Como garantir a atenção integral à saúde dos colaboradores e melhorar o bem-estar e a produtividade? 429

Como garantir a atenção integral à saúde dos colaboradores e melhorar o bem-estar e a produtividade?

Unimed tem as respostas no Conarh 2019

O ambiente corporativo moderno demanda que o atendimento de saúde vá além das atribuições exigidas pelas normas legais. Prova disso é o crescente debate sobre a visão holística da saúde do trabalhador, que leva à abordagem de temas como cuidados preventivos, Atenção Primária e integração de dados, todos envolvidos na participação da Unimed no Conarh 2019, evento que acontece de 13 a 15 de agosto, em São Paulo (SP).

Maior sistema cooperativo de saúde do mundo, com 344 cooperativas presentes em 84% do território nacional, a Unimed lidera, no maior evento sobre gestão de pessoas do País, a causa da Atenção Integral à Saúde (AIS), que está à disposição de empresas e colaboradores como alternativa eficaz para o cuidado íntegro e uso inteligente dos recursos de saúde.

Em todo o Sistema Unimed, há 66 projetos de Atenção Integral à Saúde em andamento, atendendo a aproximadamente 300 mil pessoas. Uma das cooperativas que se destacam em projetos de AIS é a Central Nacional Unimed. Hoje, a operadora possui cinco clínicas nesse modelo, que atendem em São Paulo. A CNU possui programas de acompanhamento constante de beneficiários por telefone, online e presencialmente, como o Gestão de Saúde, com foco em orientar os pacientes crônicos quanto às condições de saúde e apoiar a adoção de hábitos mais saudáveis; o Especialista em Você, destinado aos idosos; Peso Certo, de combate à obesidade para beneficiários com Índice de Massa Corporal (IMC) igual ou superior a 30; o Programa Cuidar, exclusivo ao cuidado dos beneficiários em tratamento oncológico; e, mais recentemente, o Programa Saúde Mental.

A AIS também é uma das bandeiras da Federação das Unimeds do Estado de São Paulo – Unimed Fesp. Atualmente, 24 Unimeds da rede paulista contam com 30 unidades de Atenção Primária à Saúde e esse número vai crescer até o final do ano com novos três locais em implantação e outras quatro em fase de estudo de viabilidade.

Para garantir a qualidade nas unidades de AIS, foi criado o Qualificare, programa que faz a avaliação e diagnóstico dos serviços de atenção já implantados pelas Unimeds do estado de São Paulo e que aderiram ao projeto de avaliação, classificando em três níveis de acordo com o selo de qualidade desenvolvido pela Unimed Fesp.

Saúde Ocupacional

Dentro da abordagem completa da saúde, proposta pela Unimed, está a atenção específica com a saúde e segurança do trabalho. Nessa área, a Unimed do Brasil, representante institucional do Sistema Unimed, conta com o SOU – Saúde Ocupacional Unimed, serviço que visa atender a demanda das empresas interessadas em cumprir as legislações de Saúde e Segurança do Trabalho, diminuir o absenteísmo por meio da gestão da saúde e diminuir os riscos relacionados a acidentes e doenças no trabalho. O SOU se destaca no mercado por oferecer atendimento nacional e por contar com embasamento de protocolos e procedimentos técnicos desenvolvidos pelo Sistema Unimed. Além disso, conta com várias opções de laboratórios e clínicas, com rede credenciada de alto nível e disponível em diversas regiões.

Plano Odontológico

A gestão completa da saúde do trabalhador também envolve os cuidados odontológicos. Os planos voltados a esse tipo de atendimento evoluem em ritmo intenso e têm se consolidado como uma das principais estratégias para retenção de talentos nas organizações. Segundo a sala de situação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), até maio eram 24,6 milhões de pessoas cobertas por planos odontológicos no país, o que representa um crescimento de 1,24% neste ano. Em doze meses, a variação foi de 6,54%. A Unimed Odonto, operadora odontológica do Sistema Unimed, segue essa tendência de crescimento e registrou alta de 10,53% nos primeiros cinco meses deste ano, superando 440 mil clientes atendidos em todo o país. Em doze meses, a expansão da carteira foi de 28,35%. Entre as estratégias que sustentam esses resultados, a operadora investe continuamente na qualificação da gestão e da assistência prestada. Além da inovação nos canais de relacionamento com beneficiários e dentistas parceiros, a Unimed Odonto disponibiliza 21 mil opções de atendimento, autorizações on-line de procedimentos, pesquisa de rede via SMS ou aplicativo, desconto em medicamentos nas principais redes de farmácias do país, e Clube de Vantagens com descontos em mais de 80 opções de produtos e serviços.

