JRS contrata o fotógrafo Matheus Pé 17161

Novo contratado cursa Relações Públicas na PUCRS

Matheus Pé/JRS
Matheus Pé é o novo fotógrafo do JRS / Divulgação

O fotógrafo Matheus Pé agora passa a fazer parte da equipe mais segura do Brasil. A Revista JRS conta com a expertise de diversos profissionais formados e em processo de formação, sempre visando os altos níveis de qualidade na prestação de serviços realizados pela empresa de jornalismo especializado. O novo contratado cursa a graduação de Relações Públicas, na PUCRS.

Aos 22 anos, Pé demonstra entusiasmo com o novo cargo. “Estou feliz e realizado em trabalhar em uma empresa de tanto prestígio no setor de seguros. Espero fazer jus a confiança depositada em meu trabalho e manter a credibilidade dessa respeitada empresa”, afirma.

A contratação faz parte de uma série de novidades que serão anunciadas ao longo dos próximos dias. No final de julho, o JRS completou 18 anos de história, sempre ligado ao mercado de seguros, previdência e capitalização.

Porque o mercado de criptomoedas ganha cada vez mais espaço e credibilidade 642

Criptomoedas

Confira artigo de Jaime Schier, diretor comercial do Grupo Bitcoin Banco

Desde que alcançou ampla popularidade no fim do ano passado, o mercado de criptomoedas esteve marcado por discussões que envolvem a confiabilidade do sistema, a segurança, a transparência, a regulamentação ou a alta volatilidade da moeda. A verdade é que essa agenda é superada a cada dia pela revolução que o bitcoin vem causando no sistema financeiro. As criptomoedas possuem um valor de US$ 200 bilhões e somam mais de US$ 6 trilhões desde que surgiu, segundo dados de abril deste ano.

Descentralizado e distribuído, ou seja, não controlado por nenhuma entidade ou governo, o mercado de cripto está ancorado na blockchain, o que garante segurança e praticamente impede ataques ou adulteração. Para se ter uma ideia, hoje seriam necessários US$ 56,5 bilhões e uma estrutura computacional como a da Nasa para burlar a rede Bitcoin.

Qualquer movimentação em bitcoin fica registrada e disponível para visualização na blockchain por parte dos usuários. Ainda assim, as consultas são feitas aleatoriamente e as ligações entre as transações exigem um conhecimento aprofundado de navegação nos incontáveis nós da rede.

Isso já começa a fazer das exchanges agentes do processo de transparência e de combate a crimes como lavagem de dinheiro. Alguns magistrados de diferentes órgãos do Poder Judiciário têm demandado consultas às nossas bases de dados, e o fazem requisitando informações e até bloqueio de eventual saldo em criptomoedas, vinculado a determinado CNPJ ou CPF tornado réu em alguma operação criminal.

A ausência de regulamentação específica do setor também já não inibe o mercado. Esse é um segmento extremamente organizado e a prova está na tributação de suas atividades, mesmo sem definição da categoria. As criptomoedas precisam ser declaradas ao fisco brasileiro no Imposto de Renda, por exemplo.

Além disso, ganha força a defesa da autorregulação. Entende-se que o Conselho Monetário Nacional poderia outorgar, como já se faz no mercado imobiliário, poderes a associações que têm como objeto social a defesa do mercado de criptomoedas. Essas entidades, com notória e irrefutável expertise no segmento, ficariam encarregadas da regulação, supervisão, fiscalização e certificação do criptomercado, com vistas a preservar a segurança, eficiência e integridade das operações de negócios e ofertas.

O ideal é que um dia cheguemos ao patamar de países como o Japão, que promoveu a autorregulação e passou a reconhecer as criptos como “moedas legais”, a aumentar a fiscalização contra operações ilegais e para segurança dos investidores. Até mesmo o governo aceita receber seus impostos em moedas virtuais e recentemente um banco tradicional do país passou a fazer oferta de criptomoedas.

