PEGN destaca Alberto Júnior por faturar R$ 30 milhões com a venda de seguros de vida 730

PEGN destaca Alberto Júnior por faturar R$ 30 milhões com a venda de seguros de vida

CEO do Grupo Life Brasil chegou a trabalhar 16 horas por dia

A história de Alberto Júnior, que começou a empreender aos 15 anos, foi destaque pela Pequenas Empresas, Grande Negócios. O empresário é dono do Grupo Life Brasil, uma holding de diversas empresas que fatura R$ 30 milhões com seguros e outros serviços do setor.

“Alberto abraçou de vez as vendas porta a porta, função que exerceu até 2007. E não só vendendo seguros: o empresário foi vendedor de itens que foram desde enciclopédias a purificadores de água”, destaca a publicação.

O CEO do Grupo Life Brasil conta que chegou a trabalhar 16 horas por dia. Foram ao todo mais de oito mil visitas a potenciais clientes.

Atualmente todas as empresas da holding utilizam uma metodologia desenvolvida por Alberto, que oferece treinamento para colaboradores e franqueados. A taxa de conversão chegou a 54% em 2017, ante uma média de 21% no mercado segurador.

Lançado por Alberto em 2012, o livro “A Lógica – Como ganhar milhões com seguro de vida na prática”, que virou um best-seller do setor e foi lançado no exterior, foi validado pela Million Dollar Round Table (MDRT). Trata-se de uma associação comercial fundada em 1927, que agrega corretores de seguro de todo o mundo e é reconhecida internacionalmente.

O Grupo Life Brasil também chegou a figurar entre as 0,2% melhores do setor na lista da própria MDRT.

Alberto acredita que, uma das razões para o sucesso é fazer o que “ninguém tem coragem e fugir do óbvio”. Sua própria trajetória dá outro exemplo de como ele aplica essa filosofia: o empresário conta que, “quando não tinha onde vender, chegou até a vender dentro de presídios para os carcereiros, durante a madrugada”.

“Quem consome seguro de vida? Quem está vivo”, Alberto Júnior.

Seguro auto: o que fazer após uma colisão 246

Seguro auto: o que fazer após uma colisão

Acidentes de trânsito resultam em mais de 50 milhões de feridos por ano

Durante o verão, muitas pessoas pegam estrada para viajar nas estradas federais. Segundo dados do Observatório Nacional de Segurança Viária, divulgado em 2018, os acidentes de trânsito resultam em mais de 50 milhões de feridos a cada ano.

Normalmente, no momento do incidente, até mesmo as pessoas que contam com o seguro de carro não sabem como devem agir e a quem recorrer. Visando esclarecer eventuais dúvidas dos segurados, o diretor do Porto Seguro Auto, Jaime Soares, traz o passo a passo do que deve ser feito.

1 – Tente conduzir o seu carro para o acostamento

Em casos de acidentes leves, sem vítimas, tente, se possível, conduzir seu automóvel para um lugar mais seguro da via, de preferência o acostamento. “Muitas vezes, o segurado acredita que só será ressarcido se ele acionar a seguradora no local exato do acidente. O que não é verdade. Portanto, preserve a vida de todos os envolvidos e leve o carro para um local mais tranquilo”, explica Jaime Soares. Caso não seja possível retirar o veículo da via, saia do veículo e sinalize o acidente com o triângulo a 30 metros da traseira do veículo.

2 – Acione o Samu, Polícia e Seguradora/Corretor

Em casos de acidente com vítimas ou transtornos com terceiros, é importante que o Samu seja o primeiro acionado e, também, a polícia para conduzir a situação. Após isso, o cliente deve acionar o guincho. Os segurados do Porto Seguro Auto podem fazer isso por meio do Aplicativo Porto Seguro Auto (disponível gratuitamente na Apple Store ou Google Play), pelo link SOS Porto Seguro ou pelo telefone 0800 727 0800.É importante saber que o cliente pode contar com o suporte do seu Corretor a todo momen! to, que o ajudará na intermediação com a seguradora.

3 – Guincho

A seguradora encaminhará o guincho que estiver mais próximo ao local do acidente, para prestar todo o suporte ao segurado, tirará as fotos para registrar o ocorrido e encaminhará o veículo para a vistoria e análise do sinistro. É importante ressaltar que não pode haver nenhuma alteração aos danos causados.

4 – Abertura de Aviso de Sinistro

Após o socorro e passado o susto do acidente, o cliente deverá abrir um aviso de sinistro na seguradora, que pode ser realizado também pelo aplicativo Porto Seguro Auto ou pelo endereço eletrônico ou mesmo contar com o apoio do Corretor nesse procedimento. Vale lembrar a importância de o cliente ter contratado a cobertura de acidentes Pessoais de Passageiros e a Cobertura RCF-V para os casos de sinistro. Confira como funciona cada uma delas:

APP – Acidentes Pessoais de Passageiros

O seguro paga indenização aos passageiros e ao motorista, ou aos seus beneficiários, caso eles sofram lesão corporal ou diante de uma fatalidade em um acidente de trânsito.

