Como a Internet das Coisas (IoT) pode afetar o mundo dos seguros? 888

Como a Internet das Coisas (IoT) pode afetar o mundo dos seguros?

Confira artigo de Fernando Hambra, Vicepresident Small Commercial da Chubb na América Latina

Fernando Hambra é Vicepresident Small Commercial da Chubb na América Latina / Divulgação
Fernando Hambra é Vicepresident Small Commercial da Chubb na América Latina / Divulgação

Muito tem se falado recentemente sobre o impacto que a IoT (“Internet of Things” em sua sigla em inglês) poderia ter em diferentes áreas de nossas vidas. Se levarmos essa questão para os seguros veremos que, sem dúvida, a relação entre clientes e seguradoras será transformada através desse modelo, gerando um novo mundo de oportunidades para o setor de seguros.

Qual seria o potencial das oportunidades nas companhias de seguros?

É cada vez mais comum ver que certos tipos de seguros estão sendo comercializados online. Esse tipo de distribuição nos permite fornecer uma série de serviços interconectados para mitigar os riscos relacionados a casa, automóvel, comércios, serviços e saúde, o que facilita que os clientes e seguradoras estejam mais alinhados na prevenção de perdas e, além disso, promove a criação de produtos de acordo com as necessidades de cada cliente.

Do ponto de vista tecnológico, isso significa implementar plataformas flexíveis que suportem subscrição e taxas com base em dados da IoT, alterando os processos de TI para serem implementados de forma mais rápida e eficiente, bem como gerenciando ameaças de segurança de forma rápida e proativa.

Do ponto de vista cultural, você precisa estar mais disposto a experimentar novas alternativas e aprender rapidamente com os resultados, aplicando as melhorias necessárias.

As seguradoras podem começar a usar a IoT a partir de uma análise das necessidades dos clientes, definindo uma proposta de valor para cada um deles. Produtos sob medida devem ser entregues fornecendo uma visão geral de todos os riscos que podem afetar os segurados a partir dos dados coletados através da IoT.

Entre outros, os benefícios para os segurados consistem em melhorar seus riscos, trabalhar na prevenção de acidentes, interromper as perdas antecipadamente e implementar a manutenção preventiva.

Entre as vantagens para as seguradoras, podemos destacar a oportunidade de sermos mais eficientes com a possibilidade de colocar preços, variáveis e indicadores que deem uma melhor precisão ao subscrever um risco. As seguradoras que demorarem na integração de suas bases de dados e informações da IoT para modelos de subscrição poderão correr riscos de antisseleção, afetando, assim, sua rentabilidade.

Finalmente, como seguradoras, esperamos que a IoT seja uma impulsionadora do crescimento das receitas e ajude na lucratividade da indústria, junto com um serviço mais eficiente e personalizado para os nossos segurados.

Artigo: Crise na saúde mostra que prevenção é fundamental 496

“Kit básico de precaução é composto pelos seguros de vida e de saúde e os planos de previdência”

Seguro de vida. Seguro saúde. Seguro-fiança. Previdência privada. Indenização por morte pela Covid-19; despesas médicas dos infectados; cobertura de aluguel para quem está em dificuldade financeira; renda complementar ou dinheiro para emergência em situações-limite. Exemplos não faltam de indivíduos e empresas que, por terem investido previamente em determinadas proteções, agora conseguem minimizar, ao menos financeiramente, prejuízos causados pela violenta pandemia do novo coronavírus. Neste momento, há os que encontram algum conforto por saber que estão “cobertos” e outros que pretendem (ou ao menos consideram a possibilidade de) adquirir seguros. Por precaução.

Três das coberturas mais importantes agora são as de morte, invalidez e sobrevivência. O seguro de vida cobre o risco de morte – quando há uma indenização para os dependentes daquele que morreu – e o risco de invalidez, que se concretiza em uma renda, caso a pessoa não possa mais trabalhar. O risco de sobrevivência é suprido pela previdência, que servirá para complementar a renda do titular da apólice.

