Giro: Temer deve promover mudanças na Previdência 459

Confira esta e outras manchetes desta quinta-feira

Michel Temer deve promover mudanças na Previdência

Divulgação
Divulgação

A colunista Mônica Bergamo, especialista em política, informa que caso assuma a Presidência, Michel Temer (PMDB-SP) deve encaminhar ao Congresso Nacional proposta de mudanças na Previdência que pode prever inclusive o estabelecimento de idade mínima para a aposentadoria. Seria uma das prioridades máximas do governo.

Em clima de divórcio, Dilma disputa avião

Divulgação
Divulgação

De acordo com informações da jornalista Vera Magalhães do site da ‘Revista Veja’, Dilma Rousseff pretende continuar usando os aviões da FAB para viajar por todo o país, mesmo afastada da presidência pelo Senado Federal. A constituição brasileira deixa claro que a líder petista pode continuar usando sua casa oficial, o Palácio do Alvorada, além de seguranças. Nada é falado sobre uso de aviões ou carros oficiais.

Oposição e governo; A dança das cadeiras em Brasília

Alexandre Militão/Photo Arts
Alexandre Militão/Photo Arts

Mais de 310 parlamentares já formam a base de apoio a Michel Temer na Câmara, conforme projeção de aliados do vice-presidente.

308 é o número de votos necessários para aprovar uma proposta de emenda à Constituição (PEC), em votações de dois turnos, instrumento para fazer algumas das reformas emergenciais.

Partidos da base do Governo Temer:
PMDB, PSDB, DEM, PPS, PP, PSD, SD, PTB, PRB, PR, PSC e PV.

Partidos que podem apoiar, mas rachados:
PSB e PDT.

Em cima do muro:
Rede.

Partidos que devem ficar na oposição
PT, PC do B, PSOL.

Copom mantém juros em 14,25% ao ano pela sexta vez seguida

20140520110502inflacao
Getty Images

Pela sexta vez seguida, o Banco Central não mexeu nos juros básicos da economia. O Comitê de Política Monetária manteve por unanimidade a taxa Selic em 14,25% ao ano. A decisão era esperada pelos analistas, que preveem que a taxa permanecerá inalterada até o fim do ano. O Comitê informou que o nível atual de inflação não permite ao Banco Central começar a reduzir os juros básicos agora. A Força Sindical considerou a decisão “extremamente perversa para com os trabalhadores”. Segundo a entidade, ao manter a taxa básica de juros, Copom continua colocando uma trava no desenvolvimento e no crescimento econômico do país.

Neve chega ao Sul do Brasil

Mycchel Hudsonn Legnaghi/São Joaquim Online
Mycchel Hudsonn Legnaghi/São Joaquim Online

Moradores de São Joaquim, na Serra de Santa Catarina, registraram pequenos flocos de neve por volta das 20h de ontem (27), quando a temperatura chegou a -1°C. No Morro da Antena, em Urupema, na mesma região, a temperatura chegou a -2°C até a meia-noite, com uma sensação térmica de -21°C. O fenômeno foi considerado de fraca intensidade, sem acumular gelo nas ruas. De acordo com especialistas, a temperatura amena e a umidade foram favoráveis a formação da neve. Em São José dos Ausentes a temperatura era de -0,2°C, ás 6h.

*Com informações de Folha de São Paulo, Veja, Zero Hora, Agência Brasil e G1.

Previdência complementar amplia interesse de servidores pelo planejamento financeiro 426

Previdência complementar amplia interesse de servidores pelo planejamento financeiro

O raio-x das finanças no Ano Novo inclui previsões de investimentos de longo prazo para aposentadoria

A previdência complementar entrou na lista de prioridades dos servidores públicos. Neste novo quadro, o planejamento das finanças pessoais começa a englobar, além da busca por descontos sazonais no pagamento de impostos como IPVA, IPTU, matrículas e material escolar, a programação de investimentos de longo prazo para a aposentadoria.

Os indicadores de longevidade revelam que a expectativa de vida do brasileiro aumentou. No campo previdenciário a previsão é que, ao atingir os 65 anos, ele terá pela frente, pelo menos, 18,5 anos adicionais. Para o vice-presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), Jusivaldo Almeida, garantir uma aposentadoria tranquila e um padrão de vida sustentável requer uma mudança de comportamento.

