obrigada a recolher a previdência social de prestadores de serviços da rede. Com isso, a empresa deixará de desembolsar R$ 41,2 milhões.

Sincor-GO lança nova edição do Banco de Talentos

Integrando a programação de atividades em comemoração aos seus 30 anos de fundação, o Sincor-GO realiza no dia 09 de maio o lançamento de mais uma edição do programa Banco de Talentos/Amigo do Seguro. O evento ocorrerá a partir das 7h30, na sede do sindicato, em Goiânia. Fruto de parceria com a Escola Nacional de Seguros (Funenseg) e o Sindseg MG/GO/MT/DF, o Banco de Talentos visa a capacitação de jovens para atuação no ramo de seguros por meio do curso de Assistente Técnico (AT). Este ano, após a realização de duas turmas do curso em Goiânia, o projeto foca no interior de Goiás e leva a capacitação às quatro Diretorias Territoriais do sindicato, localizadas em Anápolis, Catalão, Itumbiara e Rio Verde. O início das aulas está previsto para setembro de 2016. As inscrições serão disponibilizadas no site do Sincor-GO a partir de 15 julho, com encerramento previsto para 15 de agosto. Ao todo, serão 28 horas-aula de capacitação. Poderão participar do curso jovens de 16 a 22 anos, com vistas a conquista do primeiro emprego. Na programação, os alunos terão acesso aos conceitos básicos sobre o mercado de seguros, legislação do segmento, Código de Defesa do Consumidor, cálculos de seguros, atendimento ao público e noções de informática e ética.

Juliana Pereira é homenageada pela CNseg durante assembleia da Assal

juliana_assal_gd

A secretária da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), Juliana Pereira, após sua participação em painel na 27ª Assembleia Anual da Associação de Supervisores de Seguros da América Latina (Assal), dia 20, no Rio, foi homenageada pela CNseg, representada por seu presidente, Marcio Coriolano, e sua vice-presidente, Solange Beatriz Palheiro Mendes. Juliana, que está encerrando seu ciclo à frente da Senacon, recebeu uma placa comemorativa “pelo sólido legado que sua gestão construiu à frente da Senacon” e por sua “seriedade de propósitos, responsabilidade nas ações, coragem nas decisões e capacidade de diálogo transparente que emolduram sua brilhante carreira”. A secretária da Senacon já participou de diversos eventos da CNseg, que tem a aproximação com os órgãos de defesa dos consumidores como uma de suas políticas.

Instituto Techmail participa de almoço do CCS-SP

Getty Images

No último dia 12 de abril o Instituto Techmail, que há quatro anos vem trabalhando na capacitação e formação de jovens aprendizes para o mercado segurador, foi convidado pelo Adevaldo Callegari, mentor do Clube dos Corretores de São Paulo CCS-SP a participar do almoço realizado pelo Clube. “O propósito do Instituto Techmail é qualificar jovens de escolas públicas para o mercado de seguros. O curso tem cerca de 180 horas/aula dividas em nove disciplinas, ao final do curso os alunos apresentam um TCC (Trabalho de Conclusão e Curso) que poderá abordar Seguro Residencial, Previdência, Seguro Automóvel, entre outros e por fim temos a formatura. Vale a pena ressaltar que os jovens formados pelo Instituto têm um diferencial que sempre é destacado pelos contratantes”, explica Ivan Macedo, Comercial do Instituto. O intuito do almoço foi apresentar o trabalho do Instituto Techmail aos corretores e executivos presentes, como representantes do Instituto estiveram presentes Luiz Fernando Pinto de Carvalho, que assumiu em janeiro deste ano o cargo de Gestor e Ivan Macedo, Comercial. Alguns membros do Clube foram padrinhos de algumas turmas já formadas, entre eles Osmar Bertacini, Renato Gonçalves e Josafá Ferreira Primo que é o padrinho do Instituto. “Gostaria de agradecer em nome do Instituto Techmail o convite feito pelo Clube dos Corretores de São Paulo, foi uma honra apresentar a todos esse projeto que auxilia o os jovens no aprendizado sobre mercado de seguros e na iniciação ao mercado de trabalho”, afirma Luiz Carvalho, gestor do Instituto Techmail.

*Informações de Link, O Financista, CNseg e Sincor-GO.

Icatu Seguros é destaque no 8º Prêmio Líderes do Brasil 622

Foto: Gustavo Rampini/Rampini Produções

Premiação concedida pelo LIDE reconhece talento, competência e comprometimento de empresas e executivos

O Teatro Santander, na capital paulista, recebeu na noite de 10 de dezembro, 602 empresários, CEOs, presidentes e outras lideranças corporativas, além de autoridades, para a cerimônia de entrega do Prêmio Líderes do Brasil. Promovido pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais, o evento foi transmitido pela Rede TV!, UOL e TV LIDE para todo o Brasil.

