Previsul leva corretores de seguros para Cancún 803

Companhia lançou nova etapa da “Sou+Previsul” na noite desta terça-feira, em Porto Alegre (RS)

A Associação Náutica Veleiros do Sul, em Porto Alegre (RS), foi o cenário ideal para o lançamento da nova etapa da campanha “Sou+Previsul”. Agora, os corretores que acumularem mais de R$ 6.000 em vendas por mês ganha prêmios e concorre a uma viagem para Cancún, no México, com direito a um acompanhante. Serão 15 vencedores que desfrutarão deste paraíso de belezas naturais e cultura ancestral.

Gilberto Bittencourt, gerente da sucursal gaúcha da Previsul Seguradora, em entrevista ao programa Seguros Sem Mistério. William Anthony/JRS

O gerente da sucursal gaúcha da Previsul, Gilberto Bittencourt, agradeceu aos representantes das entidades de classe do mercado de seguros, presentes no evento. “Lembro ainda de nossa equipe comercial que faz tudo acontecer junto aos nossos principais parceiros de negócios, os corretores de seguros”, disse.

A diretora de negócios Andreia Araújo já entrou no clima de Cancún, no México. William Anthony/JRS

Na oportunidade, a companhia ainda lançou sua nova campanha institucional: “Para o hoje ser + leve, como a vida pede”. A peça é assinada pela Bistrô, nova agência de publicidade da seguradora. “Buscamos uma agência que compreendesse essa proposta de leveza sempre ao lado de toda nossa equipe de marketing, comerciais, gerentes e subscrição de riscos”, explicou a diretora de negócios Andreia Araújo.

Norteada pelo slogan “Você+ leve muito em breve”, a iniciativa é uma forma de reconhecer o trabalho dos profissionais que fazem a distribuição dos produtos da Previsul. Outros 15 profissionais do seguro foram os destaques do ano de 2016 e embarcam para Las Vegas, nos Estados Unidos. Destes, 6 são do Rio Grande do Sul.

Renato Pedroso, presidente da Previsul Seguradora, no evento de lançamento da campanha “Sou+Previsul”. William Anthony/JRS

“Hoje alcançamos a marca de 4.450 corretores de seguros que trabalham conosco, para nós, isso é motivo de orgulho. Temos muita oportunidade para chegar aos demais profissionais que atuam no ramo vida, mas também queremos incentivar corretores de ramos elementares ou multirrisco, por exemplo, a conhecer os produtos da companhia”, disse Renato Pedroso, presidente da Previsul. “Estamos entre as 20 maiores companhias de seguros do Brasil, crescendo com rentabilidade e com níveis saudáveis de sinistralidade, sempre agregando novos corretores para manter a expansão de dois dígitos, registrado no ano passado”, completou.

Redução de custos na saúde interessa a toda a sociedade 564

Redução de custos na saúde interessa a toda a sociedade

Em audiência no Senado, superintendente da FenaSaúde defendeu busca de modelo sustentável para ampliar acesso de consumidores à saúde suplementar

A redução dos custos dos planos de saúde é um objetivo comum dos beneficiários, das operadoras do setor e de toda a sociedade brasileira. A opinião é de Sandro Leal Alves, superintendente de Regulação da Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde), que participou, no dia 15 de agosto de 2019, de audiência pública no Senado sobre o tema “inflação dos planos de saúde”.

Em sua apresentação, Alves mostrou que as despesas das operadoras de saúde suplementar cresceram 135,4% entre 2012 e 2018. Os custos crescentes, de acordo com o superintendente da FenaSaúde, devem-se a fatores como o envelhecimento populacional, o avanço de doenças crônicas como hipertensão e diabetes, a incorporação de novas tecnologias sem a devida análise da razão entre custo e efetividade terapêutica e o aumento da frequência de utilização dos serviços. “O Brasil é um dos líderes na realizaç&atild e;o de exames de alta complexidade”, exemplificou. “O preço e frequência de uso desses procedimentos têm efeito direto no crescimento da despesa assistencial e, consequentemente, no bolso dos consumidores”, esclareceu.

“Muitos dos preços da saúde suplementar, como próteses implantáveis ou medicamentos de uso exclusivo em hospitais, não são capturados pelo IPCA”, explicou. Para ele, o desafio do sistema de saúde é identificar os motivos pelos quais as despesas assistenciais se situam num patamar acima do poder aquisitivo dos consumidores. “É interesse de todos que os custos se tornem sustentáveis”, disse. “No caso das operadoras, até para que novos consumidores consigam usufruir dos planos de saúde suplementar.”

A audiência pública no Senado foi promovida pela Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização, Controle e Defesa do Consumidor. Além do superintendente de Regulação da FenaSaúde, participaram do encontro Maurício Nunes da Silva, diretor-adjunto de Normas e Habilitação de Produtos da ANS, Ana Carolina Navarrete, pesquisadora do IDEC, e Carlos Octávio Ocké-Reis, economista do IPEA. A audiência foi mediada pelo senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL).

