Justiça derruba liminar e Youse Seguros pode operar 1206

Plataforma de vendas online da Caixa Seguradora afirma que atua em conformidade com a legislação

O juiz Alberto Nogueira, da 10ª Vara Federal de Brasília, derrubou hoje a liminar que proibia a venda de seguros por meio da Youse, plataforma de vendas online da Caixa Seguradora. A suspensão foi solicitada pela Federação Nacional dos Corretores de Seguros (Fenacor) com a alegação de que a Youse é uma empresa apartada da Caixa, que estava rompendo a tradição do mercado de comercializar seguros por meio de corretores.

A briga entre a Caixa Seguradora e os corretores está provocando alvoroço no governo, sobretudo por ter o envolvimento direto da Superintendência de Seguros Privados (Susep), órgão responsável pela regulação e fiscalização do mercado segurador. A autarquia é vinculada ao Ministério da Fazenda.

De acordo com a Fenacor e o Sindicato dos Corretores de Seguros do Estado de São Paulo, a Youse vinha atuando de forma irregular e ilegal ao comercializar apólices de seguros mesmo sem ter a devida autorização do órgão regulador do mercado, a Superintendência de Seguros Privados (Susep).

“O Sincor-SP permanece sempre atento e mobilizado ao contínuo e incansável combate à ilicitude e ao crime que ameacem o setor de seguros, e, consequentemente levem o consumidor a ter uma decepção com o seguro”, afirma Camillo.

Em nota à Redação do Grupo JRS Comunicação, a Youse alega ser uma marca registrada e uma plataforma de vendas online da Caixa Seguradora. O posicionamento ainda afirma que a empresa opera em total conformidade com a atual legislação em vigor, é registrada na Susep e está autorizada a realizar vendas de seguros de automóvel, de vida e residência (produtos da Caixa Seguradora).

A assessoria da plataforma diz ainda que o processo de autorização de uma nova seguradora, pertencente ao grupo controlador Caixa Seguradora Holding, segue seu trâmite normal e ocorre de forma totalmente independente da atual operação da Youse.

Mongeral Aegon promove encontro com Sincor-SP 704

Encontro Mongeral Aegon e Sincor-SP / Divulgação

Companhia completa 185 anos em janeiro

A seguradora multinacional Mongeral Aegon recebeu na sua sede, na cidade do Rio de Janeiro, as diretorias executiva e regional do Sincor-SP. O encontro aconteceu nos últimos dias 8 e 9 de agosto. Na ocasião, os participantes puderam conhecer um pouco das instalações da companhia, que completa 185 anos em janeiro, além de participar de reuniões e palestras com a diretoria e lideranças da seguradora. Foram apresentados temas como as oportunidades do mercado de vida e previdência e as ações de valorização realizadas pela companhia para os corretores.

“Este encontro foi muito importante para, além de conhecer as instalações da Mongeral Aegon no Rio de Janeiro, estreitarmos ainda mais os laços enquanto distribuidores deste mercado. O convite certamente é uma demonstração de prestígio que será recompensada com muita parceria e produção”, comentou Alexandre Camillo, presidente do Sincor-SP.

Para Marco Antônio Gonçalves, vice-presidente do Conselho Consultivo da Mongeral Aegon, é fundamental realizar estas ações juntamente com o mercado. “Neste ano, já realizamos um encontro nacional com os presidentes dos sindicatos e com a diretoria da Fenacor, que foi muito proveitoso. Agora, estamos nos aproximando cada vez mais das iniciativas locais, e o encontro com o Sincor-SP foi o que deu início a estas iniciativas da companhia. Tenho certeza de que todos saíram do encontro com ideias para estreitar ainda mais a aliança com a seguradora e com o mercado de vida”, comentou o executivo.

Planejamento é fundamental para um ambiente de negócios dinâmico 580

Planejamento é fundamental para um ambiente de negócios dinâmico

Advogado Juliano Ferrer participou de encontro mensal do Clube da Pedrinha (RS)

A noite desta terça-feira (13) foi especial aos integrantes do Clube da Pedrinha em Seguros do Rio Grande do Sul. Em encontro realizado no Restaurante Casa do Marquês, em Porto Alegre (RS), recebeu o advogado Juliano Rodrigues Ferrer para um bate-papo.

