PEGN destaca Alberto Júnior por faturar R$ 30 milhões com a venda de seguros de vida 1608

PEGN destaca Alberto Júnior por faturar R$ 30 milhões com a venda de seguros de vida

CEO do Grupo Life Brasil chegou a trabalhar 16 horas por dia

A história de Alberto Júnior, que começou a empreender aos 15 anos, foi destaque pela Pequenas Empresas, Grande Negócios. O empresário é dono do Grupo Life Brasil, uma holding de diversas empresas que fatura R$ 30 milhões com seguros e outros serviços do setor.

“Alberto abraçou de vez as vendas porta a porta, função que exerceu até 2007. E não só vendendo seguros: o empresário foi vendedor de itens que foram desde enciclopédias a purificadores de água”, destaca a publicação.

O CEO do Grupo Life Brasil conta que chegou a trabalhar 16 horas por dia. Foram ao todo mais de oito mil visitas a potenciais clientes.

Atualmente todas as empresas da holding utilizam uma metodologia desenvolvida por Alberto, que oferece treinamento para colaboradores e franqueados. A taxa de conversão chegou a 54% em 2017, ante uma média de 21% no mercado segurador.

Lançado por Alberto em 2012, o livro “A Lógica – Como ganhar milhões com seguro de vida na prática”, que virou um best-seller do setor e foi lançado no exterior, foi validado pela Million Dollar Round Table (MDRT). Trata-se de uma associação comercial fundada em 1927, que agrega corretores de seguro de todo o mundo e é reconhecida internacionalmente.

O Grupo Life Brasil também chegou a figurar entre as 0,2% melhores do setor na lista da própria MDRT.

Alberto acredita que, uma das razões para o sucesso é fazer o que “ninguém tem coragem e fugir do óbvio”. Sua própria trajetória dá outro exemplo de como ele aplica essa filosofia: o empresário conta que, “quando não tinha onde vender, chegou até a vender dentro de presídios para os carcereiros, durante a madrugada”.

“Quem consome seguro de vida? Quem está vivo”, Alberto Júnior.

Faça sua inscrição no Brasesul 2020 538

Menos de 150 dias para o Brasesul 2020, em Foz do Iguaçu (PR)

Encontro dos corretores da Região Sul acontecerá em maio

O Brasesul 2020, o maior encontro do mercado de seguros do Sul do Brasil, será realizado no Rafain Palace Hotel & Convention (Foz do Iguaçu), nos dias 14 e 15 de maio de 2020. As inscrições já estão abertas. Corretores de Seguros de todo o Brasil podem se inscrever. Se forem associados a algum Sincor a taxa é de R$ 165,00. Caso não sejam, R$ 310,00.

Para ficar por dentro das novidades do Brasesul 2020 curta a página no Facebook e siga também no Instagram. No Youtube, entre na plataforma e busque por Brasesul 2020. Também é possível acessar as redes sociais pelo site.

As reservas para hospedagem também já podem ser feitas. No site já estão listados os valores de inscrições para outras categorias de participantes e toda a rede hoteleira, com tarifas negociadas.

Equipe de Transportes da Argo Seguros visita corretores e parceiros em Florianópolis 538

Seguradora reafirmou seus objetivos para 2020 durante a viagem

A equipe de Transportes da Argo Seguros – seguradora especialista no desenvolvimento de produtos de nicho com diferenciais tecnológicos – está essa semana em Florianópolis (SC). O encontro tem como objetivo reafirmar os objetivos da seguradora para 2020 para toda a base de mais de 700 corretores que atuam em parceria na região.

Representando a companhia estão Salvatore Lombardi, diretor Executivo e Head LATAN Marine; Ivor Moreno, HeadBrasil Marine; e Rogério Barrense, subscritor Senior, responsável pela operação da Fetransportes dentro da Argo.

“Queremos ampliar o relacionamento e fortalecer a relação com nossos parceiros locais, além de explicar nossos serviços e diferenciais, especialmente no que tange a Gerenciamento de Riscos”, explica Salvatore. Pelo seu enorme potencial, a capital de Santa Catarina é vista com um importante hub de negócios naquela região.