Prudential do Brasil Vida em Grupo realiza primeiro workshop colaborativo com corretores de seguros 430

Prudential do Brasil Vida em Grupo realiza primeiro workshop colaborativo com corretores de seguros

Ação, que acontece em São Paulo e no Rio de Janeiro, tem o objetivo de otimizar o processo de comercialização dos seguros de vida em grupo a partir da troca de experiências entre a companhia e os corretores

A Prudential do Brasil Vida em Grupo acaba de realizar o VG Lab, primeiro workshop colaborativo da empresa com corretores de seguro. A ação, que aconteceu na última terça-feira, 13 de agosto, em São Paulo e terá uma edição no próximo dia 19 de agosto, no Rio de Janeiro, tem o objetivo de otimizar, ainda mais, o processo de comercialização dos seguros de vida em grupo a partir da troca de experiências entre a companhia e os corretores.

Durante o encontro em São Paulo, conduzido em parceria com a Laje Consultoria, especialista em inovação e aprendizagem para organizações, profissionais da Prudential e cerca de 20 corretores habilitados para comercializar os produtos da companhia participaram de dinâmicas com base nas técnicas de Design Thinking, a partir das quais o grupo levantou uma série de ideias, oportunidades e desafios existentes no processo de venda. O resultado foi uma enriquecedora experiência para incrementar a rotina de trabalho.

“O VG Lab representa uma forma inovadora de aproximação da Prudential do Brasil com corretores de seguros na medida em que podemos encontrar, juntos, ferramentas e mecanismos que ampliam ainda mais a qualidade das vendas e a proximidade com os segurados. A iniciativa também fortalece a parceria com os corretores e permite estabelecermos em conjunto o crescimento sustentável no nosso ramo de atuação”, destaca o vice-presidente de Vida em Grupo da Prudential do Brasil, Carlos Guerra.

Divulgação
Divulgação

Para Natan Zalcman, proprietário da Zalcman Corretora de Seguros, o evento pode ser visto como um marco importante para a relação de parceria entre seguradoras e corretores de seguros. “Em 20 anos de experiência no mercado segurador, posso dizer que o movimento de proximidade com os corretores de seguros normalmente acontece de forma unilateral, com as seguradoras promovendo encontros com modelos já embalados de informações sobre produtos e sistema de vendas. O fato de ter esse convite para ouvir o nosso feedback é muito positivo e amplia ainda mais a nossa confiança na companhia”, ressalta.

O primeiro VG Lab da Prudential do Brasil também contou com um quiz ao final do workshop, no qual os corretores vencedores ganharam prêmios como produtos para a casa e um par de ingressos para o Rock in Rio 2019, o maior festival de música e entretenimento do mundo, o qual a Prudential do Brasil será a seguradora oficial este ano. Por fim, o grupo ainda participou de um descontraído happy hour.

O próximo VG Lab será no Rio de Janeiro, dia 19 de agosto, às 13h, no Hotel Prodigy – Santos Dumont (Av. Almirante Silvio de Noronha, nº 365). Após o encontro, também haverá happy hour exclusivo para os participantes convidados no charmoso Xian, que possui uma bela vista para um dos principais cartões-postais da cidade: o Pão de Açúcar.

Encontro de Líderes integra lideranças da Previsul de todo o Brasil 635

Encontro de Líderes integra lideranças da Previsul de todo o Brasil

Encontro foi realizado no Hotel Estância Estribo

A Previsul Seguradora reuniu nesta quarta, quinta e sexta-feira (14 a 16 de agosto) cerca de 65 líderes de todo o Brasil, entre gerentes, coordenadores, diretores e o presidente, Renato Pedroso, no Encontro de Líderes. Durante o evento, realizado no Hotel Estância Estribo, em Santo Antônio da Patrulha (RS), eles participaram de palestras e dinâmicas que reforçaram o posicionamento de inovação, a partir das lideranças.

Um dos destaques da programação foi a palestra sobre tecnologia e inovação, com o escritor Marcos Piangers, e o workshop com a Aerolito, um laboratório de exploração de cenários futuros, que ajuda pessoas e organizações no processo de absorção de um mindset digital e pós-digital.

Fernando Moraes (diretor de RH), Andréia Araújo (diretora de Negócios e Marketing), Marcos Piangers, Renato Pedroso, Thiago Soares (diretor Técnico) e João Paulo Mirosvick (diretor de Operações) / Foto: Salomão Cardoso
Fernando Moraes (diretor de RH), Andréia Araújo (diretora de Negócios e Marketing), Marcos Piangers, Renato Pedroso, Thiago Soares (diretor Técnico) e João Paulo Mirosvick (diretor de Operações) / Foto: Salomão Cardoso

“Somos uma seguradora orientada para o futuro. Isso significa que em nosso presente estamos constantemente em evolução para sermos cada vez mais completos. E acreditamos que esse movimento começa pelo exemplo dos nossos líderes, em buscar sempre inovar e estimular as equipes em colaborar para esse ambiente de evolução”, afirma o presidente Renato Pedroso.