O vice presidente corporativo da Icatu Seguros, César Saut, recebeu o troféu de Líder do Estado do Rio Grande do Sul das mãos do presidente do LIDE RS, Eduardo Fernandez. “É considerada uma das maiores premiações empresariais do país por receber as principais lideranças e autoridades políticas. Uma menção especial à Icatu Seguros que recebeu o Prêmio Regional esse ano pelo brilhante trabalho que tem feito no Rio Grande do Sul”, afirmou Fernandez.

Eduardo Fernandez/Reprodução
Eduardo Fernandez/Reprodução

Entre as autoridades presentes no Teatro Santander, na capital paulista, estavam os atuais ministros Sérgio Sá Leitão (Cultura), e Rossiele Soares (Educação); o governador eleito de São Paulo, João Doria, e o futuro secretário estadual paulista Gustavo Junqueira (Agricultura).

Indicados pelo júri oficial, foram homenageados os protagonistas que, mesmo em um cenário de instabilidade econômica, obtiveram êxito nos negócios, nos principais setores da economia do país.Para destacar a forte atuação das unidades regionais do LIDE, a premiação também reconheceu o líder de cada região ou estado onde o grupo atua: Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraná, Pernambuco, Região Metropolitana de Campinas (SP), Região de Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Região de São José do Rio Preto (SP) e Região do Vale do Paraíba (SP).

Gestor da Vieira Seguros participa de reunião promovida pela FenaCap 252

Fernando Vieira e os executivos da Mapfre: Marcos Ferreira, Leandro Carvalho e Marcos Hannickel / Divulgação

Encontro aconteceu na última segunda-feira (26), no Rio

Com objetivo de apresentar as mudanças e os novos produtos, a Federação Nacional de Capitalização (FenaCap) promoveu no dia 26 de novembro, no Rio de Janeiro, uma reunião com as principais seguradoras que operam com capitalização. Em pauta, um debate sobre as oportunidades de negócios proporcionadas através dos títulos de capitalização, como instrumento de garantia criado pelo novo marco regulatório do setor. O Gestor da Vieira Corretora de Seguros esteve presente e acompanhou todos os tópicos abordados durante o debate.

Fernando Vieira ressaltou a importância do produto para o corretor de seguros como forma de aumentar a rentabilidade do seu negócio. “A Capitalização é um produto bom para comercialização, tanto que entre janeiro e setembro, as empresas que operam com a modalidade registraram uma receita de R$ 15,5 bilhões, tendo um montante de 2,6% superior ao registrado no mesmo período do ano passado. Foram pagos R$ 807 milhões em sorteios a clientes em todo País. Esse valor equivale a uma receita de R$ 4,2 milhões de prêmios pagos ao dia. O setor injetou R$ 12,9 bilhões na economia, em valores relativos a resgates finais e antecipados, realizados por clientes. Precisamos nos atualizar em relação aos números da capitalização e acompanhar toda sua evolução no decorrer dos anos”, especificou.

Heinze sugere que Susep amplie normas de Títulos de Capitalização 715

Circular Susep sobre Títulos de Capitalização

Pedido visa evitar que entidades filantrópicas sejam prejudicadas pela ação

Deputado Federal pelo Progressistas, Luis Carlos Heinze fez um apelo ao Ministro de Estado da Fazenda para que a Superintendência de Seguros Privados retifique a Circular Susep número 569, publicada em 02 de maio de 2018. O pedido visa evitar que entidades filantrópicas e seus atendidos sejam penalizados com o corte de receitas obtidas pelos Títulos de Capitalização, como as Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAEs) de todo o Brasil.

A Circular em questão dispõe sobre a operação de Capitalização, as modalidades, elaboração, operação e comercialização de Títulos de Capitalização e dá outras providências. Entre as medidas, fica definido que os títulos são indivisíveis em relação à Sociedade de Capitalização. Direitos relativos aos Títulos de Capitalização não podem ser comercializados separadamente e só podem ser estruturados nas modalidades tradicional, instrumento de garantia, compra programada, popular, incentivo ou filantropia premiável, além de observar a legislação em vigor e requisitos estabelecidos previamente pela Susep.

Confira a circular na íntegra.

Confira o pedido do Deputado Federal.

Consultada, a Susep não se pronunciou até o fechamento dessa publicação.

EDR atenta às inovações do setor de seguros 886

Diretor Mauricio Vieira participou do 12º Insurance Service Meeting, em São Paulo (SP)

Mauricio Vieira, Diretor da EDR
Mauricio Vieira, Diretor da EDR

O mercado de seguros está cada vez mais atrelado à inovação. Por isso, a EDR – Serviços Técnicos em Seguros acompanhou de perto a realização do 12º Insurance Service Meeting, promovido nos dias 7 e 8 de novembro, pela Confederação Nacional das Empresas de Seguros (CNseg), em São Paulo (SP). “Hoje não é possível mais separar uma coisa da outra. A cada dia são novas tecnologias e produtos que estão revolucionando o mercado”, destacou o diretor Mauricio Vieira.