A atualização constante dos profissionais dos setores de seguros e também do próprio ambiente jurídico foi abordada pelo também diretor e vice-presidente da seccional brasileira da Associação Internacional de Direito do Seguro (AIDA Brasil). Ferrer aposta na conciliação e no planejamento para evitar a judicialização das operações de empresas do setor de seguros. O especialista ainda abordou algumas ações inovadoras e como elas aprimoram o ecossistema deste ambiente de negócios.

O advogado também integra a Comissão de Seguros e Previdência Complementar da OAB/RS. Membro da Academia Nacional de Seguros (ANS) e professor do curso de pós-graduação em Direito do Seguro na CESUSC e da Universidade Positivo do Paraná, o especialista possui constante produção de artigos para diversos veículos de Comunicação e divide, com outros sócios do escritório, a autoria do livro Conflitos Que Geram Produtos, com edição esgotada.

Confira todas as imagens:

Previsul Seguradora apoia o Risorama 2019 576

Previsul Seguradora apoia o Risorama 2019

Até novembro, serão 16 apresentações em oito diferentes cidades

A Previsul e a Caixa Seguradora são apoiadoras do Risorama 2019, pioneiro e um dos maiores festivais de humor do Brasil. Até novembro, serão 16 apresentações em oito diferentes cidades como Londrina, Maringá, Joinville, Porto Alegre, Campinas, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Chapecó. O apoio se dá via Lei de Incentivo Fiscal.

“A expertise da Previsul é cuidar das pessoas. Somos uma seguradora que tem como carro-chefe a comercialização de seguros de pessoas, garantindo tranquilidade e bem-estar aos segurados. Acreditamos que sorrir, dar risada e estar alegre é algo muito importante para o bem-estar de todos. E o Risorama proporciona exatamente isso: momentos de descontração que trazem bem-estar às pessoas”, afirma o presidente Renato Pedroso.

“O corretor de seguros, principal parceiro da Previsul, não poderia ficar fora disso. Por isso, estamos realizando ações, conforme as praças das apresentações, para presenteá-lo com pares de ingresso, proporcionando momentos de bem-estar”, diz Andréia Araújo, diretora de Negócios e Marketing.

Nomes como Hallorino Jr, Marcus Cirillo, Patrick Maia, Criss Paiva, Giovanna Fagundes, Guri de Uruguaiana, Diogo Portugal e Rafael Cortez se apresentarão no Risorama, que tem como principal diferencial o seu formato. Considerada a “balada do humor”, o evento é produzido em espaços que se transformam em um grande bar, como um verdadeiro e amplo comedy club itinerante, com cadeiras e mesas compartilhadas, serviço de garçom e venda de bebidas e comidas de boteco. “O Risorama foi pioneiro em seu formato no Brasil. O público pode dar boas risadas, comer umas comidinhas de boteco, tomar uma boa cerveja com os amigos e aproveitar o show dentro desse clima”, completa Diogo Portugal, humorista paranaense que faz a curadoria do evento. A programação e venda de ingressos está disponível neste site,

Com 113 anos de atuação, a Previsul Seguradora é referência em seguro de pessoas no Brasil. Está presente em 12 estados brasileiros, com aproximadamente 30 pontos de atendimento em todo o país, que oferecem todo o suporte para o corretor, principal parceiro da Previsul.

Sancor Seguros participa da 17ª edição do Troféu JRS, em Porto Alegre (RS) 495

Sancor Seguros participa da 17ª edição do Troféu JRS, em Porto Alegre (RS)

Noite especial reúne mais de 1 mil convidados, no Centro de Eventos Casa do Gaúcho

A Sancor Seguros, grupo segurador com mais de 70 anos de atuação na América Latina, participa da 17ª edição do Troféu JRS. A noite especial do mercado segurador reúne mais de 1 mil convidados, no Centro de Eventos Casa do Gaúcho, em Porto Alegre (RS). Tudo acontece a partir das 20h30min do dia 25 de outubro de 2019.

Além de tratar-se de uma noite de comemoração aos resultados de mais um ano de trabalho dos profissionais de setores que crescem acima da média nacional, como os mercados de seguros, previdência e capitalização, ressalta os destaques, projetos, profissionais, empresas e entidades deste importante segmento da economia brasileira.

