Consórcio Imobiliário: opção de investimento rentável e seguro 848

Consórcio Imobiliário: opção de investimento rentável e seguro

Modalidade não exige valor de entrada e a carta de crédito acompanha o reajuste das parcelas

Segundo o levantamento realizado pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), a compra ou a quitação do imóvel próprio é o principal objetivo do retorno das aplicações financeiras do investidor brasileiro. Dos 42% que têm alguma aplicação, 31% pretende comprar ou quitar parcelas de imóvel ou terreno. “Para quem tem planos de investir na aquisição da casa própria, apartamento ou terreno, o Sistema de Consórcio é uma boa opção. Não tem juros e a taxa administrativa é embutida nas parcelas do financiamento”, explica o diretor da Porto Seguro Consórcio, William Rachid.

Além destas vantagens, o Consórcio de Imóveis não exige valor de entrada e a carta de crédito acompanha o reajuste das parcelas (INCC – Índice Nacional de Custo da Construção), o que mantém o poder de compra. “Essas condições despertam o interesse de pessoas que procuram investimento flexível e atraente”, observa Rachid.

O mercado está em um momento propício para o investir no Sistema de Consórcio, o juro alto do crédito e a seletividade dos bancos na concessão de financiamento dificultam a aquisição. Neste cenário, consórcio é uma opção que viabiliza a compra de forma planejada. Vale ressaltar que investir em imóvel significa uma decisão com solidez, essa modalidade permite uma rentabilidade mensal, por meio do aluguel e com o passar do tempo, o imóvel valoriza mais e tem pouco risco de perda.

No Porto Seguro Consórcio, o cliente é assessorado em todas as fases, desde consultoria na hora da venda até a solução de pendências e o momento de contemplação. “Nossa preocupação é oferecer mais conforto e segurança na hora da contratação, esclarecendo todas as dúvidas e apresentando todas as possibilidades que contempla o investimento”, explica Rachid.

No Porto Seguro Consórcio de Imóveis, o cliente paga a taxa de administração, o fundo de reserva e o seguro de vida, que são diluídos ao longo do período do grupo. Além dos sorteios mensais, o indivíduo pode ofertar lances, o que aumentam as chances de contemplação. Nessa modalidade, o consumidor pode utilizar o FGTS para o lance, complementar o crédito ou ainda amortizar o saldo devedor.

As cotas disponíveis variam de R$ 55 a R$ 500 mil e as parcelas podem ser contratadas a partir de R$ 349,00 e em até 200 meses para pagamento. Mais informações sobre os planos do Porto Seguro Consórcio estão disponíveis neste site.

Porto Seguro aponta crescimento de 16% na contratação de seguro residencial em 2019 561

Porto Seguro aponta crescimento de 16% na contratação de seguro residencial em 2019

Produto ainda oferece diversas vantagens e assistências especializadas

Contar com uma proteção efetiva para o lar contra situações e imprevistos é fundamental para se ter tranquilidade em todos os momentos. Ao longo do ano, a Porto Seguro registrou um crescimento de 16% na contratação dessa modalidade de produto, em relação ao mesmo período do último ano, o que demonstra que as pessoas estão cada vez mais conscientes sobre a necessidade e as vantagens de se contar com esse serviço.

Além de oferecer cobertura contra incêndios, danos elétricos em bens e instalações, subtração de bens, danos a terceiros (como vazamentos que afetem os vizinhos) e outras garantias personalizadas para cada cliente, o produto ainda oferece uma gama de assistências especializadas e benefícios permanentes aos segurados, mesmo quando não ocorre nenhum dano que exija o uso da cobertura contratada. É uma garantia para a preservação de bens tão pessoais e ainda a certeza de poder contar com uma rede de assistências e serviços em caso de pequenos consertos e emergências.

Segundo o gerente da Porto Seguro no Rio Grande do Sul, Edgar Anuseck. “É importante que o consumidor converse com o seu corretor e adquira o seguro que mais se adeque ao seu perfil”, orienta. “É interessante verificar esse comportamento dos clientes e o crescimento pela busca por esse produto, que é de extrema importância para diferentes momentos da vida do segurado, ajudando-o a manter o patrimônio conquistado em situações inesperadas”, complementa.

O Porto Seguro Residência pode ser contratado por valores de investimento inferiores a R$ 1,00 por dia. O produto ainda oferece serviços de assistência permanentes como reparos hidráulicos e elétricos, chaveiro e manutenção de eletrodomésticos da linha branca. Para obter mais informações sobre o produto e simular uma contratação do serviço, basta acessar este endereço ou consultar um corretor.