Programação da Unimed para o Conarh 2019

Quem comparecer ao espaço da Unimed na feira de negócios do Conarh 2019 poderá testemunhar imediatamente o valor que o sistema cooperativo dá aos cuidados preventivos e à promoção da saúde e do bem-estar. Isso porque o estande, um dos maiores do evento, contará com ação do movimento Mude1Hábito, conduzido pela Unimed para incentivar a melhoria da qualidade de vida a partir da mudança de pequenos hábitos. No local, estarão disponíveis para todos os presentes atividades como um jogo de realidade virtual, incentivando a prática de exercício físico, e a balança de Bioimpedância, ferramenta com a qual um nutricionista analisará o funcionamento do organismo, por meio do levantamento de dados como o de percentual de gordura, músculo, hidratação e peso do indivíduo. Também haverá uma emocionante e divertida competição no Bike Ranking, na qual equipes disputarão pedalada a pedalada por um prêmio especial. A participação da Unimed no evento também reserva a realização de palestras técnicas, que acontecerão tanto no próprio estande quanto na Arena localizada na feira de negócios. Confira a seguir a programação:

Dia 13/08 – Estande Unimed

11h30 – SOU – Saúde Ocupacional Unimed – Perspectivas e Novo Modelo de Gestão Integrada
Palestrante: Julio Miclos Junior, gerente de Saúde Ocupacional da Unimed do Brasil

14h- A tecnologia na saúde e seus impactos nas relações humanas
Palestrante: Genira Rosa dos Santos

16h – O benefício odontológico como oferta de valor ao colaborador
Palestrante: André Veríssimo, especialista de Estratégia Comercial da Unimed Odonto

Dia 14/08 – Expo Arena

11h15 – Transformação Digital – Aprender a Desaprender para Reaprender
Palestrantes: Guilherme Muller Serpa, líder de relacionamento e marketing – Experiências Digitais Unimed do Brasil, e Marcelo Smarrito, digital advisor da Seguros Unimed e Conselheiro da UNIO Tecnologia

Dia 14/08 – Estande Unimed

10h30- Gerenciamento Ocupacional e seu impacto na sinistralidade
Palestrante: Dr. Thiago Alves Oliveira- Hyundai

14h – Atenção Integral à Saúde
Palestrante: Daniel Albuquerque, superintendente de Provimento em Saúde da Central Nacional Unimed e Dr. Gustavo Quinteiro, membro do Comitê Estratégico da APS do Estado de SP

18h – O benefício odontológico como oferta de valor ao colaborador
Palestrante: André Veríssimo, especialista de Estratégia Comercial da Unimed Odonto

Mobiauto adquire segunda maior empresa de repasse de automóveis do País 255

Mobiauto adquire segunda maior empresa de repasse de automóveis do País

Aquisição foi uma estratégia para acelerar ainda mais o crescimento da empresa, que até então atuava no mercado B2C

Segundo o CEO da Mobiauto, Sant Clair de Castro Júnior, o plano original da empresa era criar uma ferramenta que facilitasse o processo de repasse de veículos entre concessionários e lojistas. “Porém, notamos a necessidade de acelerar o processo e comprar uma empresa com a ferramenta pronta e know-how neste setor – além de significativa aceitação e usabilidade. Começamos atuando apenas com venda B2C, na qual os carros das revendas ativas eram disponibilizados para pessoa física por meio de anúncio feito no nosso portal de classificados. Agora, com a PasseCarros, poderemos atuar também no setor B2B, ajudando as lojas a abastecerem seus estoques para melhor servir seus clientes”, afirma.

Neste momento, a Mobiauto conta com 70 pessoas no seu quadro de funcionários para seguir o plano de crescer exponencialmente mês a mês. Na fase de lançamento, em julho, eram 54 colaboradores. O objetivo é dobrar o tamanho nos próximos 12 meses, em quantidade de carros vendidos e faturamento. “Em pouco tempo, a empresa tem se mostrado efetiva em impactar o comércio”, reitera Sant Clair.

Para ele, ferramentas como a PasseCarros agilizam o processo de repasse de veículos usados e seminovos, potencializando as vendas dos concessionários. “Quando você resolve comprar um carro novo, geralmente, tem a opção de dar o seu carro como parte do valor. No entanto, algumas vezes o veículo usado como entrada não atende o público daquela concessionária ou loja, por isso há a necessidade do repasse do automóvel entre eles”, exemplifica.