Deste modo a Sancor Seguros não poderia ficar de fora. O Troféu JRS recebe convidados especiais, como corretores de seguros, agentes de negócios, executivos das companhias de seguros e demais nomes de destaque do setor. A companhia de seguros preza por levar experiência e valores como a maior e mais importante seguradora da Argentina para toda a América.

Saiba absolutamente todos os detalhes do Troféu JRS 2019 no hotsite especial.

Inteligência Artificial incentiva seguros mais personalizados e segurados mais precavidos 509

Fabio Polonio é diretor da Sistran Informática / Divulgação

Em palestra no Insurance Day, o diretor da Sistran, Fabio Polonio, abordou como a análise de dados em tempo real tende a mudar o comportamento do segurado e permite a criação de novos produtos

A Inteligência Artificial e a crescente adoção da tecnologia estão transformando toda a cadeia do mercado de seguros, cujas companhias podem oferecer produtos mais personalizados e que beneficiam os segurados de melhor risco. Fabio Polonio, diretor da Sistran Informática especialista em Inteligência Artificial e transformação digital para empresas, levantou o tema em palestra no evento Insurance Day, realizado na última quinta-feira (08 de agosto), pela StartSe.

Em sua apresentação, ele comentou que o novo momento começa a partir do monitoramento do cliente de seguros pelo smartphone e outros dispositivos conectados com IoT (Internet das Coisas). Por meio de algoritmos de Inteligência Artificial, seguradoras analisam os dados do consumidor para oferecer produtos personalizados e em tempo real. Dependendo do comportamento do segurado pode variar também a precificação, o que o incentiva a ser cada vez mais precavido.

“Seguros serão baseados no comportamento do consumo a partir do monitoramento das jornadas e análise dos dados”, diz o diretor da Sistran. Para exemplificar este novo modelo de seguros, Fabio Polonio divide o cotidiano das pessoas em jornadas. Entre elas, por exemplo, há a jornada do transporte. “Imagine que uma pessoa, que tem um seguro digital instalado no smartphone, resolve usar um patinete elétrico de uma startup de micromobilidade compartilhada para ir ao trabalho. Sabendo, a partir da análise de dados, que o caminho é longo e acidentado, a seguradora oferece, em tempo real e de forma automática, um produto específico para esta viagem, cujo valor foi calculado diante dos riscos do trajeto. Na hora, o cliente decide fazer esta apólice ou não. Depois de sair do trabalho, ele resolve alugar um carro e ir direto para sua casa na praia. Como o seguro já sabe, pela Inteligência Artificial aplicada a dados, que ele é bastante prudente ao volante, é oferecido um produto de valor baixo para a cobertura desta viagem. Novamente, cabe ao consumidor a decisão de aceitar a sugestão”.

Este modelo estimula que as pessoas dirijam de forma mais cuidadosa, por exemplo, para que ela receba produtos mais baratos das seguradoras. “Isso é apenas uma das minhas jornadas do dia. Eu posso mudar de uma jornada para outra e a tecnologia vai registrando todos os meus dados até o momento que eu precisar de um seguro”, explica Fabio Polonio.

Outro caso seria na jornada da alimentação. “Um seguro de saúde com Inteligência Artificial certamente é mais caro para alguém que se alimenta somente com fast food, enquanto uma pessoa que tem um equilíbrio nas refeições receberia produtos mais vantajosos”, aponta.

Da mesma forma que a transformação chega ao comportamento do cliente, os profissionais da área também precisam se atualizar. Segundo o especialista, quem está dentro das seguradoras precisa aprender a tomar decisões baseadas em dados e em resultados. “O principal aspecto da mudança não é a tecnologia, é a cultura das empresas”.

Ele explica como fazer a mudança de mindset para o novo e colaborativo mundo. “Esqueça a expressão ‘cada um no seu quadrado’, o trabalho é interdisciplinar. O processo decisório deve ser baseado em dados, não em líderes. Da aversão ao risco à organização ágil, experimentadora e adaptável”, e finaliza com dicas para o sucesso no novo modelo. “Esteja a par das tendências e tecnologias de Inteligência Artificial; Desenvolva e inicie a implementação de um plano estratégico coerente; Crie e execute uma estratégia de dados completa (e a governança!); Desenvolva os talentos adequados e a infraestrutura de tecnologia; Invista muito em educação e capacitação; Associe-se, incube, estabeleça parcerias, patrocine as insurtechs”.