“Cuide bem do seu dinheiro, pois um dia ele cuidará de você. Lembre-se de que poderá viver até os 100 anos”, alerta Jusivaldo, consultor especializado em educação financeira dedicado a orientar famílias e profissionais de diversas organizações sobre a melhor maneira de gastar, poupar e investir bem os recursos. Segundo o consultor, o servidor deve aproveitar todas as oportunidades de preservar seu capital e reduzir despesas. Os investimentos em previdência complementar, por exemplo, trazem um benefício fiscal embutido pois permitem diminuir a base de cálculo do Imposto de Renda, se utilizar a modelo da declaração completa.

Na avaliação do vice-presidente da entidade, “é muito importante fazer um raio-X das finanças inserindo as previsões de gastos do primeiro trimestre do Ano Novo”. Isto inclui aproveitar todos os descontos disponíveis no pagamento à vista da escola e material escolar e tributos relacionados ao veículo e imóvel.

Para o consultor, as dívidas, se houver, devem ser analisadas com serenidade para uma administração equilibrada das contas pessoais. Os compromissos com garantia real, como prestação de imóveis, por exemplo, vêm em primeiro lugar, seguidos de itens essenciais, como serviços públicos de energia, telefonia, transporte, entre outros.

As despesas controladas, que estão dentro do vencimento e previstas no orçamento anual, como prestações de carro, faculdade e aluguel, por serem de médio e longo prazos, não precisam necessariamente ser antecipadas a não ser que tenha poupado para isto, assinala.

“O importante é não ser pego de surpresa em emergências e ter de recorrer a bancos e cartões de crédito”, afirma Jusivaldo. Sua recomendação é represar parte de entradas extras como 13º salário, adicionais de férias e eventuais bonificações, para montar uma reserva estratégica com o objetivo de assegurar recursos para enfrentar as situações inesperadas que surgem durante o ano. Desta forma, é possível fechar as contas do mês de forma equilibrada sem alterar os planos pessoais e familiares.

Educação financeira

Com o objetivo de conscientizar sobre a importância do planejamento como instrumento para atingir as metas e alcançar o equilíbrio financeiro, a Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo desenvolveu uma ação específica voltada para os servidores estaduais e participantes. A iniciativa, que integra o programa Conta Comigo da Fundação, foi organizada em parceria com a DSOP Educação Financeira.

As primeiras palestras com educadores da DSOP foram realizadas no final do ano passado em órgãos públicos da Capital, Campinas, São José do Rio Preto. Em 2019, estes encontros serão intensificados.

Presidente diz que alíquota do Imposto de Renda poderá ser reduzida 469

Presidente diz que alíquota do Imposto de Renda poderá ser reduzida

Medida deve ser anunciada pelo ministro Paulo Guedes

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (4) que o ministro da Economia, Paulo Guedes, deve anunciar a possibilidade de diminuir o teto da alíquota do Imposto de Renda da Pessoa Física, de 27,5% para 25%. “Porque o nosso governo tem de ter a marca de não aumentar impostos”, afirmou.

Perguntado, Bolsonaro disse que o aumento do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) já foi assinado, mas “para quem tem operação fora”. Segundo ele, a medida foi necessária “para poder cumprir uma exigência de um projeto aprovado [pelo Congresso] nesse sentido, como pauta bomba, contra a nossa vontade”.

O presidente afirmou que “o percentual [de aumento] é mínimo, uma fração”.

Bolsonaro falou com a imprensa após participar de cerimônia de transmissão do comando da Aeronáutica para o tenente brigadeiro do ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, na Base Aérea de Brasília.

Reforma da Previdência

Bolsonaro também disse que o governo deve apresentar a proposta para a reforma da Previdência ainda este mês. “Vamos aproveitar o que está na Câmara. A última proposta minha é aproveitar. Ela [a reforma] está num espaço temporal que termina em 2030. Tudo aquilo que é para entrar em vigor até o final de 2022, essa é a última ideia que eu quero ver se a gente consegue colocar em prática e compor com o Parlamento já que a proposta está lá. Seria como está na proposta agora, 62 anos para os homens no final de 2022. E para mulheres, de 55 para 57 [anos].”

Em entrevista a terceira maior emissora de televisão do Brasil, ontem (3), Bolsonaro disse que a proposta de reforma da Previdência em discussão no governo prevê a idade mínima de 62 anos para os homens e 57 anos para as mulheres com aumento gradativo. Segundo Bolsonaro, seria mais um ano a partir da promulgação e outro em 2022, mas com diferenças de idade mínima de acordo com a categoria profissional e a expectativa de vida.