Associação dos Terminais Portuários Privados comemora MP da Liberdade Econômica 269

Associação dos Terminais Portuários Privados comemora MP da Liberdade Econômica

Confira nota de posicionamento emitida pela entidade

A Associação dos Terminais Portuários Privados (ATP) comemora os avanços na diminuição da burocracia para a atuação do setor portuário privado presentes na Medida Provisória da Liberdade Econômica, aprovada ontem pelo Senado Federal. Entre os benefícios trazidos pelo texto, destacamos o estabelecimento do tempo máximo para análise de pedidos referentes à autorização, licença, registro, alvará, entre outros.

“Uma das principais bandeiras da ATP é a desburocratização de processos no setor portuário privado. Temos situações de terminais que aguardam por anos para a liberação de uma licença ambiental, por exemplo. Com prazos claros e a definição do tempo máximo para análise, teremos ainda mais segurança jurídica para o investidor. Por isso, precisamos que a medida seja efetivamente implementada”, avalia o Diretor-Presidente da ATP, Murillo Barbosa.

A Associação também ressalta o seu apoio aos princípios que norteiam a MP, como a presunção de liberdade no exercício de atividades econômicas, a presunção da boa fé do particular e a intervenção subsidiária, mínima e excepcional do Estado sobre as atividades econômicas.

Seguros Unimed está entre as três maiores seguradoras de saúde do país, segundo o Valor 1000 344

Companhia também é destaque entre as mais rentáveis em 2018 na categoria ‘Previdência e Vida’

Divulgação
Divulgação

A Seguros Unimed reafirma a sua trajetória de crescimento ao figurar entre as três maiores seguradoras do país no ramo Saúde, segundo o Valor 1000. A publicação do jornal Valor Econômico, com chancela metodológica da Fundação Getúlio Vargas e da Serasa Experian, avalia o desempenho de empresas de 25 setores.

Fruto da evolução do modelo de gestão da saúde, com iniciativas que buscam aumentar a coordenação do cuidado, com foco na qualidade e na segurança do paciente, além de aumentar a eficiência assistencial, a Seguradora está entre as três companhias com menor sinistralidade do mercado. Os investimentos em inovação no último ano, levando à modernização da sua base tecnológica, além da ampliação das parcerias com o Sistema Unimed em todo o país, também estão entre os pilares da estratégia de crescimento da Seguradora.

No ranking que lista as melhores nos segmentos de Previdência e Vida, a Seguros Unimed está entre as 20 maiores. Entre as dimensões avaliadas, a Companhia é destaque entre as maiores em lucro líquido, lucro operacional, patrimônio líquido e prêmios ganhos, além estar entre as mais rentáveis sobre o patrimônio e na lista das que mais cresceram em aplicações, entre as grandes.

“É com muito orgulho que recebemos este importante reconhecimento do mercado no nosso ano 30 e reafirmamos o compromisso com o nosso propósito, com foco em um futuro com mais saúde e proteção financeira para as pessoas e as instituições”, destaca o diretor-presidente da Seguros Unimed, Helton Freitas. Ainda segundo ele, “seguimos com o olhar voltado para frente, trilhando um caminho com base nos pilares da cooperação e da inovação. E tendo o cliente no foco da nossa estratégia e operação”.

Além da Seguros Unimed, outras 31 Unimeds marcaram presença na publicação, no ranking que reúne os maiores planos de saúde do Brasil.

A cerimônia de premiação da edição 2019 do Valor 1000 ocorreu na última terça-feira (20), no Hotel Unique, em São Paulo, e contou com a presença do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Planos de saúde poderiam economizar em torno de R$ 10 milhões evitando fraturas decorrentes de osteoporose 387

Planos de saúde poderiam economizar em torno de R$ 10 milhões evitando fraturas decorrentes de osteoporose

Estudo demonstra que uma boa gestão de informações dos beneficiários possibilita tratamentos preventivos e evita custos, que podem chegar a R$ 650 milhões ao ano na saúde suplementar

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 10 milhões de pessoas sofrem com a osteoporose, doença que causa enfraquecimento dos ossos e aumenta o risco de fraturas. No universo da saúde suplementar, que contempla cerca de 47 milhões de beneficiários, se considerarmos apenas as pessoas com 50 anos de idade ou mais, 1,4 milhão de pessoas são acometidas pela doença e cerca de 12% delas apresentam alto risco de fraturas, com custos que podem chegar a 60 mil reais –somando um gasto de aproximadamente R$ 650 milhões ao ano. Pesquisa conduzida pela União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde (UNIDAS), identificou que pelo menos 20,7% dos custos com internações cirúrgicas estão relacionadas a Órteses, Próteses e Materiais Especiais (Pesquisa UNIDAS – 2018).