O bitcoin também ganha força como forma de investimento. Ao comprar na “baixa” e vender na “alta” e realizar negociações até mesmo com outros usuários das plataformas das exchanges, é possível conseguir boa rentabilidade mesmo em ambiente alta volatilidade. Ganha ritmo agora o uso das criptomoedas como meio de troca de produtos e serviços, especialmente pela possibilidade de realizar transações de maneira rápida, ágil e acessível. Em todo o mundo, são mais de 13,5 mil estabelecimentos, de acordo com o site CoinMap.org, que realiza o monitoramento.

A expansão deve continuar mesmo diante de resistência no sistema financeiro tradicional. Para entrar no segmento de criptos ainda é preciso fazer a troca pela moeda fiduciária e passar pelos bancos, mas a tendência é de que haja uma transformação cada vez maior nesse novo mundo que vai muito além da simples compra e venda de bitcoins.

É com essa certeza que o Grupo Bitcoin Banco investe em estruturas que materializam o mundo das criptomoedas. Nossa agência física em Curitiba é pioneira e oferece produtos concebidos inclusive para quem não tem intimidade com moedas digitais. Entre eles, modalidades de investimento por 90 ou 180 dias, com ou sem possibilidade de trade, que remuneram o cliente com 1% ao mês em bitcoin, com base no valor investido. Na plataforma La Rêve, um depósito por 12 meses permite escolher um “presente” no valor correspondente.

Com as inovações, o Grupo Bitcoin Banco prova ser possível fazer investimento seguro e transparente em criptomoedas, sem risco de perdas. Mais um caminho para oferecer ainda mais credibilidade e consolidar o mercado de criptomoedas.

Como o corretor de seguros deve aproveitar as datas comemorativas para vender mais 299

Vendas em datas comemorativas

Aprenda a fazer isso de uma forma muito simples

Todo mundo que trabalha com a comercialização de algum produto ou serviço sabe que é interessante contar com datas comemorativas para vender mais.

No Brasil, possuímos muitas datas comemorativas, tanto religiosas como épocas do ano em que acontecem férias coletivas, ou mesmo campanhas ganham mais visibilidade. São exatamente essas datas que devemos aproveitar.

Todo mundo que trabalha com a comercialização de algum produto ou serviço sabe que é interessante contar com datas comemorativas para vender mais.

No Brasil, possuímos muitas datas comemorativas, tanto religiosas como épocas do ano em que acontecem férias coletivas, ou mesmo campanhas ganham mais visibilidade. São exatamente essas datas que devemos aproveitar.

Quer alguns bons exemplos? Simples: em dezembro inicia o verão em nosso país e com a estação vem as férias coletivas de final de ano, e datas comemorativas como Natal e Réveillon.

Isso significa que, essa é uma época em que muitas pessoas viajam com a família, logo, é uma excelente época para vender seguros viagem, seguro auto e muitos outros serviços.

Neste artigo, você entenderá melhor como o corretor de seguros deve aproveitar as datas comemorativas para lucrar mais.

Datas comemorativas em que é possível ampliar as vendas de seguro

Geralmente um corretor de seguros não trabalha apenas com um tipo de produto, ou seja, um mesmo profissional pode vender seguro auto, residencial, de vida, de bens como eletrônicos, etc.

Com essa grande abrangência de produtos, fica mais fácil conquistar clientes e ter boas vendas. Mas, quando esses profissionais fazem o uso de datas comemorativas para impulsionar suas vendas, os resultados podem ser ainda melhores.

Por exemplo, estamos passando pelo mês ‘Outubro Rosa’, onde as campanhas referentes ao combate e a prevenção do câncer de mama são mais intensas.

No próximo mês teremos o “Novembro Azul”, que aborda a importância da prevenção do câncer de próstata. O que isso significa? Significa que este é um excelente período para oferecer produtos como seguro de vida ou assistência saúde para seus clientes.

Aproveite para usar as campanhas em evidência, para ilustrar aos seus clientes a importância de contar com esses produtos e serviços.

Assim como o exemplo dado no início do texto, referente as festas de final de ano e viagens, podem ser usadas na oferta de serviços como seguro auto, visto que geralmente essas pessoas viajam mais de carro nessa época, com toda a família a bordo.

Logo, poder contar com uma segurança e assistência maior caso o carro apresente problemas é um excelente negócio. E não se preocupe, pois, se seus clientes estão planejando uma viagem para mais longe no final de ano, você pode oferecer o seguro viagem.