RCF-V – Responsabilidade Civil Facultativa Veicular

Mais conhecida como Cobertura de Danos à Terceiros, garante o reembolso de um valor a ser pago por conta de danos causados a outras pessoas envolvidas no acidente, sejam eles materiais ou pessoais.

Sompo expande Programa de Incentivo que passa a valer também para vendas do Seguro Saúde 221

Sompo expande Programa de Incentivo que passa a valer também para vendas do Seguro Saúde

Programa Ponto a Ponto resultou em mais de 15% de crescimento em novos Seguros de Vida

A Sompo Seguros S.A, empresa do Grupo Sompo Holdings – um dos maiores grupos seguradores do mundo, em virtude do sucesso alcançado no Programa Ponto a Ponto, decidiu expandir os ramos abrangidos no programa. Lançada em junho de 2018, a iniciativa que foi criada com o objetivo de incentivar a produção dos seguros do ramo Vida, agora também contempla os produtos da Sompo Saúde Seguros. “O crescimento nas vendas, o excelente índice de engajamento dos corretores de seguros e o bom desempenho do programa, que traz a facilidade da conversão efetiva de pontos em produtos e serviços, foram essenciais para a decisão de dar mais esse passo. Agora, os novos contratos de Seguro Saúde estabelecidos desde 1 de dezembro de 2018 já estão pontuando por meio do programa”, considera Edglei Monteiro, Diretor de Vida e Saúde da Sompo Seguros.

Com isso, para o Seguro Sompo Saúde PME (até 99 vidas), a cada R$ 4 em Prêmio Líquido pago de seguros novos, o corretor recebe um ponto. Já no caso do Seguro Sompo Saúde Empresarial (até 2 mil vidas), a cada R$ 8 em Prêmio Líquido pago de seguros novos, o corretor recebe um ponto. Para o ramo Vida a regra permanece a que já está em vigor. Para cada R$ 2,00 (dois reais) em Prêmio Líquido Emitido, faturado e devidamente pago dos produtos Vida Individual Anual, Vida Top Mulher, PME Capital Global, Seguro de Apoio ao Trabalhador (SAT), PME Super Simples e PME Vida Supremo; é concedido um ponto. Os pontos são convertidos em Dotz e podem ser trocados por prêmios (veja detalhes abaixo).

Até o momento, mais de 6 mil corretores de seguros de todo o Brasil já aderiram ao programa e, só no ramo Vida, houve um aumento da ordem de 15% no segundo semestre de 2018 em relação ao mesmo período o ano anterior. Brasília (DF), Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Goiás (GO), Londrina (PR), Blumenau (SC), Caxias do Sul (RS), Cascavel (PR) e Porto Alegre (RS) foram as cidades com o maior volume de negócios viabilizados em Prêmios Líquidos pagos em termos de novas apólices de seguro de Vida. “Isso mostra a tendência de aquecimento desse mercado, o que configura uma ótima oportunidade para o corretor de seguros. Além disso, os novos seguros também indicam que há um público que antes não contava com cobertura de seguro de Vida e, agora, foi inserido nesse mercado. Isso é bom tanto do ponto de vista do mercado, que fica aquecido; quanto do ponto de vista do segurado, que agora conta com a garantia da proteção financeira do seguro, caso algum imprevisto aconteça”, avalia o executivo.

Programa Ponto a Ponto

O Programa Ponto a Ponto é um Programa de Fidelidade que tem como objetivo reconhecer o trabalho desenvolvido pelos corretores de seguros de todo o Brasil e dinamizar a produção dos produtos dos ramos Vida e Saúde. Toda a mecânica da ação foi desenvolvida em parceria com a Dotz, empresa líder em programa de fidelidade no varejo brasileiro.

Por meio da iniciativa, os corretores de seguros cadastrados e ativos na Sompo Seguros que comercializarem os produtos dos ramos Vida e Saúde acumulam pontos que podem ser trocados por prêmios. São mais de 50 mil itens, como produtos, viagens e experiências disponíveis no Catálogo Dotz. As trocas podem ser efetuadas online, via App Dotz, em parceiros físicos ou pela Central de Atendimento Dotz.

Para as vendas dos produtos Vida Individual Anual, Vida Top Mulher, PME Capital Global, Seguro de Apoio ao Trabalhador (SAT), PME Super Simples, PME Vida Supremo, a cada R$ 2,00 (dois reais) em Prêmio Líquido Emitido, faturado e devidamente pago é concedido um ponto. Por exemplo, uma apólice com Prêmio de R$ 400,00 dividido em quatro parcelas de R$ 100,00, vai resultar em 50 pontos a cada mês em que o segurado efetuar o pagamento da parcela.