Paulo Guedes deve apresentar proposta de reforma da Previdência até o dia 7 460

Paulo Guedes deve apresentar proposta de reforma da Previdência até o dia 7

Reunião ministerial na próxima terça vai debater este e outros temas

O ministro da Economia, Paulo Guedes, vai apresentar até a próxima segunda-feira (7) a proposta de reforma da Previdência que deverá ser sugerida pelo governo do presidente Jair Bolsonaro e submetida ao Congresso Nacional. A disposição é que os parlamentares analisem a proposta assim que retornarem do recesso em fevereiro.

A informação foi confirmada pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, logo depois da primeira reunião ministerial da gestão Bolsonaro com a presença de todo primeiro escalão. “[Paulo] Guedes vai apresentar a proposta até o início da próxima semana. Nós vamos fazer a reforma.”

A equipe do governo tem admitido diversas possibilidades sobre o tema, inclusive o aproveitamento de itens do texto que havia sido submetido ao Legislativo pelo ex-presidente Michel Temer. O esforço, segundo ministros de Bolsonaro, é para que as mudanças na legislação avancem.

Nova reunião

Na próxima terça-feira (8) há uma nova reunião do presidente da República com os ministros. Nela, será feita a apresentação do texto da reforma da Previdência e cada ministro vai expor as medidas que pretendem adotar este mês.

O encontro, que ocorrerá no mesmo horário da reunião realizada hoje (9h), vai se repetir semanalmente ao longo dos 100 primeiros dias de governo.

Cautela

A relação do Executivo com o Legislativo é tratada com cautela pelo governo. Onyx reiterou que Bolsonaro não vai interferir na campanha pela presidência da Câmara e do Senado. A decisão é justamente para suavizar as negociações entre os dois Poderes.

“Todo o governo com alto grau de intervenção [nas questões do comando do Congresso] erraram. O presidente Bolsonaro é um homem de muito diálogo”, afirmou.

Médico dá dicas para viajar de avião durante a gravidez 244

Prepara-se para arrumar as malas e cair no mundo!

Prepara-se para arrumar as malas e cair no mundo!

A gravidez é um dos momentos mais intensos da vida de uma mulher. E esse período mescla comemorações, mudanças no corpo e muita emoção. Mas, quando envolve uma viagem, seja para fazer o enxoval no exterior ou simplesmente para relaxar, bate aquela dúvida sobre como vai ser desfrutar dessa nova experiência.

“O mais importante é, certamente, garantir que a viagem seja tranquila tanto para a mamãe quanto para o bebê, que está na barriga” afirma Dr. José Sallovitz, médico cardiologista da Allianz Travel, líder em oferta de seguro viagem, e que atua no Brasil como representante da Allianz Seguros no segmento viagem. Segundo o médico, “os cuidados vão desde os exames gestacionais até a escolha do destino”.

Confira abaixo as dicas do doutor e prepare-se para arrumar as malas e cair no mundo!

Período gestacional

O doutor explica que antes de planejar uma viagem é preciso fazer uma visita ao obstetra. “O período recomendado para uma mulher saudável que não apresenta complicações gestacionais é viajar até a 28º semana. O médico fará uma avaliação na saúde da mamãe e do bebê e, caso esteja tudo bem, já pode arrumar as malas!”.

Regras da companhia aérea

As companhias aéreas possuem regras para o embarque de gestantes e essas restrições diferem de empresa para empresa. “A maioria permite o embarque até a 28º semana de gestação sem restrições. Entre a 28º/29º semana e a 35º/36º semana, na maioria das vezes, um atestado médico é exigido para comprovar a estabilidade do quadro. Em alguns casos, a companhia pode solicitar que a mulher assine um termo de responsabilidade. Já a partir da 37º semana a gestante será liberada para embarcar somente acompanhada do seu médico responsável”, ressalta Dr. José.

Escolhendo o assento no avião

Nesse período, não é recomendável ficar sentada sem se movimentar por muito tempo, por isso o doutor sugere o assento na primeira fila e no corredor. “São os locais com mais espaço, pois durante a gravidez, a mulher costuma ir ao banheiro mais vezes e se você estiver na janela ou em uma fila apertada o desconforto será muito grande. Se o assento for perto do toilette, tanto melhor. Caminhe durante o voo para diminuir o inchaço dos pés que normalmente acontece”.