Datas comemorativas como dia das mães, dos namorados ou dos pais também podem ser usadas para vender planos de saúde para proteger quem se ama, ou mesmo seguros de vida que garantam o bem-estar de quem é importante na vida de seus clientes.

Enfim, existe uma infinidade de possibilidades quando o assunto é aproveitar as datas comemorativas para vender mais. Procure investir em e-mail marketing e campanhas através de meios de comunicação digitais para chegar até seus possíveis clientes, use a criatividade e boas vendas.

AIG conclui aquisição da Glatfelter 753

AIG

Transação recebeu todas as permissões regulamentares

A American International Group, Inc. (AIG) anunciou, nesta terça-feira (6), a conclusão da aquisição do Grupo de Seguros Glatfelter (“Glatfelter”). A transação, que foi anunciada pela primeira vez em 21 de setembro de 2018, foi finalizada após receber todas as permissões regulamentares e atender todas as condições.

Como parte da AIG, a Glatfelter agrega ao negócio programas especializados de alta qualidade, um histórico comprovado de fortes resultados de subscrição e um programa próprio de tecnologia de gestão que deve acelerar o posicionamento estratégico da área de Seguros Gerais da AIG.

“A forte cultura de subscrição da Glatfelter e a equipe de gerenciamento altamente experiente, especializada em programas norte-americanos, nos ajudarão a oferecer produtos sustentáveis e crescimento rentável, para que possamos continuar a criar valor para os nossos acionistas”, disse Brian Duperreault, presidente e CEO da AIG. “Estamos muito felizes em receber a Glatfelter como parte da AIG”.

Para o CEO de Seguros Gerais da AIG, Peter Zaffino, “a aquisição da Glatfelter é uma excelente adequação estratégica para nós. Estamos ansiosos para trabalhar com Tony Campisi e sua equipe para expandir nossos planos de negócio e entregar valor diferenciado aos nossos clientes e parceiros”.

SulAmérica promove o Dia da Cidadania, no Rio de Janeiro 549

Dia da Cidadania

Foram oferecidos exames e atendimentos médicos gratuitos

A SulAmérica realizou, no dia 10 de novembro, o Dia da Cidadania. A praça da estação do metrô Estácio, no bairro da Cidade Nova, onde está localizada a matriz da seguradora no Rio de Janeiro, foi o palco das atrações do dia, que incluem serviços gratuitos de saúde, cultura e lazer. Estima-se que cerca 3 mil pessoas tenham comparecido ao local. O momento conta com o apoio de aproximadamente 30 parceiros, incluindo prestadores médicos da rede referenciada e fornecedores da companhia, organizações sociais locais, órgãos públicos e funcionários voluntários da companhia.

Das 8h às 14h, ficaram à disposição da população do entorno, serviços gratuitos de orientação médica, alinhados com o programa SulAmérica Saúde Ativa, conjunto de iniciativas para estimular a qualidade de vida e a prevenção de doenças, além de oftalmologistas para realização de exames e confecção de óculos a preços populares àqueles que precisarem; otorrinos, nutricionistas dentistas; clínicos gerais para aferição de pressão e glicose. Também houve distribuição de preservativos e orientações sobre doenças sexualmente transmissíveis (DST). A ação ofereceu serviços de cidadania como auxilio para emissão de documentos, apoio jurídico e orientações para o consumidor.

“O acesso à saúde e ao bem-estar norteia nossa estratégia de responsabilidade social e temos uma enorme satisfação em promover esta iniciativa. Desde a primeira edição do Dia Da Cidadania, vemos o número de participantes crescer, percebendo a importância dos atendimentos para a população que vive no entorno de nossa sede”, declara Patrícia Coimbra, diretora de Capital Humano e Sustentabilidade da seguradora.

A ação contou com o apoio da Organização Social Aliança Resgate (ARONG), que desde o ano de 2000 atua com promoção da cultura na região do Rio Comprido e contou ainda barbeiros/cabeleireiras, designers de sobrancelhas, instrutores de ioga e massagistas. Houve espaço para muita diversão para toda família, especialmente para os pequeninos com atividades de pintura no rosto, esculturas com bexigas, contação de histórias e pula-pula.