Já para os produtos do segmento Saúde, os pontos serão computados para o prêmio emitido nos 12 primeiros meses de vigência da apólice. Para o Sompo Saúde PME (até 99 vidas), a cada R$ 4,00 (quatro reais) em Prêmio Emitido Líquido, faturado e devidamente pago, o Corretor terá direito a um ponto. Já no caso do Sompo Saúde Empresarial (até 2 mil vidas), a cada R$ 8,00 (oito reais) em Prêmio Emitido Líquido, faturado e devidamente pago, será concedido um ponto ao corretor.

A facilidade de acompanhamento e troca de pontos é uma das vantagens da iniciativa. Por meio do Portal Ponto a Ponto, o corretor de seguros pode fazer a gestão dos pontos acumulados e trocá-los por prêmios.

Reprodução
Reprodução

Outro detalhe é a flexibilidade na utilização dos pontos. O corretor de seguros pode utilizar os pontos para benefício próprio, distribuí-los aos seus funcionários como forma de incentivo ou presentear outras pessoas com os pontos.

Ao distribuir, os pontos são convertidos em Dotz. Cada ponto corresponde a um Dotz. Com eles, o corretor ou seus funcionários podem acessar o Catálogo Dotz e resgatar prêmios de diversas categorias, como eletrônicos, eletrodomésticos, itens de vestuário, entretenimento, passagens aéreas, hospedagens, entre outros.

Essa é uma iniciativa da Sompo Seguros adotada como forma de beneficiar os profissionais que se empenham no trabalho de orientação ao segurado em relação aos produtos do segmento Vida e Saúde.

Sudamerica Vida filia-se à Associação Nacional das Microsseguradoras (ANM) 187

Entidade tem objetivo de fomentar e solidificar a cultura do microsseguro no Brasil

Presidente da Sudamerica Vida, Luciano Fracaro, assina a ficha de filiação à ANM
Presidente da Sudamerica Vida, Luciano Fracaro, assina a ficha de filiação à ANM

A Sudamerica Vida é a nova integrante da Associação Nacional das Microsseguradoras (ANM), entidade criada em 2017 com o objetivo de “fomentar e solidificar a cultura do microsseguro no Brasil”.

O presidente da Sudamerica, Luciano Fracaro, e o diretor comercial, David Novloski, assinaram a ficha de filiação na sede da Associação, no Rio de Janeiro. Em novembro do ano passado, a Sudamerica foi habilitada pela Susep para atuar no nicho de microsseguros de danos e pessoas em toda região Sul do País. A companhia, com sede em Curitiba/PR, opera no território nacional com seguros de vida individual, em grupo e empresarial, sob a denominação Sudamerica Vida Clube de Serviços.

Paulo Galindo, David Novloski e Edson Calheiros
Paulo Galindo, David Novloski e Edson Calheiros

“A Associação Nacional das Microsseguradoras está trabalhando para consolidar sua representatividade diante da importância do microsseguro no Brasil, mas continua contando com o apoio de todas as instituições que queiram contribuir com este projeto de fundamental importância popular. Que possamos juntos direcionar uma atenção especial ao seguro de pessoas e levar cada vez mais o microsseguro aos cidadãos. Sejam bem-vindos Luciano e David à nossa luta para popularizar os microsseguros!”, saudou o presidente da ANM, Edson Calheiros.

Luciano Fracaro falou sobre o papel social microsseguro. “Também conhecido como seguros inclusivos, os microsseguros possuem uma peculiaridade que os diferenciam dos demais planos, disponíveis no mercado. O valor da apólice é bem mais acessível. É um seguro que atenua um grande problema que aflige a maioria da população carente, a proteção dos familiares em situações vulneráveis”.

O executivo pontuou que o desafio da ANM é “justamente disseminar a cultura da proteção, fazendo com que os microsseguros cheguem até as classes mais necessitadas”.

Para o diretor regional da Sudamerica, João Paulo Moreira de Mello, a falta de conscientização, conhecimento e a dificuldade de acesso da população aos seguros ainda são empecilhos para que o segmento deslanche no mercado. “A penetração dos seguros de pessoas no PIB é muito baixa se comparada a países desenvolvidos, o que demanda ações dos agentes do mercado para mudar esse cenário”, justifica.

