Giro: Dilma vai renunciar, diz jornal 284

Confira as notícias desta segunda-feira

Dilma Rousseff quer antecipar eleição presidencial para outubro

Paulo Pinto
Dilma em evento referente ao Dia do Trabalho. Foto: Paulo Pinto

A semana decisiva antes que o Senado analise o pedido de impeachment não terminará sem medidas drásticas. Matéria publicada por O Globo afirma que chegou ao bunker de Michel Temer a informação de que a presidente faria, na próxima sexta, um pronunciamento, em cadeia de rádio e TV, lançando a proposta de eleição direta. Ela renunciaria ao cargo e pediria a Temer que fizesse o mesmo. A publicação é assinada pelos jornalistas Jorge Moreno, Maiá Menezes e Cristiane Jungblut. A reação do vice é taxativa: a chance de ele aceitar é nula. A ala governista admite que não possui apoio suficiente para emplacar uma Proposta de Emenda à Constituição.

Santander e Hyundai se unem para constituir banco e corretora de seguros

Divulgação
Divulgação

O Santander Brasil firmou acordo para formar uma parceria com a Hyundai a fim de constituir o Banco Hyundai Capital Brasil e uma corretora de seguros, informou em comunicado na sexta-­feira (29). Subsidiária do Santander, a Aymoré Crédito, Financiamento e Investimento terá 50% da joint venture, enquanto a Hyundai Capital terá 25% e a Hyundai Motor Brasil terá os 25% restantes. A corretora de seguros fornecerá produtos e serviços financeiros para o financiamento de automóveis e de corretagem de seguros para os consumidores e concessionárias da Hyundai no Brasil. A conclusão da operação está sujeita à obtenção de autorização de reguladores.

Filial do MBM de SP tem novo gerente e promove encontro com corretores

Release SP
Divulgação

Na manhã de 28 de abril, a Filial de São Paulo do MBM Seguro de Pessoas promoveu um encontro para corretores no bairro República, na Capital. O evento teve como pauta a apresentação do novo gerente da Filial, César Augusto Cordeiro, e do novo seguro, o Clube Vida MBM. César Augusto Cordeiro possui mais de 26 anos de experiência no mercado de seguros e assume com o objetivo de fortalecer ainda mais a marca do MBM no estado de São Paulo e ampliar os negócios da seguradora. Durante o encontro, os profissionais esclareceram dúvidas sobre o produto que permite ao segurado participar de um clube de vantagens, com descontos em compras em diversos estabelecimentos do País. O diretor comercial, Luiz Eduardo Dilli Gonçalves, e o gerente nacional, Alexsander Kaufmann, também estavam presentes no evento e interagiram com os corretores. A filial está localizada na rua Dr. Bráulio Gomes, 25, conjunto 1106 (próximo ao metrô Anhangabaú). Os telefones são (11) 3231-1223 e (11) 3231-1691

‘Atrasados’ podem declarar o Imposto de Renda a partir de hoje

Agência Estado/Reprodução
Agência Estado/Reprodução

A Receita Federal começa a receber nesta segunda-feira (2), a partir das 8h, as declarações de Imposto de Renda (IR) dos contribuintes “atrasados”, que perderam o prazo oficial para entregar o documento até as 23h59 de sexta-feira (29). Também começam a ser recebidas nesta segunda as declarações retificadoras, de pessoas que enviaram o documento, mas precisaram fazer alguma correção. Quem estava obrigado a apresentar a declaração e deixou de fazê-lo deve se preparar para mandar o documento à Receita o quanto antes, pois a multa é calculada conforme o tempo de atraso. A multa mínima por atraso é de R$ 165,74, mas pode atingir até 20% do imposto devido.

Governo sobe para 1,1% IOF para compra de dólar em espécie

Stock Images
Stock Images

Comprar dólar em espécie, e outras moedas estrangeiras, nos bancos terá uma tributação maior. Decreto presidencial eleva de 0,38% para 1,1% a alíquota do Imposto Sobre Operações Financeiras (IOF) cobrado na aquisição de moeda norte-americana. A medida foi publicada no “Diário Oficial da União” desta segunda-feira (2). Até o momento, o governo federal não explicou porque elevou a alíquota do IOF para compra de dólar, e de outras moedas estrangeiras em espécie, e também não informou quanto pretende arrecadar com a medida.

*Com informações de G1, Reuters e respectivas assessorias de imprensa das empresas citadas.

Cursos da Universidade Aconseg começam em fevereiro 227

Inscrições estão abertas no site da instituição

Cursos da Universidade Aconseg começam em fevereiro
Cursos da Universidade Aconseg começam em fevereiro

As primeiras aulas da Universidade Aconseg, criada pela Associação das Empresas de Assessoria e Consultoria de Seguros do Estado do Rio de Janeiro em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Organizacional e Humano (IndoRH), começam já em fevereiro.