O atendimento à população começou a partir das 8h e as apresentações artísticas, às 09h. Exibições de ballet, de capoeira, de hip hop, de bandas e até mesmo dos cães da Guarda Municipal fizeram parte das atrações. Outra surpresa para 2018 foi o show de talentos realizado pelos funcionários da SulAmérica, com música e dança, para que todos pudessem aproveitar esse dia ao máximo.

Destaques da programação:

  • Oftalmologista (com exames e parceria para fornecer óculos);
  • Otorrino;
  • Nutricionista;
  • Dentista;
  • Clínico geral;
  • Barbeiro/cabeleireira;
  • Designer de sobrancelhas;
  • Orientação sobre DST;
  • Aferição de pressão, batimentos cardíacos;
  • Orientação para confecção de documentos;
  • Atendimento jurídico;
  • Orientação profissional (Jovem Aprendiz);
  • Shiatsu;
  • Ioga;
  • Apresentações de dança e música;
  • Diversas atividades infantis, como contação de histórias, pintura de rosto, escultura em bola, pula-pula.

Grupo Bradesco Seguros promove XIII Fórum da Longevidade em São Paulo 399

Fórum da Longevidade Bradesco Seguros

Evento traz palestrantes nacionais e internacionais, como o mestre em Economia pela Harvard Business School Stephen Johnston

Grupo Bradesco Seguros, líder do mercado de seguros no Brasil, realiza, no dia 21/11 (quarta-feira), no Hotel Unique, em São Paulo, o XIII Fórum da Longevidade Bradesco Seguros, reunindo especialistas e personalidades nacionais e internacionais para tratar do tema da longevidade em seus diversos aspectos. No evento, também serão anunciados os vencedores da oitava edição dos Prêmios Longevidade Bradesco Seguros e apresentados os resultados de uma pesquisa inédita realizada pelo Instituto Locomotiva.

“Nosso principal objetivo é difundir para a sociedade brasileira a importância da conquista da longevidade em seu conceito mais amplo e discutir os impactos nas diferentes esferas da vida. Se vamos viver mais, temos que nos preparar para aproveitar esse bônus de longevidade da melhor forma possível, com saúde, bem-estar e planejamento financeiro”, destaca o diretor do Grupo Bradesco Seguros Alexandre Nogueira.

O evento terá transmissão em tempo real pela internet nos portais UOL e Jovem Pan.

Destaques da programação

Dentre os palestrantes que participarão do Fórum, cujo tema será ‘O Futuro da Longevidade’, destacam-se Stephen Johnston, mestre em Economia pela Harvard Business School e um dos fundadores da Aging 2.0, plataforma global de inovação para melhorar a qualidade de vida das pessoas idosas. Ele abordará a importância da inovação para quem vive mais.

Alexandre Kalache, médico, professor, presidente do Centro Internacional de Longevidade Brasil e consultor de longevidade da Bradesco Seguros, falará sobre o futuro da longevidade. Já a especialista em Gerontologia Denize Mazzaferro, membro do Conselho Gestor do OLHE (Observatório da Longevidade Humana e Envelhecimento) e Sócia Diretora de Negócios na Angatu IDH, abordará a preparação para viver 100 anos.

A médica geriatra Maísa Kairala participará do painel “O Futuro da Saúde: Gestão e Coordenação do Cuidado”, ao lado de Marília Berzins, doutora em Saúde Pública pela USP e Mestre em Gerontologia pela PUC – SP.

Haverá ainda presença especial da Baronesa Sally Greengross, vencedora do Prêmio OBE, uma das maiores honrarias da coroa britânica. Ela soma mais de 40 anos trabalhando com envelhecimento saudável e políticas para idosos.

Um encontro de gerações reunirá a cantora e compositora Mariana Aydar em uma participação especial ao lado de seu pai, o multi-instrumentista Mário Manga. Como mestre de cerimônias, a atriz e apresentadora Cissa Guimarães comandará o evento.

Pesquisa inédita sobre longevidade no Brasil

Durante a programação, será divulgada com exclusividade pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva: Grey Power – como a sociedade e as empresas devem se preparar para lidar com o mercado que mais cresce no Brasil e já movimenta R$1,6 trilhão por ano.