Jean Pierre (Sudamerica Rio), Paulo Galindo (microsseguradora ALM), Edson Calheiros (presidente da ANM), David Novloski e João Paulo Mello, diretores da Sudamerica
Jean Pierre (Sudamerica Rio), Paulo Galindo (microsseguradora ALM), Edson Calheiros (presidente da ANM), David Novloski e João Paulo Mello, diretores da Sudamerica

O diretor comercial da companhia, David Novloski, se diz otimista e acredita que o quadro pode mudar este ano. “Os microsseguros são fundamentais para o crescimento da economia. As seguradoras que operam nesse segmento, junto à ANM, estão reivindicando a desoneração das empresas como forma de tornar os microsseguros mais acessíveis à sociedade”, informa.

Eles lembram que o pleito foi reconhecido pela Confederação das Seguradoras (CNseg), que incluiu o pedido de concessão de isenção de IOF e outros benefícios tributários no documento entregue aos presidenciáveis, contendo as 22 propostas do mercado para o desenvolvimento do País.

Seguros SURA e Previsul prestigiam ação de verão do JRS 393

Equipe da Previsul Seguradora no QG do JRS

O verão fica muito mais seguro com os programas especiais no litoral gaúcho

Milhões de veranistas acompanham as ações do JRS na temporada 2019. O sábado e o domingo foram intensos no QG do JRS no Litoral Gaúcho, na Praia de Rainha do Mar, em Xangri-lá (RS).

A equipe da Seguros SURA no QG do JRS
A equipe da Seguros SURA no QG do JRS

No dia 16 foi a vez da Seguros SURA, capitaneada pela executiva principal do Rio Grande do Sul, Fabiana Mello. Na oportunidade, Fabiana e seus convidados destacaram as ações da companhia, bem como a estratégia que prioriza o corretor de seguros, propiciando produtos únicos para distribuição aos consumidores do setor.

Equipe da Previsul Seguradora no QG do JRS
Equipe da Previsul Seguradora no QG do JRS

Já no domingo, Andreia Araújo, diretora de Negócios e Marketing da Previsul Seguradora, e a executiva Virginia Mâncio e o gestor Fábio Figueiró, confraternizaram em um almoço especial. Andreia reforçou, em entrevista ao programa Seguro Sem Mistério, a importância da campanha de vendas da companhia em 2019. O corretor de seguros Alcebíades Lima foi convidado especial da seguradora. O profissional destacou a integração aos processos inovadores da empresa.

 

Aon anuncia novo VP e nova estrutura para Commercial Risk Solutions no Brasil 299

Aon anuncia novo VP e nova estrutura para Commercial Risk Solutions no Brasil

Eduardo Takahashi assume a posição que era de Marcelo Homburger, atual CEO da empresa no Brasil

A Aon, empresa global líder de serviços profissionais que oferece ampla gama de soluções de risco, previdência e saúde, anuncia Eduardo Takahashi como Vice-Presidente Executivo para Commercial Risk Solutions da Aon Brasil. Além de passar a integrar o Comitê Executivo, Takahashi continua respondendo pela Diretoria Executiva Comercial desta mesma linha de negócios.

“Assumo essa nova posição com muita honra e entusiasmo. Temos o grande desafio de acelerar o ritmo de crescimento sustentável da Aon e tenho certeza que aliando a nossa contínua prestação de serviços, de valor e qualidade aos nossos clientes, vamos capturar o mundo de oportunidades que se apresenta à nossa frente. A Aon tem uma infinidade de recursos, muita inteligência em Data & Analytics e o mais completo time do mercado que não medirá esforços para continuar entregando sempre o melhor resultado aos nossos clientes”, comenta Eduardo Takahashi, Vice-Presidente Executivo para Commercial Risk Solutions da Aon Brasil.

“Takahashi é um líder amplamente respeitado no mercado, com vasta experiência em gestão de riscos e estruturação de programas de seguros para grandes projetos, além de possuir visão estratégica para lidar com as oportunidades que vemos hoje no Brasil”, menciona Marcelo Homburger, CEO da Aon Brasil.

 Com mais de 25 anos de experiência em seguros, Eduardo Takahashi iniciou sua carreira na Aon, em 2015, como Diretor Comercial Corporate. Desde então, o executivo tem sido um dos principais responsáveis pelas estratégias de vendas, crescimento de novos negócios e o alinhamento de ações junto às áreas de marketing e business intelligence da empresa.

Para ocupar a função de Diretor Comercial de Commercial Risk Solutions em São Paulo, que já foi de Takahashi, Aon nomeia Rafael Pol que estava à frente da operação de Commercial Risks da Aon Rio de Janeiro. Paulo Niemeyer Neto assume a posição de Rafael Pol e mantém interinamente a liderança das unidades Oil & Gas e Marine.

“O potencial do mercado brasileiro é enorme. Tenho certeza que a união do conhecimento local e nossa presença global, aliado ao domínio de informações baseado em nossos investimentos em Data & Analytics, estruturaremos propostas de valor direcionadas para cada segmento da indústria brasileira”, finaliza Takahashi.