Seguro de vida

Cobertura financeira caso ocorram imprevistos com o titular da apólice. O seguro de vida cobre assistência funerária, doenças graves, invalidez, morte natural ou acidental e incapacidade temporária. Ao contratar o seguro, é preciso escolher o valor, as condições de indenização e as pessoas que irão recebê-la em caso de morte do segurado.

Previdência

Por meio de contribuições periódicas, o titular acumula recursos para que, ao se aposentar, ele tenha uma renda extra. Ao fim do período, é possível resgatar o valor integral (se o plano for estruturado no regime financeiro de capitalização) ou receber a renda mensal equivalente ao que contribuiu. No benefício de sobrevivência, se o segurado desistir do plano, ele também pode fazer o resgate.

Seguro-Saúde

A função desse plano é oferecer assistência médica e hospitalar em um momento de necessidade. Alternativa à rede pública de saúde, permite que o titular faça exames laboratoriais e consultas médicas onde e com quem escolher – ou seja, não é preciso recorrer a uma rede credenciada. A condição é que o cliente pague pelo atendimento na hora, para ser reembolsado depois pela seguradora. O valor a restituir depende do prêmio contratado pelo segurado – ele é fixo e as condições estão estabelecidas na apólice.

Plano de saúde é o mesmo que seguro-saúde?

Não. As duas modalidades de proteção oferecem assistência médica e hospitalar. A diferença é que o plano de saúde determina que o atendimento seja realizado em uma rede de estabelecimentos credenciados à operadora – ou seja, ao usar o plano, o titular não é livre para escolher médico, hospital ou laboratório. Na consulta ou no exame, não é necessário desembolsar nenhum valor. A tempo: atualmente, muitos planos autorizam o cliente a usar serviços fora da rede credenciada, mediante reembolso. Mas isso é caso a caso. Consulte o corretor.

Cuidados ao contratar

As questões devem ser cuidadosamente analisadas no momento da contratação de um seguro de qualquer modalidade

1. Preencha o questionário de perfil e a declaração de saúde de forma correta, sem omitir nenhuma informação.

2. Confira se as coberturas, franquias e assistências estão de acordo com sua necessidade. Antes de assinar, leia atentamente até as letras mais miúdas.

3. Ao contratar, procure por valor e não somente o menor preço – ainda que seja fundamental lidar com a realidade de seu orçamento.

4. É importante que o corretor conheça no detalhe os produtos que oferece. Ele precisa explicar todas as condições da apólice com máxima clareza. A contratação de um produto deve ser proveitosa para os dois lados, e uma relação de confiança entre cliente e corretor ajuda a obter produtos mais adequados.

Por Adriana Peranovich, corretora de seguros franqueada da rede Seguralta

Veículos parados e higienização: saiba quais cuidados necessários durante pandemia 5156

Oficina RCN Autos está oferecendo serviço de busca

Rodrigo Cardoso é sócio proprietário da RCN Autos. Filipe Tedesco/JRS

O cenário de pandemia também exige cuidados por parte dos apaixonados por carros. Com a orientação de não sair de casa sem necessidade, muitos veículos ficam parados na garagem. O sócio proprietário da RCN Autos, localizada em Canoas (RS), Rodrigo Cardoso, destaca que estacionar o carro com tanque cheio, pneu calibrados, dar a partida e deixar funcionando por pelo menos 10 minutos a cada 10 dias e desconectar a bateria são medidas que evitam futuros problemas mecânicos nessa situação.

Algumas pessoas precisam conduzir seus veículos, seja para irem ao médico, supermercado e até trabalhar. Nesse caso, atitudes devem ser adotadas ao entrar e sair do interior do veículo para evitar propagação do novo coronavírus: “Manter o interior do veículo higienizado com álcool isopropílico ou outro produto específico para limpeza de interiores, já que o álcool gel pode danificar as partes plásticas do interior; manter o carpete e bancos limpos com água e sabão neutro, esvaziar e lavar a lixeira e ter disponível álcool gel para higienizar as mãos ao entrar e sair do veículo”. Ele acrescenta que motoristas que trabalham com Uber estão mais expostos a Covid-19, mas as recomendações são as mesmas. “[Eles] devem utilizar máscara sempre que estiverem dentro do veículo e manter o veículo higienizado”, afirma.