O Brasil é hoje um dos países que mais rapidamente envelhecem no mundo. Segundo projeções do IBGE, o país terá mais um milhão de idosos a cada ano, nos próximos dez anos, e chegará a 2060 com 73,5 milhões de pessoas acima de 60 anos, o equivalente a um terço de uma população estimada em 218 milhões de habitantes. A expectativa de vida ao nascer já alcança 76,2 anos, contra 45,5 em 1940.

Prêmios Longevidade Bradesco Seguros

A programação inclui também a entrega dos Prêmios Longevidade Bradesco Seguros, que chegam à sua oitava edição com o objetivo estimular a reflexão sobre os efeitos da transformação da estrutura etária da população brasileira e mundial, em seus mais diferentes aspectos. Serão reconhecidos os trabalhos nas modalidades de Jornalismo, Histórias de Vida e Pesquisa em Longevidade.

Viva a Longevidade

Realizado desde 2006, o Fórum da Longevidade faz parte de um conjunto de ações desenvolvidas pelo Grupo Bradesco Seguros com o intuito de difundir a importância de conquistar um envelhecimento ativo e saudável, aliando proteção e planejamento financeiro a um futuro com qualidade de vida e bem-estar.

Além do Fórum e dos Prêmios Longevidade, as iniciativas incluem o Circuito da Longevidade, conjunto de provas de corrida e caminhada realizadas em diversas cidades do Brasil desde 2007, e que já reuniu mais de 450 mil participantes; o programa Porteiro Amigo do Idoso, que capacitou mais de 3,5 mil profissionais, em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo; o movimento Conviva, que visa incentivar a convivência harmoniosa entre ciclistas, motociclistas, motoristas e pedestres, englobando, entre outras ações, a Ciclo Faixa de Lazer de São Paulo; e o Programa Juntos pela Saúde, conjunto de ações lançado em 2006 para estimular iniciativas de promoção da saúde.

Todas essas ações estão inseridas no Portal ‘Viva a Longevidade’, que tem como objetivo orientar e estimular a população a não apenas viver mais, mas viver com mais qualidade.

Além de informações extraídas das mais diversas fontes especializadas e permanentemente atualizadas, o portal oferece ao usuário acesso a simuladores, testes sobre saúde e dicas de alimentação saudável e de planos de previdência privada indicados para diferentes perfis de investidores.

O portal também abre espaço para os “Embaixadores da Longevidade Bradesco Seguros”, especialistas com atuações temáticas referentes a cada um dos pilares da longevidade: ‘Conhecimento’, Alexandre Kalache; ‘Finanças’, a jornalista Mara Luquet; ‘Convivência’, a também jornalista Márcia Peltier; e ‘Bem-estar’, o ex-atleta Robson Caetano.

Serviço

XIII Fórum da Longevidade Bradesco Seguros
Quando: 21 de novembro (quarta-feira), das 8h às 17h.
Local: Hotel Unique, Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4700 – Jardim Paulista, São Paulo (SP).

Programação

8h30 – Abertura da Plenária.
9h – Introdução: O Futuro da Longevidade (Alexandre Kalache).
9h25 – Inspiracional: Você está preparado para viver 100 anos? (Denise Mazzaferro).
9h35 – Conferência: A genética e o sonho da vida eterna (Lygia da Veiga Pereira).
10h – Inovação Aging 2.0: Tecnologias para a longevidade (Stephen Johnston e Pedro Doria).
11h10 – O Futuro da Saúde: gestão e Coordenação do Cuidado (Dra. Maísa Kairala e Marília Berzins).
12h – Economia da Longevidade: Planejando o Futuro (Mara Luquet e Jorge Félix).
12h40 – Entrega do Prêmio Longevidade Bradesco Seguros (categoria Jornalismo).
12h50 – Presença especial: Baronesa Sally Greengross.
13h40 – Entrega do Prêmio Longevidade Bradesco Seguros (categoria Pesquisa).
14h20 – Longeratividade (Renato Meirelles e Carlos Júlio).
14h55 – Entrega do Prêmio Longevidade Bradesco Seguros (categoria Histórias de Vida).
15h05 – Ícone da Longevidade.