Porto Alegre no Olho do Furacão 471

Workshop debate mudanças climáticas e o mercado de seguros

No final da tarde desta segunda-feira, dia 8 de agosto, a sede gaúcha da Escola Nacional de Seguros foi palco do workshop “Porto Alegre no olho do furacão”, que colocou em pauta as mudanças climáticas e a área de seguros. A iniciativa, promovida pela Associação Internacional do Direito do Seguro (AIDA), contou com o apoio da própria instituição de ensino dos corretores de seguros, bem como, do Sindicato das Seguradoras e dos Corretores de Seguros do Rio Grande do Sul (SindSeg-RS e Sincor-RS, respectivamente).

“Todos os estudos indicam que a humanidade sempre interviu de forma severa no meio ambiente, muitas vezes de forma pouco controlada. Para uma grande gama de estudiosos, as mudanças climáticas que sofremos desde o acontecimento do Catarina, em 2003, têm impactado muito no mercado de seguros com grandes sinistros e taxas de sinistralidade. Outra coisa são as novas modalidades de seguros para riscos ambientais, ou seja, para atividades poluidoras”, comenta Pery Saraiva Neto que mediou do painel sobre os aspectos jurídicos e urbanísticos na gestão de desastres climáticos.

A exposição contou com fala de Fernanda Damacena, que abordou a necessidade de uma adaptação às mudanças climáticas e realizou uma reflexão sobre o papel do seguro. Ações de prevenção e resiliência local no enfrentamento de desastres ficou por conta de Ivana Jalowittzki.

Os sinistros decorrentes do vendaval que atingiu a capital gaúcha em 29 de janeiro deste ano impressionam. Apenas na Sompo Seguros foram mais de mil sinistros na ordem de oito milhões de reais em indenizações.

“Tentamos passar este grande aprendizado que tivemos no começo de ano para todos. Este é um novo mercado e uma nova realidade, por isso até, comentei sobre ferramentas para o futuro”, destacou o palestrante Alberto Müller, diretor regional da Sompo Seguros no Rio Grande do Sul.

Müller abordou a visão das seguradoras diante dos eventos decorrentes do forte temporal. O corretor de seguros Christopher Spohr abordou os seguros paramétricos em tempos de mudanças climáticas.

“Naquele dia efetivamente Porto Alegre esteve no olho do furacão e isso impactou no mercado de seguros, que cria outros produtos e até formas de abrangência dos mesmos”, completa Juliano Ferrer, advogado e presidente do Grupo Regional de Trabalho Sul da AIDA Brasil.

Confira imagens no Flickr do JRS:

Porto Alegre no Olho do Furacão

Unimed Odonto cresce acima da média do mercado 309

Unimed Odonto cresce acima da média do mercado

Operadora de planos odontológicos do Sistema Unimed atingiu a marca de 400 mil clientes

O ano de 2018 foi marcado por resultados expressivos na Unimed Odonto, operadora de planos odontológicos do Sistema Unimed, cuja operação é gerida pela Seguros Unimed. Com foco na satisfação dos clientes, na qualificação da gestão e da assistência prestada e na inovação dos canais de relacionamento com beneficiários e dentistas parceiros, a Companhia ampliou sua carteira de clientes em 20,5% nos doze meses encerrados em novembro de 2018. No mesmo período, a expansão do mercado nacional foi de apenas 6,9%, segundo dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). No total, já são mais de 400 mil vidas atendidas. Como resultado da diretriz de crescimento sustentável da Companhia, o faturamento cresceu 8,8% no ano, chegando a R$73,8 milhões. Por sua vez, o lucro líquido teve salto de 294,7%, fechando na casa de R$7,5 milhões.

“No último ano, ganhamos eficiência em nossa operação, estruturando o percurso assistencial do cliente, fortalecemos as parcerias com as cooperativas do Sistema Unimed e ampliamos a qualificação dos nossos colaboradores. Além disso, mapeamos a experiência dos clientes em nossos canais, por meio da nossa célula de inovação digital, e reformulamos nossas plataformas de serviços”, destacou o diretor de Clientes e Produtos da Seguros Unimed, Tajumar Custódio Martins, responsável pelos negócios do ramo odontológico da Seguradora.

