Não coloque em risco a saúde do motor 1489

Não coloque em risco a saúde do motor

Confira artigo de Cláudio Moysés, gerente geral de Qualidade da PSA Groupe e diretor-executivo do Instituto da Qualidade Automotiva (IQA)

Existem muitos produtos que são vendidos no mercado como líquido de arrefecimento, mas na verdade não passam de água com corante e podem conter elementos prejudiciais ao motor, portanto o consumidor precisa tomar alguns cuidados na hora de fazer a manutenção do veículo e comprar este item tão importante, que é responsável por manter o motor em temperatura ideal de funcionamento, entre outros benefícios.

É fundamental seguir a recomendação do manual do fabricante e utilizar somente produtos de origem confiável deste líquido, que é composto por água desmineralizada e aditivo à base de etileno glicol. Assim, o consumidor tem a segurança de comprar um produto que entrega a proteção adequada conforme especificação de uso e garante a preservação da vida útil do motor.

Algumas montadoras já trabalham com líquidos long life, que duram a vida inteira do veículo, então o motorista não precisa se preocupar em fazer a troca, a não ser que haja vazamento ou alguma contaminação do sistema. Já outras montadoras recomendam fazer trocas do líquido de arrefecimento, de acordo com quilometragem, a partir de produtos homologados.

Alguns brasileiros têm o hábito de completar o reservatório com água da torneira, o que é prejudicial, pois a composição da mistura deve conter água desmineralizada para proteger os componentes metálicos da corrosão e evitar a formação de incrustações, que podem causar entupimentos e, em consequência, superaquecimento do motor.

Assim, colocar água da torneira no circuito de arrefecimento põe em risco a saúde do motor, pois a água pode conter sais minerais como cloro, flúor e cálcio que, se acumulados em certas regiões do motor, aceleram o processo de oxidação e desgaste de partes metálicas e mangueiras. Em especial o cloro presente na água pode reagir com o alumínio das peças.

Se o consumidor completar apenas com água, a porcentagem da mistura também irá diminuir e perder eficiência, uma vez que um dos objetivos do etileno glicol é garantir que a água não evapore. Assim, a mistura perde capacidade de não evaporar, que é observada com a rápida queda de nível, além de perder as características de proteção do motor e das borrachas.

Geralmente, os painéis de instrumentos dos veículos alertam caso comece a baixar o nível e aumentar a temperatura. Se continuar em funcionamento mesmo com os alertas, o carro terá problemas com o superaquecimento do motor, como dano à junta do cabeçote, que pode demandar uma retífica ou a troca deste importante item avariado.

No Brasil, a certificação do líquido de arrefecimento ainda é voluntária, mas o mercado já apresentou demanda ao Inmetro para que esta seja regulamentada, com a finalidade de evitar que produtos piratas sigam em circulação no mercado.

Para não colocar em risco o patrimônio, a recomendação é que o motorista escolha sempre produtos avaliados e testados pelo Instituto da Qualidade Automotiva (IQA), que realiza uma gama de ensaios em líquido de arrefecimento, conforme as especificações das normas ABNT NBR, o que garante segurança ao consumidor.

Todo o trabalho é realizado em laboratório químico próprio, que está localizado no Parque Tecnológico de Sorocaba (PTS), a 100 km de São Paulo. O laboratório possui equipamentos de última geração para realizar ensaios químicos em líquido de arrefecimento, assim como Arla 32, líquido de freios, baterias e pilhas.

O IQA é um organismo de certificação sem fins lucrativos especializado no setor automotivo, criado e dirigido por Anfavea, Sindipeças, Sindirepa e outras entidades do setor e governo. Parceiro de organismos internacionais e acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro, o Instituto atua em certificação de serviços automotivos, produtos e sistemas de gestão, assim como publicações técnicas, treinamentos e ensaios de laboratório.

“ANS: Pronta pra te ajudar!” é o slogan da nova campanha publicitária da reguladora 1080

Transformação digital na saúde vai dar protagonismo ao paciente e deixar atendimentos mais seguros

Vídeos produzidos para internet e redes sociais têm como mote a orientação ao consumidor

“ANS: Pronta pra te ajudar!” é o slogan da campanha publicitária deste ano da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O conceito tem origem no papel social da Agência de prestar serviço de utilidade pública ao cidadão brasileiro, fornecendo informações sobre o setor de planos de saúde, orientando o consumidor, recepcionando queixas e colaborando para a solução de problemas.