Receitas dos Títulos de Capitalização ultrapassam R$ 17 bilhões 703

Receitas dos Títulos de Capitalização ultrapassam R$ 17 bilhões

Arrecadação avança 12,1% e ultrapassa, em setembro, o percentual de crescimento projetado para 2019

O presidente da FenaCap, Marcelo Farinha / Divulgação
O presidente da FenaCap, Marcelo Farinha / Divulgação

Os Títulos de Capitalização são produtos que reúnem soluções de negócios com sorteios. De acordo com a Federação Nacional de Capitalização (FenaCap), entre os meses de janeiro e setembro, as empresas do segmento registraram receita acumulada de R$ 17,4 bilhões, avanço de 12,1% em relação ao mesmo período do ano anterior,  batendo, em setembro, o percentual de crescimento projetado para 2019.

Os números divulgados pela FenaCap mostram, ainda, que as empresas do setor distribuíram R$ 870 milhões em sorteios para clientes contemplados de todo o país. O valor representa um crescimento de 1,2% em relação ao mesmo período de 2018 e ao pagamento de R$ 4,6 milhões de prêmios em dinheiro por dia útil, até setembro. Os resgates finais e antecipados ultrapassaram R$ 13,7 bilhões, registrando um crescimento de 4,4%. E o volume das reservas técnicas, constituídas pelos recursos de clientes com títulos de capitalização ativos, cresceu 3,9%, fechando o período em R$ 30,5 bilhões.

O mercado de Capitalização tem 17 milhões de clientes, entre pessoas físicas e jurídicas. “Mesmo que o cenário permaneça desafiador, as empresas estão empenhadas em oferecer soluções para facilitar a formação de reservas e proteger conquistas, assim como proporcionar melhores experiências de consumo”, assinala Marcelo Farinha, presidente da FenaCap.

Conheça as modalidades de títulos de capitalização existentes

Instrumento de Garantia – Substitui a figura do fiador nas transações de aluguel de imóveis e serve de garantia para operações financeiras e  contratos de qualquer natureza.

Filantropia Premiável – O consumidor cede o direito de resgate da sua reserva para uma instituição filantrópica previamente credenciada pelas empresas de capitalização e participa de sorteios.

Popular – Permite que o consumidor adquira um título de valor acessível com direito ao resgate de até 50% do valor pago e concorra a muitos prêmios ao longo da vigência.

Tradicional – O objetivo dessa modalidade é a formação de uma reserva, de maneira programada, por um prazo previamente conhecido e valor pré-determinado. Dá direito a participar de sorteios e ao resgate de 100% do que foi pago, atualizado pela TR, ao fim do prazo de vigência.

Incentivo – Nessa modalidade, uma empresa de varejo, por exemplo, adquire uma série exclusiva de títulos e cede aos seus clientes o direito a participar de sorteios.

Compra Programada – Essa modalidade permite a acumulação mensal vinculada à aquisição de bens duráveis com sorteio de prêmios.

Nova sede da AIG Brasil: um marco que segue as tendências mais modernas de trabalho 783

Nova sede da AIG Brasil: um marco que segue as tendências mais modernas de trabalho

Batizado de Espaço Colaborativo AIG, a nova sede da seguradora no Brasil visa promover um ambiente produtivo e ao mesmo tempo mais informal

A partir desta segunda-feira, 18 de novembro, a AIG está de casa nova. Mais do que isso: a empresa está fortalecendo a cultura de inovação, marca registrada da seguradora. O Espaço Colaborativo AIG segue as tendências de trabalho atuais e responde às expectativas dos funcionários, clientes e parceiros de negócios quando o assunto é ambiente mais aberto que fomenta a integração entre as pessoas e facilita a atração de talentos.

“O Espaço Colaborativo AIG será um lugar onde poderemos estar mais alinhados na busca das melhores soluções para o mercado. Esse é o nosso DNA: inovar e estar sempre prontos para os novos desafios”, afirma o CEO da AIG, Fabio Protasio Oliveira. Além de sediar as operações da companhia no Brasil, o Espaço Colaborativo AIG também é o ponto de convergência dos negócios da seguradora na América Latina e Caribe, divisão regional que inclui o Brasil, México, Equador, Porto Rico, Venezuela e o AIG Fac Desk Latam (Miami, Estados Unidos), liderada pelo CEO para a Região, Paride Della Rosa.