De acordo com o último levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Produto Interno Bruto (PIB) de Santa Catarina subiu 4% e chegou a R$ 277,2 bilhões. O desempenho recoloca o estado como a sexta maior economia do país. No acumulado dos últimos 15 anos, SC passou de 3,7% para 4,2% na participação do PIB nacional.

O estado catarinense é também o quarto maior exportador do Brasil, com 8% de participação, perdendo somente para São Paulo (26,55%), Rio de Janeiro (12,88%) e Minas Gerais (12,72%). Os produtos mais exportados são carne de aves; tabaco em rama; motores elétricos; bombas de ar; e peças para motores.

Unisincor oferece cursos de RC para capacitar profissionais 957

Interessados no ramo de responsabilidade civil têm descontos de até R$ 250 em três cursos online sobre o tema

A Universidade Corporativa Sincor (Unisincor), em parceria com a Conhecer Seguros, está lançando uma promoção supercombo com três cursos online sobre o seguro de responsabilidade civil. Os descontos chegam a ultrapassar R$ 250 e tem como proposta instruir profissionais do setor a ampliar o conhecimento no ramo.

Os três cursos são apresentados por Walter Polido, mestre em Direitos Difusos e Coletivos, advogado, técnico-especialista em seguros e resseguros consultor da Polido Carvalho Consultoria em Seguros e Resseguros, árbitro em seguros e resseguros, parecerista, professor universitário e escritor.

Segundo Polido, o seguro de RC é vasto e, se bem explorado pelos profissionais do setor, garante novos negócios e especialização em diversas situações. “O seguro RC garante não apenas a responsabilidade advinda do dano causado pelo próprio segurado, mas também das pessoas pelas quais ele responde civilmente e de coisas e animais, que ele detém a posse e que venham a causar danos a terceiros”, explica o especialista.

A promoção supercombo contempla os cursos “Responsabilidade Civil – Aspectos Técnicos e Jurídicos”, ” Responsabilidade Civil – Modalidades” e “Responsabilidade Civil – Produtos e Operações Completadas” pelo valor de 4x de R$ 118,50 no cartão de crédito. Para os associados ao Sincor-SP, o investimento fica em 4x de R$ 82,95. Os preços serão garantidos para inscrições realizadas até o dia 31 de janeiro.

É possível adquirir os cursos individualmente pelo valor de R$ 198 cada e associados ao Sincor-SP têm a vantagem de contar com desconto de 30% no valor. As duas opções de compra estão disponíveis no site. Inscreva-se.

Seguros: arrecadação sobe 12,2% até novembro e soma R$ 243,4 bilhões 1401

Setor evolui dois dígitos pelo sexto mês consecutivo

O setor segurador, puxado pelo desempenho extraordinário dos seguros de pessoas (planos de risco e de acumulação), continua a exibir tons azuis no ano em termos de arrecadação. Até novembro de 2019, houve crescimento de 12,2% comparado ao mesmo período de 2018, elevando a receita para R$ 243,4 bilhões. Com o resultado de novembro, o setor cresce dois dígitos pelo sexto mês consecutivo.

No editorial da nova edição da Conjuntura CNseg, o presidente Marcio Coriolano afirma que “a persistência do bom desempenho dos Planos de Risco em Cobertura de Pessoas, a recuperação dos Planos de Acumulação e dos Títulos de Capitalização e o protagonismo, no segmento de Danos e Responsabilidades, de ramos importantes, como o Patrimonial, Rural e Crédito e Garantias, são características fundamentais de uma trajetória que, restando apenas um mês para o encerramento do ano, levará o setor de seguros a crescimento de dois dígitos em 2019”.

Ele lembra que o desempenho é, em grande parte, resultado da preferência pela proteção contra eventos que, em ciclo baixo da economia, ameaçam a estabilidade das rendas familiares, como os sinistros de morte, acidente e invalidez e, por outro lado, da grande exposição da população a cada vez mais próxima necessidade de acumulação de recursos compensatórios da Reforma da Previdência.