Além disso, a pane mais comum que um automóvel pode dar parado e que deve ser revisada por uma oficina é algum problema na bateria. “Neste caso, o veículo não irá dar a partida e é importante, neste momento, não tentar fazer “ponte” com outro veículo, pois este procedimento, se executado de forma errada, pode causar danos ao sistema elétrico”, explica. “Opte por chamar uma oficina ou solicitar auxílio de seu seguro, se for o caso”, complementa.

Durante o período de isolamento social, a RCN Autos está oferecendo diferenciais aos seus clientes. “Estamos trabalhando com sistema de leva e traz, tanto do veículo quanto do cliente, sempre tomando todos os cuidados de higienização e etiqueta respiratória, e estamos atendendo a domicílio nos casos de veículos que precisam de vistoria de seguro de nossas seguradoras credenciadas”, finaliza. A oficina está lozalicada na Avenida Getúlio Vargas, 4.294, no Centro de Canoas/RS, com atendimento pelo telefone 51 3463-1540 e whatsapp 51 98139-3119.

GBOEX: Ações de aniversário destacam o cuidado com a vida 4426

Campanha visa a valorização dos clientes, associados, corretores de seguros e colaboradores

“No cuidado com a vida, a nossa história encontra a sua.” Esse é o recado que o GBOEX – Previdência e Seguro de Pessoas quer passar para associados, corretores, colaboradores e outros parceiros, neste mês de aniversário. No próximo dia 24, a empresa completará 107 anos de fundação, sempre focada em proteger vidas e em preservar seus valores de tradição, solidez e segurança.

Entre as ações programadas para o mês, destaca-se uma campanha sobre a valorização dos seus clientes, dos associados, corretores de seguros e dos colaboradores, que contribuíram e construíram a trajetória de sucesso da entidade e, neste período de distanciamento social em função da pandemia do novo coronavírus, uniram-se e adaptaram-se. Em regime de home office, os colaboradores, com dedicação, entregam serviços e produtos com a qualidade já conhecida pelo mercado. Os corretores, na medida do possível, também tentam manter a sua rotina de trabalho.

Campanhas motivacionais, e-mails marketing para associados, conveniados e corretores, ações de endomarketing – como informativo on-line “GBOEX Informa”-, anúncios em revistas, portais e emissoras de televisão, além da criação de temas de aniversário para as redes sociais da empresa, são algumas das iniciativas de comunicação que visam reconhecer a importância de todos que fazem parte do dia a dia da empresa. “O objetivo é agradecer a todos que sempre estiveram ao lado da entidade ao longo dos anos e demostrar o orgulho de cuidar do futuro das pessoas, protegendo e assegurando a tranquilidade das famílias”, resume a superintendente de Marketing, Ana Maria Pinto.

 

15 anos do Clube da Pedrinha RS: Competência marca gestão de Ana Maria Pinto e diretoria 2415

Ações de auxílio profissional, solidariedade e encontros reforçaram missão da entidade

Diretoria do Clube da Pedrinha (RS)
Ana Maria Pinto, presidente do Clube da Pedrinha RS, recebe os cumprimentos de Clovis Della Flora, executivo do Grupo Autosul e integrante da entidade, em 2018. Arquivo JRS

O Clube da Pedrinha do Rio Grande do Sul completa nesta terça-feira, 19, 15 anos de sua criação. A entidade se destaca por reunir e integrar profissionais da área de seguros, previdência e capitalização, além de gestores de entidades parceiras. Mais do que isso, os pedrinhas são especialistas qualificados e super envolvidos com o mercado em que atuam.

À frente da entidade nas gestões de 2018-2020, a presidente Ana Maria Pinto e sua diretoria marcaram o grupo por uma administração competente e comprometida. Sob a liderança da executiva, que também é Superintendente de Marketing do GBOEX, formada em administração de empresas e pós-graduada em marketing digital, o Clube realizou seus tradicionais encontros mensais, que proporcionaram orientações e atualizações de diferentes palestrantes e a troca entre os integrantes. “A sensação é de missão cumprida, de satisfação de ver o carinho dos integrantes do Clube conosco, do reconhecimento do nosso trabalho por parte de todos”, relata a presidente Ana, que conta com 26 anos de mercado de seguros.