“Esse evento está trazendo à tona muito do que vai acontecer em um futuro próximo”, destacou o executivo da EDR.

Veja ainda: Tudo sobre o 12º Insurance Service Meeting

“A EDR hoje tem atuação nacional. A maior parte do mercado está concentrada no Sul e Sudeste e nossa empresa, desde o começo, sempre desenvolveu seus sistemas. Agora atuamos como reguladora, sendo uma empresa totalmente digital. Fazemos inspeção de riscos, vistoria prévia e regulação de forma digital. Desenvolvemos tudo em casa e, por ventura, com alguns parceiros”, revela Mauricio Vieira. Além de regulação remota, com vistorias via aplicativo e SMS através de links, a empresa está acompanhando toda a onda de inovação que toma conta do mercado. “Procuramos novos produtos e serviços, de modo a oferecer qualidade para nossos clientes e parceiros de negócios”, completa Vieira.

Executivo acompanha tendências de mercado para oferecer ainda mais qualidade à clientes e parceiros de negócios
Executivo acompanha tendências de mercado para oferecer ainda mais qualidade à clientes e parceiros de negócios

Os resultados de 2018 animaram os executivos da EDR. “Crescemos e não podemos reclamar. Nossa expectativa é ainda melhor para 2019, estamos nos reinventando todos os dias”, finaliza.

Grupo BB e MAPFRE é destaque no Guia Exame de Sustentabilidade 910

Sustentabilidade

Reconhecimento prestigia empresa como melhor na categoria Relação com os Clientes

Por mais um ano, o Guia Exame de Sustentabilidade reconheceu o Grupo Segurador Banco do Brasil e MAPFRE entre as empresas referência em crescimento sustentável. Considerado o melhor na categoria “Relações com Clientes”, o Grupo figura pela sexta vez consecutiva na publicação, considerada o maior e mais respeitado levantamento sobre o desenvolvimento sustentável do país.

Divulgação
Divulgação

Um conjunto de projetos levou o Grupo a esta premiação. Um deles é o “Fórum de Melhorias”, desenvolvido com o objetivo de fortalecer o relacionamento com o cliente e desenvolver soluções mais estratégicas, ágeis e eficazes para a melhorar a experiência com os segurados.

Por meio dele, foram analisadas as reclamações registradas pelos clientes e também as sugeridas por colaboradores com o objetivo de definir soluções aos problemas apontados. As queixas foram compartilhadas com diversas áreas do Grupo para revisão de processos e procedimentos internos, sugerindo uma visão integrada do negócio.

Desde a sua implantação, em 2016, o fórum totalizou 21 reuniões que resultaram na criação de ferramentas de acompanhamento de soluções, novos eventos de capacitação e um projeto educacional. Em paralelo a isso, o Grupo atuou em outros projetos, com o objetivo de reduzir o porcentual de reincidência de ações originárias via Procon e aumentar a eficiência de atendimento das reclamações de clientes do Grupo.

No primeiro caso, os resultados apontaram para queda de 17,18% no volume de queixas, contribuindo para a redução dos custos com escritórios de advocacia e tempo de atendimento aos consumidores. Já no segundo, o aumento de 8,55% na eficiência dos atendimentos aos segurados decorreu da implantação de formulário para identificação de reclamações em duplicidade na Central de Atendimento e Ouvidoria, evitando riscos de respostas divergentes e não atendimento nos prazos, e revisão de fluxo de atendimento para processos de recontratação na Central de Atendimento.

O Grupo também promoveu ações de comunicação para educação securitária, com o objetivo de trazer à tona a cultura de seguros. Foram divulgados 10 vídeos que retratavam o dia a dia das pessoas e como o seguro pode ser útil para elas

“É com muita alegria que divido essa premiação com todos os colaboradores de nossa empresa. Em sua 19ª edição o Guia Exame é a premiação mais relevante do país, na área de sustentabilidade e ter esse reconhecimento nos apresenta como uma empresa de propósito que tem como foco a atenção e o respeito ao consumidor”, comenta Fátima Lima, diretora de sustentabilidade.

Em 2017, o Guia contou com a participação de 173 companhias que operam no Brasil. A edição de 2018 mostra 77 empresas-modelo em 19 setores da economia e destaca as empresas com as melhores práticas em 10 categorias-chave para a sustentabilidade dos negócios (Empresa mais sustentável do ano; Direitos Humanos; Governança da Sustentabilidade; Relações com a Comunidade, Gestão de Fornecedores, Gestão da Água; Gestão da Biodiversidade; Gestão de Resíduos; Mudanças Climáticas, Relações com os Clientes e Ética e Transparência).