Um estudo realizado pela Caixa de Previdência e Assistência dos Servidores da Fundação Nacional de Saúde (Capesesp), filiada da UNIDAS, comprova que é possível reduzir os custos com fraturas por meio de gestão de informações dos beneficiários e cobertura de tratamentos preventivos. A ferramenta, que identificou pessoas que apresentavam um alto risco de fraturas decorrentes de osteoporose, trabalha com dados que vão além do número de exames e internações do paciente, passando por seu histórico médico, doenças e fatores de risco, informações fundamentais para trabalhar com prevenção e gestão de doenças.

O estudo avaliou mais de 22 mil mulheres na pós-menopausa com 50 anos ou mais – perfil e faixa etária com maior probabilidade de ter osteoporose. Destas, 229 mulheres com média de idade de 73,6 anos apresentaram alto risco de fraturas e baixa Densidade Mineral Óssea (DMO), sendo selecionadas para receberem um tratamento preventivo com objetivo de evitar fraturas. Com o tratamento, a incidência de fratura vertebral (0,43%), quadril (0,87%) e antebraço (0,43%) conseguiu ser abaixo do esperado, evitando 37 fraturas decorrentes de osteoporose e economizando quase R$ 900 mil reais.

Os medicamentos utilizados no tratamento desse grupo tiveram um custo aproximado de R$ 200 mil em um ano. Em contrapartida, uma fratura de quadril com colocação de prótese no fêmur, custa em torno de R$ 40 mil. “Isso significa que com cinco fraturas evitadas é possível cobrir o custo do tratamento do ano inteiro. Mais do que reduzir despesas, o paciente ganha mais saúde e qualidade de vida com as fraturas evitadas”, explica o presidente da Capesesp, João Paulo do Reis Neto.

A Capesesp calcula que se os 500 mil beneficiários (nesse caso com 60 anos de idade ou mais) de planos de saúde no Brasil que apresentam o mesmo alto risco de fraturas fizessem o mesmo tratamento preventivo para evitar as fraturas, seria possível economizar em torno de R$ 10 milhões.

“Com o envelhecimento da população brasileira, doenças relacionadas à idade, como a osteoporose, se tornam cada vez mais comuns. E a maior parte dos idosos que possuem planos de saúde do país estão nas autogestões (25,9%). Levando esse fator em consideração, as autogestões exercem um papel fundamental para a sobrevivência do sistema de saúde como um todo, por ser o único segmento da saúde suplementar acessível para a população idosa fora do Sistema Único de Saúde (SUS)”, finaliza o presidente da UNIDAS, Anderson Mendes.

Ministro do STF, Luis Roberto Barroso, é confirmado para Conseguro 2019 395

Ministro do STF, Luis Roberto Barroso, é confirmado para Conseguro 2019

Evento ocorrerá em Brasília e as inscrições seguem até o dia 28 de agosto

A duas semanas da Conseguro 2019, evento mais aguardado do mercado de seguros do país, que será realizado nos dias 4 e 5 de setembro, em Brasília, a organização do evento confirma a presença de Luis Roberto Barroso, Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). O magistrado apresentará a palestra “Um Olhar Sobre o Mundo e Sobre o Brasil”.

Promovida pela Confederação das Seguradoras (CNseg), este ano, a Conseguro 2019 abordará As Novas Fronteiras do Desenvolvimento e realizará debates referentes à nova economia, à conscientização da poupança a longo prazo e aos investimentos em infraestrutura no Brasil. O encontro reunirá palestrantes e debatedores técnicos, além de uma vasta programação com conteúdos relevantes para os negócios e carreira profissional. A expectativa é que cerca de 700 pessoas participem da Conseguro 2019.

Outros quatro eventos integrarão a edição 2019 da Conseguro: o 13º Seminário Controles Internos & Compliance, Auditoria e Gestão de Riscos; a 9ª Conferência de Proteção do Consumidor de Seguros; o 6º Encontro Nacional de Atuários; e a 1ª Conferência de Sustentabilidade e Diversidade.

As inscrições para a Conseguro 2019 seguem até o dia 28 de agosto neste site.

Serviço: Conseguro 2019 – As Novas Fronteiras do Desenvolvimento

Data: 4 e 5 de setembro de 2019
Horário: 8h (Credenciamento) | 9h às 18h30min (Conseguro 2019)
Local: Centro Internacional de Conveções do Brasil (CICB)
Endereço: St. de Clubes Esportivos Sul Trecho 2 Conjunto 63, Lote 50 – Asa Sul, Brasília