Foto: Salomão Cardoso / Divulgação
Foto: Salomão Cardoso / Divulgação

Na avaliação do diretor de RH, Fernando Moraes, manter as lideranças unidas, alinhadas e trabalhando em conjunto é fundamental. “Os líderes precisam saber que são parte essencial da empresa. São eles que orientam os colaboradores e dão os devidos direcionamentos para todas as equipes, para que a companhia tenha uma entrega cada vez mais eficiente”, observa.

A diretora de Negócios e Marketing, Andréia Araújo, destaca que é importante que os líderes estejam reunidos para entregar as melhores soluções para os parceiros corretores. “Este é um momento especial e dedicado aos nossos líderes. Além de um momento de aprendizado e troca de conhecimento, é uma oportunidade para pensar e olhar as coisas de uma forma diferente, trazendo mais inovação para o dia a dia dos profissionais”, afirma.

Com 113 anos de atuação, a Previsul Seguradora é referência em seguro de pessoas no Brasil. Está presente em 12 estados brasileiros, com aproximadamente 30 pontos de atendimento em todo o país, que oferecem todo o suporte para o corretor, principal parceiro da Previsul.

MAPFRE Consórcios registra crescimento de 23% no primeiro semestre de 2019 432

MAPFRE Consórcios registra crescimento de 23% no primeiro semestre de 2019

Área obteve um desempenho médio acima do mercado, que teve aumento de 14,75% no acumulado de vendas de novas cotas

No primeiro semestre de 2019, a MAPFRE Consórcios, empresa associada à BR Consórcios, mais que dobrou a venda de cartas de crédito para o segmento de serviços. Na comparação com o mesmo período no ano passado, os negócios da companhia apresentaram um crescimento de 23% na venda de consórcios nos segmentos de automóveis, imóveis, motocicleta, maquinários e outros serviços como viagens, casamento, entre outros.

Segundo a Abac (Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios), o setor encerrou o primeiro semestre do ano com aumento de 14,75% no acumulado de vendas de novas cotas, alcançando 1,40 milhão em comparação ao mesmo período de 2018, quando totalizou 1,22 milhão.

Divulgação
Divulgação

Durante os seis primeiros meses do ano, a companhia teve um crescimento nas cotas de crédito comercializadas, sendo de 39% para automóveis, 6% em imóveis e 156% para serviços. “O consórcio é uma modalidade de crédito bem abrangente e com valores acessíveis para qualquer faixa salarial”, comenta Patricia Siequeroli, diretora da MAPFRE Consórcios.

A MAPFRE Consórcios atribui o bom desempenho a seu portfólio diversificado, otimização no trabalho de apoio e suporte, e foco aos clientes, especialmente, por meio da inclusão de novos produtos no portfólio da companhia. “Em maio, começamos a comercializar consórcios para aquisição de imóveis no exterior. Com isso, ampliamos nossa expectativa de gerar ainda mais negócios ao longo do ano”, afirma Patricia.

SulAmérica integra o índice FTSE4Good da bolsa de valores de Londres pelo terceiro ano consecutivo 542

Tomás Carmona, superintendente de Sustentabilidade da SulAmérica / Divulgação

Seguradora apresentou desempenho acima da média no setor

A SulAmérica foi confirmada novamente no FTSE4Good, reconhecido como um dos mais importantes índices internacionais de sustentabilidade e que tem como base dados domínio público, tais como relatórios financeiros e de sustentabilidade, atendendo aos rígidos critérios de seleção que analisam cerca de 300 indicadores diversos.

O FTSE4Good é aferido pela Financial Times Stock Exchange (FTSE) Russell, uma divisão da bolsa de valores de Londres. Ele é composto por empresas com fortes práticas ASG (ambiental, social e de governança) e norteia uma ampla variedade de participantes do mercado para criar e avaliar fundos de investimento responsáveis e outros produtos.

Com base na pontuação obtida, a companhia apresentou desempenho acima da média comparado ao setor de seguros e do país.

“Nosso desempenho, traduzido em um índice extremamente importante, demonstra que nossas políticas e processos, pautados nos critérios ASG, conduz a SulAmérica para uma solidificação da marca cada vez maior, sendo reconhecida tanto pela sustentabilidade nos negócios quanto no impacto positivo que causa na sociedade”, afirma o superintendente de Sustentabilidade da seguradora, Tomás Carmona.

Tomás, que também é membro do conselho do PSI (Princípios para a Sustentabilidade em Seguros) – programa das Nações Unidas (ONU) que tem como objetivo servir como um framework para analisar riscos e oportunidades ambientais, sociais e de governança corporativa para a indústria de seguros global -, acredita que a integração no índice é um atrativo para investidores.