O curso que abrirá a temporada inicial de 2019 é para Inspetores de Assessoria de Seguros, seguido por Introdução ao Seguro para Iniciantes, Básico de Seguros, Seguro Saúde Suplementar, Seguro de Vida, Gestão de Equipe e Liderança, Seguro Auto, que iniciam em março. A lista completa está disponível neste endereço.

O reitor da Universidade e presidente da Aconseg-RJ, Luiz Philipe Baeta Neves, acredita que os cursos “contribuirão positivamente para o desenvolvimento e qualificação dos corretores e funcionários das assessorias e corretoras de seguros”.

Líderes de seguradoras parceiras fizeram questão de registrar os cumprimentos à diretoria da associação pela ação pioneira. O presidente da Tokio Marine, José Adalberto Ferrara, afirmou que “iniciativas como esta colaboram sobremaneira com o crescimento da indústria de seguros no Brasil”.

Para o vice-presidente comercial da SulAmérica, André Lauzana, trata-se de um “marco histórico para o mercado segurador”, enquanto o diretor executivo da Bradesco Seguros, Leonardo de Freitas, acredita que a nova instituição poderá contribuir para transformar o corretor no multirramo.

Antonio Carlos Melo Costa, da HDI Seguros, classifica a criação da Universidade Corporativa como uma demonstração do quanto as assessorias estão preocupadas com o desenvolvimento dos corretores de seguros e, consequentemente, com o mercado. “Iniciativa alinhada com o atual momento de mudanças aceleradas, que requer profissionais 100% atualizados”, elogiou.

Já Marcelo Dias dos Santos, gerente da filial RJ da Sompo Seguros, afirmou ser “fantástico ver a evolução da Aconseg-RJ nessa nova gestão”, agradecendo por mais uma atividade positiva, que tornará os projetos mais fáceis de serem executados. ”Com a Universidade Corporativa, a Aconseg vai desenvolver e aprimorar muitos profissionais de seguros”, finalizou.

Robson Tricarico, da Suhai Seguradora, também parabenizou a entidade pela “excelente e criativa iniciativa”. “O mercado segurador só tem a ganhar com isso”, manifestou-se ainda Leila Nogueira, da Amil, desejando sucesso nesse movimento em prol da evolução do setor e dos profissionais que nele atuam.

Segundo Baeta Neves, “isso demonstra não só que a iniciativa da Aconseg-RJ foi acertada, como conta com o apoio de todas as partes envolvidas nas operações realizadas pelas assessorias”.

Fusão da Susep com a Previc fica para depois 688

Fusão da Susep com a Previc fica para depois

O motivo da desistência da equipe de Paulo Guedes não foi informado

A equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes, teria desistido da ideia de fusão entre a Superintendência de Seguros Privados (Susep) e a Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc). As informações foram publicadas por Valor Econômico e pelo colunista Lauro Jardim, de “O Globo”.

Veja também: Fusão da Susep com a Previc é vista com bons olhos por especialistas

As autarquias atuam na regulação e fiscalização de seguradoras e fundos de pensão, respectivamente. Entre os possíveis motivos está a transferência de toda a estrutura funcional do Rio de Janeiro (RJ) para Brasília (DF). A iniciativa era estudada em função da redução de gastos e para evitar a sobreposição de funções.

A Confederação Nacional das Empresas de Seguro (CNSeg) pede “cautela” em relação ao assunto. Marcio Coriolano, lembrou que a fusão das duas superintendências não é uma discussão nova. Para ele, a medida atenderia ao pressuposto de maior sinergia no setor público, mas sua efetividade dependerá do modelo escolhido. “Os administradores públicos, às vezes, não enxergam a complexidade”, disse ele.

Coriolano explicou que a Previc é “monolinha”, ou seja, voltada para a regulação dos fundos de pensão fechados. A Susep, por seu turno, teria maior diversidade atuação — a agência é responsável pelo controle e fiscalização dos mercados de seguro, previdência privada aberta, capitalização e resseguro.

Verão 2019 fica muito mais seguro com ações especiais do JRS 1016

Verão 2019 fica muito mais seguro com ações especiais do JRS

Peças de publicidade, promoções e grandes encontros no litoral marcam mais uma temporada

O Verão 2019 chegou com tudo. As temperaturas estão nas alturas e a animação para mais uma ação especial do JRS também.

O mercado de seguros já sabe. Os finais de semana são no QG do JRS no Litoral Gaúcho, na Praia de Rainha do Mar, em Xangri-lá (RS). Tudo começa com as presenças de Guacir de Llano Bueno, presidente do Sindicato das Seguradoras do Rio Grande do Sul (Sindseg/RS), além de Alberto Müller, vice-presidente do Sindseg/RS. Ambos os representantes da entidade sindical participam do encontro acompanhado de suas esposas. A presença especial de Julio Cesar Rosa, com recente passagem pela Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), completa o time que dá início aos momentos especiais em mais uma temporada de veraneio.