Escolha bem o destino

O ideal é planejar um local calmo e que dê para descansar bastante antes da chegada do baby. Prefira sempre lugares que não sejam totalmente afastados, pois a qualquer sinal de complicação, será necessário recorrer à assistência obstétrica 24h. “Por mais saudável que seja a gestante, imprevistos podem acontecer”, lembra. Para o Dr. José, até a geolocalização da cidade deve ser observada. “Devem ser evitados locais muito altos como Cusco ou Macchu Picchu, por exemplo, pela pouca quantidade de oxigênio disponível.

Atenção a temperaturas extremas

O médico ainda explica que nessa época, os locais muito quentes ou muito frio devem ser evitados. “O calor forte aumenta o desconforto e pode provocar inchaços, quedas de pressão, tonturas e muito cansaço. Além disso, exige um consumo maior de líquidos e, portanto, mais idas ao banheiro”.  Já o frio intenso exige o uso de roupas pesadas e isso pode dificultar a movimentação de alguém que pode já estar com 10kg a mais. “O fato de a mulher não transpirar pelo frio”, explica, “também aumenta o número de idas ao banheiro”.  Portanto, condições extremas de temperatura devem ser evitadas.

Seguro viagem

Passagens compradas, assentos selecionados e destino escolhido: será que não está faltando nada? Sim, o seguro viagem precisa fazer parte desse pacote.  Nem todas as mamães que pretendem viajar com o barrigão reconhecem a importância de se fazer um seguro para gestantes, mas essa é uma medida simples que pode representar muito na hora do sufoco. “É muito importante que a grávida contrate um plano para gestantes, que habitualmente oferece assistência em casos de complicações obstétricas, partos prematuros e até mesmo abortos espontâneos.”, sugere o cardiologista.

É preciso verificar ainda se o plano também tem assistência ao recém-nascido que, por ser prematuro, poderá necessitar de um período longo de hospitalização. “Por isso é fundamental verificar com muita atenção a cobertura oferecida”, finaliza o médico.

MAPFRE recebe o ‘Prêmio Espro Melhores Escolhas’ 214

Premiação reconhece as companhias que se destacam nas áreas de Responsabilidade Social e Programa de Socioaprendizagem

Divulgação
Divulgação

A MAPFRE foi reconhecida no ‘Prêmio Espro Melhores Escolhas’ como uma das empresas que melhor promovem a inclusão do jovem aprendiz no mercado de trabalho. Os vencedores foram conhecidos recentemente, em evento realizado na cidade de São Paulo.

Organizado pelo Ensino Social Profissionalizante (Espro), organização sem fins lucrativos que se dedica à capacitação e inserção de jovens no mercado de trabalho, o prêmio está em sua segunda edição e tem o objetivo de reconhecer companhias parceiras que se destacam nas áreas de Responsabilidade Social e Programa de Socioaprendizagem.

Neste ano, a premiação contou com a participação de cerca de 2.500 empresas e reconheceu 22 companhias, divididas em cinco categorias: ‘Educa’, companhias que se diferenciaram em aspectos de treinamento, capacitação e atividades teóricas; ‘Transforma’, para empresas que obtiveram a melhor nota na pesquisa de satisfação; ‘Inclui’, destinada às instituições que se destacaram em critérios de vulnerabilidade social e diversidade; ‘Melhores Escolhas’, parceiros da entidade que tiveram o melhor engajamento com a inclusão e o compromisso com a responsabilidade social; e ‘Educa, Transforma, Inclui’, que destacou as empresas que se sobressaíram pelo conjunto de ações realizadas levando-se em conta todos os conceitos analisados.

A MAPFRE foi reconhecida na categoria ‘Inclui’. “Acreditamos que a consolidação de uma empresa forte, com crescimento sustentável, passa por um quadro de colaboradores diverso, que agregue à empresa com diferentes visões e experiências”, destaca Jisley Bontempo, gerente executiva de Experiência do Colaborador da MAPFRE.

“Além disso, temos consciência da nossa responsabilidade social, como uma das líderes dos setores de seguros, assistência e serviços financeiros, de abrir espaço para jovens que estão ingressando no mercado de trabalho e buscando o seu primeiro emprego”, comenta.

A executiva salienta que a empresa conta hoje com colaboradores em cargos de liderança que ingressaram na companhia como jovem aprendiz. “Em todo o país, possuímos atualmente cerca de 130 colaboradores que participam do programa. Eles recebem treinamento para que possam se desenvolver profissionalmente e, se desejarem, seguirem atuando em uma das diversas áreas da nossa empresa”.