Um dos destaques entre as ações realizadas ao longo da gestão é o Banco de Currículos, disponível no site do Clube. Com o apoio do Sindicato das Seguradoras do Estado (SindSeg RS), este espaço aberto ao público em geral e às empresas, auxilia profissionais a se recolocarem no mercado de trabalho. “Com o apoio da diretoria, realizamos um trabalho com muito comprometimento e seriedade. Exige dedicação por parte de todos, como tudo na nossa vida. E isto nós tivemos, Pedrinhas comprometidos e dedicados em prol das atividades e das relações que fortalecem o Clube da Pedrinha RS”, reforça.

O apoio jurídico, afim de auxiliar os sócios em qualquer dúvida, também é criação da gestão 2018-2020. Além disso, no período, R$ 3.244 foram arrecadados pelos pedrinhas e doado à Confrasol e outras instituições de solidariedade ao próximo, bem como outras ações sociais, como doação de lenços, acessórios de cabeça e cabelos para o Instituto da Mama (IMAMA) e arrecadação de alimentos, foram realizados.

A presidente salienta que o carinho e respeito com que todos são tratados entre os pedrinhas fez a diferença para uma atuação comprometida. “[Agradeço] aos Pedrinhas, aos Diretores que sem eles não seria possível esta gestão, cada um, em sua respectiva pasta, realizou um excelente trabalho. Agradecer as empresas e as entidades que nos apoiaram em nossas ações; agradecer a nossa imprensa, sempre muito atuante, destacando o Clube e suas atividades: a todos, fica o meu muito obrigada”, afirma.

Ana Maria entrega a presidência a advogada Suellen Farias, sócia da CJosias e Ferrer Advogados Associados, mas segue atuante na diretoria do Clube. “De curto prazo, conduzirei a realização das comemorações dos 15 anos do Clube durante todo o dia 19 de maio, bem como realizar a transmissão de posse para a nova presidente e sua diretoria, da qual também farei parte, junto ao Conselho de Ex-Presidentes, promovendo a integração do grupo. Clube permanecerá contando com um time muito bom de profissionais”, ressalta sobre seus planos futuros.

Ela ainda deixa mensagem especial para marcar os 15 anos. “Ao nosso Clube da Pedrinha desejamos muito mais anos de existência, sempre fiel a sua missão. Vida Longa a todos! Vida Longa Clube da Pedrinha RS! Parabéns! Que venham outros aniversários! Muito obrigada a todos, cada mensagem recebida ficará guardada em nossas memórias, como uma passagem muito linda frente ao Clube. Quem é Pedrinha sempre será Pedrinha”, finaliza.

Grupo Caburé ultrapassa a marca de 2 mil corretores parceiros 1274

Empresa é especialista na venda de seguro de vida

No início do mês de maio, o Grupo Caburé ultrapassou a marca de 2 mil corretores de seguros parceiros, especificamente na área de seguros de vida, especialidade da empresa, que é uma liderança na América Latina em administração de apólices e na realização de longas parcerias com estes profissionais. Através do seu Canal Corretor, a Caburé tem desenvolvido crescentes negócios com corretores de seguros de todos os portes e por todo o Brasil, trazendo a estes profissionais: auxílio e otimização na gestão operacional, aumento de produção de novas vidas e o consequente desenvolvimento de suas carteiras e, principalmente, o aumento de seus ganhos de comissões.

Com o crescimento da conscientização da população brasileira a respeito da proteção importante que oferece o seguro de vida, o Grupo Caburé entende que cada vez mais suas parcerias com os corretores aumentarão por todo o país, trazendo ganhos para todos; segurados, corretores, administrador e seguradoras. “Seja você também e sua corretora um parceiro do Grupo Caburé e potencialize seus negócios de seguro de vida”, reforça a empresa.