São muitas as novidades que o espaço e o prédio oferecem para a equipe da AIG e visitantes. A começar pela ausência de barreiras visuais, pois todo o espaço é aberto, desde as estações de trabalho até salas de reuniões, espaços para conversas mais privadas e cabines telefônicas para uso de celulares. As cores serão mais vivas e ainda foram criadas muitas áreas de colaboração informais e uma grande cafeteria com oferta de diversos tipos de alimentos e bebidas que podem ser adquiridos pela equipe ao longo de todo o dia. Por fim, a AIG pensou também em um auditório para eventos internos e para corretores. Para momentos de descompressão e integração da equipe estão sendo instalados fliperama, pebolim e videogame.

O edifício para onde a AIG está se mudando, a Torre Z, também oferece facilidades aos funcionários: praça de alimentação, bicicletário e vestiário, ponto de aluguel de patinete e uma área externa de convivência. O prédio ainda tem um processo de reciclagem de compostos orgânicos e distribuição de adubo aos condôminos.

A nova sede da AIG fica na Avenida Dr. Chucri Zaidan, 296, 18° andar – Torre Z, Vila Cordeiro – São Paulo/SP, localizada bem na esquina da avenida Morumbi.

SulAmérica promove convenção com foco em desenvolvimento e protagonismo profissional 473

Patricia Coimbra é vice-presidente de Capital Humano, Administrativo e Sustentabilidade da SulAmérica / Divulgação

CarreiraCon traz programação de palestras e debates, incluindo nomes como Luiz Pondé e Flávio Passos, para colaboradores no Rio e em São Paulo

A SulAmérica realizou no dia 13 de novembro, na sede da empresa do Rio de Janeiro, e nos dias 26 e 27 de novembro, na sede em São Paulo, a terceira edição da CarreiraCon, evento sobre desenvolvimento profissional voltado para colaboradores da companhia. Neste ano, a convenção discutirá a reinvenção profissional e como as pessoas podem encontrar a melhor versão de si mesmas para lidar com as ambiguidades e complexidades do mundo digital.

O evento contará com palestras, talks e rodas de conversa, além de vivências para apoiar o autoconhecimento e o posicionamento de carreira do colaborador. Patrícia Coimbra, vice-presidente de Capital Humano, Administrativo e Sustentabilidade da SulAmérica, e Patricia Suzuki, superintendente de Capital Humano, ministrarão as palestras de abertura. Também participarão da CarreiraCon nomes como Ricardo Vandré, Flávio Passos, Gustavo Tanaka e Martha Gabriel.

“A SulAmérica soma mais de 5 mil colaboradores e queremos, por meio de ações como a CarreiraCon, mostrar que eles podem ser protagonistas de suas carreiras. Queremos colaboradores empoderados, com diversidade de ideias e experiências, que são pontos fundamentais para o sucesso da nossa jornada de transformação”, diz Patricia Coimbra.

GBOEX apresenta novo Superintendente de TI 612

Marcelo Boligon de Araujo é o novo Superintendente de TI do GBOEX / Divulgação

Departamento otimiza processos e cria novas soluções tecnológicas

O GBOEX apresenta ao mercado o novo Superintendente de Tecnologia da Informação da empresa, Marcelo Boligon de Araujo. Com 25 anos de experiência na área de TI, o executivo passou por várias empresas de força no mercado. Formado em Administração, com ênfase em Análise de Sistemas de Informação, Araujo é responsável agora pelo funcionamento dos sistemas e infraestrutura de TI da organização, que possui papel estratégico na operação do GBOEX, “de transformar alternativas tecnológicas de gestão da informação, em ferramentas para atender os desafios corporativos”, explica o superintendente de TI.

O setor de TI tem sido um dos mais importantes do GBOEX, otimizando processos, criando novas soluções tecnológicas, para seguir o grande foco da empresa: prestar o melhor serviço e atendimento aos associados e parceiros estratégicos. A área tem recebido grande investimento e o reflexo disso é o constante desenvolvimento da empresa. Entre os projetos recentes, destaque para as implantações do ERP SAP Business One e de uma nova plataforma de comercialização de pecúlio por meios remotos e a modernização da infraestrutura de segurança de TI, visando estar em conformidade com a Lei Geral de Proteção a Dados.

O GBOEX é reconhecido por ter uma equipe engajada e motivada, resultado do constante trabalho de valorização de seus colaboradores, alcançando, assim, o principal foco da empresa: entregar o melhor serviço e atendimento aos associados e parceiros.