Entre os diferenciais da operação estão o atendimento ágil, o uso da tecnologia para aprimorar a experiência dos clientes e parceiros, além de rede ampla e com abrangência nacional, constituída por mais de 21 mil opções de atendimento. As autorizações de tratamento são obtidas on-line e os procedimentos, em sua maioria, são aprovados na hora.

A operadora disponibiliza pesquisa de rede credenciada via SMS. De forma prática, o cliente pode enviar uma mensagem para o número 29012, informando o CEP do local em que deseja atendimento. Em instantes, três opções de dentistas são fornecidas. A consulta de especialistas também pode ser feita pelo aplicativo Guia Unimed Odonto, reformulado recentemente.

Os profissionais credenciados também contam com uma nova plataforma de serviço. Um aplicativo foi disponibilizado, em novembro de 2018, para agilizar o envio de documentações e imagens (como radiografias) à operadora, simplificando a rotina de trabalho.

Em 2019, a novidade será o lançamento do novo portal de serviços da Unimed Odonto, além de iniciativas para aprimorar a interação com os clientes e a rede credenciada.

Chubb nomeia novo Head de Travel Insurance para América Latina 257

Chubb nomeia novo Head de Travel Insurance para América Latina

Lucas Burón será responsável pelo impulsionamento do crescimento planejado no segmento

A Chubb nomeou Lucas Burón como Head de Travel Insurance para a América Latina, que será responsável por todas as atividades da carteira de seguro de viagem, incluindo impulsionar o crescimento planejado para o segmento, desenvolver os negócios, definir e executar a estratégia, fortalecer o relacionamento com os principais parceiros e manter a rentabilidade do negócio.

Lucas Burón chegou à Chubb em 2017, trabalhando na gestão de contas-chave, na renovação e aumento de parcerias, na maximização de receita e no desenvolvimento do negócio. Antes de ingressar na Chubb, trabalhou na AIG Travel Guard por mais de 6 anos, ocupando diversos cargos na Argentina e na Colômbia. Lucas é formado pelo Instituto Privado de la Câmara Argentina de Comércio, onde estudou Comércio Exterior. Atualmente faz MBA na BYU de Idaho.

A nomeação de Lucas Burón entrou em vigor em 1 de fevereiro de 2019 e ele se reportará diretamente a José Sosa, Vice-presidente sênior de A&H e Vida da Chubb América Latina e matricialmente à Alex Blake, Vice-presidente sênior e Head Global de Travel Insurance do Grupo Chubb.

Planetun aplica inteligência artificial ao setor de seguros, em solução inédita 825

Grupo fechou parceria com o IBM; Novidade foi lançada na última terça, em São Paulo (SP)

Um ano desafiador como 2019 exige soluções inovadoras. Uma iniciativa inédita do Grupo Planetun utiliza inteligência artificial para facilitar o momento da vistoria. Inicialmente, a aplicação visa dar agilidade ao seguro de automóvel, mas segundo o CEO e Sócio Fundador da Planetun, Henrique Mazieiro, o recurso também pode ser integrado para outros tipos de apólice.

Henrique Maziero é CEO e sócio-fundador do Grupo Planetun
Henrique Mazieiro é CEO e sócio-fundador do Grupo Planetun

“Estamos trazendo essa novidade, transformando nosso produto de auto vistoria e tornando-o muito mais interativo. Isso resolve um grande problema, pois, apesar do aplicativo ser um sucesso, um bom percentual (30%) das fotos enviadas pelos clientes não podem ser aproveitadas pelas seguradoras, pois muitas vezes ele não sabe e, em minha opinião, nem precisa se preocupar com isso”, explica Mazieiro. A inovação foi lançada em parceria com o IBM, na última terça-feira (12), em São Paulo (SP).

A plataforma Watson em um ambiente cloud faz a validação em tempo real das imagens enviadas pelos segurados. “Ele mostra se temos uma foto de carro, se o veículo está ligado, se a angulação da foto está correta, o que vai direcionando o cliente em como registrar as imagens. Isso significa redução de custo e tempo na hora da vistoria, que pode ser concluída entre 6 horas e um dia. Cabe destacar ainda a praticidade e a comodidade que essa solução traz, uma vez que o cliente não precisará se locomover para fazer a vistoria”, revela.

A ideia da Planetun foi melhorar a experiência do cliente e dos usuários do aplicativo aproveitando ao máximo o que a mobilidade permite nos dias de hoje.