Divulgação/JRS
Divulgação/JRS

Tudo isso só é possível graças a um time campeão de apoiadores, que têm suas marcas expostas para os quase 1 milhão de motoristas que circulam pela Estrada do Mar, nos caminhos para o Litoral Norte do Rio Grande do Sul. São dois outdoors que marcam a versão deste ano da campanha especial de verão. Um deles é garantido pela Icatu Seguros, maior seguradora independente do Brasil em Vida, Previdência e Capitalização. O outro, conta com exposição de HDI Seguros, Previsul Seguradora, GBOEX, SulAmérica, Capemisa Seguradora, MBM Seguros, Autosul Express, Neo Executiva Corretora de Seguros, Supermercado Avenida, Cave di Pozza Espumantes, Ramos Assessoria e Sultec Vistorias.

Além de tudo, a unidade móvel do JRS continua circulando pelas principais rodovias da Grande Porto Alegre e Litoral Gaúcho. Tudo isso para levar a informação segura para mais de 26 municípios do RS através dos canais 20 e 26 da NET Rio Grande do Sul, no Canal Bah!TV.

Unidade móvel do JRS/Divulgação
Unidade móvel do JRS/Divulgação

Tem grandes novidades. Muitas promoções vão surgir durante todo o trimestre nas redes sociais do JRS e muitas surpresas serão apresentadas aos nossos leitores de São Paulo e região.

Itaú aposta em corretora de seguros e muda posicionamento 957

Itaú aposta em corretora de seguros e muda posicionamento

Plataforma aberta visa oferecer apólices de companhias parceiras

Segundo a coluna do Broadcast, do jornal O Estado de São Paulo, o Itaú Unibanco vai adotar um novo posicionamento para operar em seguros. Dentro da estratégia de ter uma plataforma com a venda de produtos de outras companhias de seguros, o banco passou a utilizar, sem fazer alarde, o slogan de uma corretora de seguros e não mais de uma seguradora.

Agora, ao invés de Marsep Corretagem de Seguros, o banco passou a utilizar Itaú Corretora de Seguros. Segundo interlocutores, a visão é de que o nome precisava ser renovado por questões mercadológicas e, com isso, a instituição traz sua força para o nicho.

Na sequência, o Itaú segue negociando novas parcerias para deslanchar a plataforma. Dois ou três novos parceiros devem ser anunciados em breve. O banco já firmou parceria com a francesa Axa, nas assistências 24h, e com a MetLife, que já tinha contrato no ramo de odonto e agora também passa a compor o leque de opções de seguro prestamista da instituição. A Chubb também ampliou a parceria com o banco, que além de apólices para smartphones também passou a ofertar seguro garantia e educacional.

Em paralelo, outro alvo do Itaú é a Porto Seguro. O casamento de uma década já contempla as linhas de automóvel e residência. Procurado, o Itaú não se pronunciou sobre as mudanças e negociações.

ANS e CADE firmam acordo de cooperação técnica 467

ANS e CADE firmam acordo de cooperação técnica

Autarquias querem estimular a concorrência no mercado de saúde suplementar

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) firmaram um Acordo de Cooperação Técnica para aperfeiçoar a atuação das autarquias no monitoramento da concentração do mercado de planos de saúde e, desta forma, propiciar uma melhor defesa da concorrência no setor. A parceria foi assinada pelo presidente do CADE, Alexandre Barreto, e pelo diretor-presidente substituto da ANS, Leandro Fonseca.

No acordo, que tem duração prevista de cinco anos, o Conselho e a Agência se comprometem a compartilhar informações, bancos de dados, relatórios, diagnósticos e estatísticas, além de pareceres técnicos e resultados de estudos e pesquisas elaborado pelas entidades. A troca de informações, contudo, só poderá envolver documentos que não são confidenciais ou sigilosos e que não comprometam ou prejudiquem atos e procedimentos de competência das respectivas autarquias.

A cooperação propõe também a capacitação de técnicos por meio de eventos promovidos bilateralmente e intercâmbio de servidores para a produção conjunta de estudos e pesquisas, entre outras iniciativas.

“Nossa expectativa é que essa ação fomente a promoção de um ambiente concorrencial saudável nas áreas de atuação tanto do Conselho como da agência reguladora. Além disso, a parceria ajuda a consolidar a cooperação institucional e a melhorar os processos de trabalho, promovendo a gestão do conhecimento e a capacitação no âmbito do setor público”, avalia o diretor Leandro Fonseca.

Confira o Acordo de Cooperação Técnica entre ANS e CADE