Nesses 11 meses, os planos de risco – com destaque para os seguros de vida (20%) e prestamista (21,3%) – subiram 14,5%, ao passo que os planos de previdência, 17,1%, reflexo direto da evolução dos produtos da linha VGBL (18,3%).

As vendas também evoluíram no segmento de Danos e Responsabilidade (sem os prêmios do DPVAT) no acumulado do ano até novembro. Os prêmios subiram 5,2% no período, atingindo R$ 67,2 bilhões. O desempenho mensal de novembro também é bastante positivo. A receita teve salto de 8,2% na comparação com o mesmo mês do ano passado, somando R$ 22,8 bilhões. No mês, chamou a atenção a taxa de expansão de algumas modalidades de seguros patrimoniais, a começar de Riscos de Engenharia (alta de 163,7% sobre novembro de 2018); Responsabilidade Civil D&O (83,2%); e Rural (22,1%), por exemplo.

Conheça a trajetória de Reinaldo Costa, fundador da R7 Saúde 1006

Profissional conta com 21 anos de experiência no mercado de corretagem e seguros

Reinaldo Costa, carioca de 39 anos, iniciou sua carreira na área de seguros aos 18 anos como office-boy em uma corretora. Foi nessa fase de sua vida que ele conheceu o fundador do JRS, Jota Carvalho. Costa lembra que “(ele) me ajudou a dar os primeiros passos no mercado”. No início de 2019, ele fundou a R7 Saúde. A ideia de trabalhar nessa área veio da sua experiência no segmento: “trabalhei durante quatro anos como executivo em uma operadora de planos de saúde, sendo o responsável por todos os planos coletivos por adesão no Rio Grande do Sul. Ao encerrar minhas atividades junto a essa empresa, tive a opção de aceitar alguns convites ou empreender. Assim nasceu a R7 Saúde”.

Além de empreendedor, ele também é casado com Amanda Romero Costa, sua companheira de vida e trabalho, e é pai de uma menina chamada Melissa. A sede da família e da empresa é em Porto Alegre, com previsão de abertura de uma unidade em Florianópolis, capital catarinense, em março de 2020. A R7 possui clientela espalhada em todo o país, mas com atendimentos prioritários ao Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Ao pontuar os diferenciais da empresa, ele afirma que “somos totalmente focados no mercado de plano de saúde e já reconhecidos pelos clientes, parceiros de negócios e mercado em geral como especialistas no segmento. Hoje contamos com equipe de 22 consultores nos dois Estados”. O empreendedor refere-se a sua equipe como “família R7” que, segundo ele mesmo, “é treinada para realizar uma customização para a realidade de cada situação apresentada pelos nossos clientes e principalmente a continuidade do vínculo com o cliente no pós-vendas que entendo ser extremamente importante”. A família de colaboradores da R7 possui treinamentos semanais que buscam aprimoramento sobre produto, atendimento e pós-vendas.

Reinaldo considera-se um empreendedor nato. “Empreender está no meu DNA e no mercado de saúde há muito espaço para empreender, existe muito do mesmo”, afirma. Ele pretende ampliar e inovar os negócios: “além da corretora, tenho um projeto, em fase avançada, de uma clínica médica em parceria com uma empresária do segmento e uma entidade de classe. Outro projeto, que será implantado no início de 2021, refere-se a um cartão e um aplicativo, disponíveis aos clientes da R7 Saúde, onde eles terão acesso gratuito a uma rede de desconto em diversos estabelecimentos, isso trará um vínculo ainda maior com nossa empresa”. Otimista, o empresário possui fé no trabalho e diz que “o sucesso de uma empresa é o resultado do trabalho de uma grande equipe”. “Aprendi com um grande amigo o seguinte lema: ninguém faz nada sozinho”, conclui ao referir-se a emblemática frase de Jota Carvalho.