“Antes o cliente teria de agendar a aguardar, em algum horário incerto, a visita do vistoriador. Foram mais de 180 mil usos da aplicação em 2017. Fazemos ainda inspeção residencial, comércio e serviços, que também terão em breve essa solução de inteligência artificial”, diz Mazieiro.

O módulo de antifraude capta todas as informações das fotografias enviadas pelo segurado. “Isso propicia justamente saber se as imagens já foram utilizadas em algum outro momento por alguma outra seguradora em nosso sistema”, afirma.

Henrique Mazieiro conta que a Planetun não sentiu a desaceleração da economia brasileira, em crise há alguns anos. “Isso acontece justamente porque nossas soluções são baseadas em redução de custo e melhoria de processos, o que vem de encontro ao que as empresas estão buscando nos dias de hoje”, completa.

Além da insurtech, o Grupo Planetun também oferece facilidades ao backup das seguradoras, no ramo de serviços com apoio e suporte a diversos produtos. “É preciso despertar para o futuro. Quem ainda não é nosso parceiro pode entrar em contato conosco que, certamente, iremos atender com qualidade”, finaliza.

Tokio Marine registra crescimento de 11,3% na Região Sul em 2018 321

Rogério Spezia é Diretor Comercial Varejo Sul da Tokio Marine / Divulgação

Regional registrou recorde histórico de Margem de Contribuição superior a R$ 90 milhões

Superação. Está é a palavra que define o desempenho da Diretoria Comercial Sul da Tokio Marine em 2018. A Regional emitiu R$ 632 milhões em prêmios no ano passado, o que representa um crescimento de 11,3% em relação a 2017 e, além disso, registrou pela primeira vez na História uma Margem de Contribuição superior a R$ 90 milhões. Foi um ano marcado pela intensificação do relacionamento com os quase 4 mil Corretores locais.

“A proximidade com os Corretores e Assessorias é uma parte fundamental do nosso trabalho e como fruto da estratégia de expansão da atuação no Sul, a Companhia abriu um novo escritório em Passo Fundo (RS), que já está atendendo 200 Parceiros de Negócios. Isso demonstra a confiança da Tokio Marine no potencial econômico da região. Para atingirmos os bons resultados no ano, destaco também o apoio da Matriz, essencial para encontrarmos soluções adequadas às demandas específicas em seguros dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina”, afirma o Diretor Comercial Varejo Sul da Tokio Marine, Rogério Spezia.

O trabalho dos Corretores atendidos pela Diretorial Sul resultou no crescimento de diversas carteiras. Um dos destaques foi o Seguro de Riscos Nomeados, que cresceu 59,6% em 2018. A Seguradora também registrou aumento de 29,6% nos prêmios dos Seguro Condomínio. Seguindo a tendência de crescimento, o Seguro Auto continuou com bons resultados, com aumento de 15,7% na Regional.

Para 2019, as perspectivas são de continuidade dos investimentos em Qualidade de Produtos e Serviços e abertura de mais um escritório no Sul, em Maringá (PR). “Agradeço aos Corretores e às Assessorias pela parceria e reafirmo nosso compromisso de ficar cada vez mais próximos neste ano. Continuaremos investindo em inovações tecnológicas para oferecer soluções ágeis e eficientes aos nossos Parceiros e Clientes. Já estamos pensando inclusive na abertura de outro ponto de atendimento na região”, conclui o Diretor Rogério Spezia.

RS: Roubos de veículos caem 31% em Porto Alegre e 25% no Estado 310

RS: Roubos de veículos caem 31% em Porto Alegre e 25% no Estado

Dados de janeiro foram divulgados ontem pela Secretaria de Segurança Pública

A capital gaúcha registrou 550 roubos de veículos em janeiro, o número é 31% que os 796 registrados em 2018. No Rio Grande do Sul a queda foi de 25%, 1.183 casos ante 1.580 no ano passado.

A Brigada Militar lançou a Operação Avante em janeiro do ano passado, visando combater esse tipo de crime. A inteligência passou a utilizar os dados estatísticos para o direcionamento de policiais para locais com maiores índices de roubos e outros crimes.

Em 2016 o Rio Grande do Sul era o quarto Estado do País no número de veículos roubados. Em 2014, segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Porto Alegre foi a capital que liderou o ranking.