Totalmente digital, a campanha será realizada de 08/01 a 17/03 nos perfis institucionais da ANS no Facebook, Twitter, Youtube e Linkedin e também no Google Search e Instagram, cobrindo todo o território nacional. Os vídeos e posts produzidos abordam temas relevantes para quem quer contratar ou para quem já tem um plano de saúde, tais como: principais características dos planos; como verificar informações sobre as operadoras; como trocar de plano sem ter que cumprir novas carências, utilizando o mecanismo da portabilidade de carências; como comparar planos disponíveis no mercado; e como falar com a ANS.

“É importante que os beneficiários da saúde suplementar e a sociedade em geral saibam que a ANS é a autoridade quando o assunto é plano de saúde, que o setor possui regras que são fiscalizadas pela Agência e que há diversos canais de contato e meios de comunicação disponíveis para disseminação de informações e orientações para quem deseja contratar ou já possui um plano de saúde”, enfatizou Wladmir de Souza, secretário-geral da ANS.

Confira aqui a campanha.

Grupo Pentagonal Seguros comercializa emissão da PID com exclusividade no mercado segurador 301

Documento habilita o condutor a conduzir veículos para uso no exterior, em países que fazem parte das convenções e acordos internacionais que tratam sobre o assunto

Em parceria com o Automóvel Clube Brasileiro, o Grupo Pentagonal Seguros vai comercializar a emissão da Permissão Internacional para Dirigir de forma exclusiva no setor de seguros, em todas as suas franquias. Conhecida como PID, o documento habilita o condutor a conduzir veículos automotores da sua categoria, para uso no exterior, em países que fazem parte das convenções e acordos internacionais que tratam sobre o assunto.

De acordo com a Portaria DENATRAN nº 251/2017, o Automóvel Clube Brasileiro está autorizado a expedir a PID para brasileiros em todo o território nacional. O documento tem validade de três anos e é preciso portá-lo junto com a Carteira Nacional de Habilitação. É importante estar com o documento por ser internacionalmente reconhecido e traduzido em nove idiomas, com o objetivo de facilitar a checagem das informações do condutor, tanto para locações de veículos quanto em fiscalizações das autoridades locais.

Para o CEO do Grupo Pentagonal Seguros, Bernard Biolchini, ser a corretora de seguros exclusiva do Automóvel Clube Brasileiro na emissão da PID, agrega um valor imensurável para a marca, porque existe uma necessidade do turista portar o documento, para evitar contratempos durante a viagem. “Quem viaja para fora do Brasil, precisa ter a consciência que embora quando alugue um carro e a locadora não exige o documento como condição para o aluguel, precisa ter a PID em mãos. Caso ocorra um acidente ou se o viajante for parado pela polícia, sem este documento tudo se complica. E a viagem que deveria ser tranqüila, se torna um contratempo por conta dos transtornos que podem ser causados, devido a falta deste documento”, explicou.

Quando o turista apresenta somente a CNH para uma autoridade de trânsito que não conhece a língua portuguesa, isso pode gerar dúvidas ao responsável pela fiscalização. Existem casos de motoristas que foram multados na Argentina, por estarem somente com a CNH e não portarem a PID. Caso não domine o idioma local, a dificuldade para responder todos os questionamentos do agente de trânsito, é considerada mais um obstáculo para mostrar que o documento apresentado está correto.

Desde 14 de agosto de 2016, entrou em vigor a Convenção da Apostila da Haia. O tratado tem o objetivo de agilizar e simplificar a legalização de documentos entre os 112 países signatários, permitindo o reconhecimento mútuo de documentos brasileiros no exterior e de documentos estrangeiros no Brasil.

O Automóvel Clube Brasileiro em parceria com o Grupo Pentagonal Seguros na comercialização da carteira internacional proporciona o acesso a PID de forma ágil e sem burocracia. A permissão pode ser adquirida sem dificuldades. É só preencher o formulário com um único cadastro, efetuar o pagamento com segurança e no prazo máximo de três dias, o documento é despachado pelos Correios.

Prudential do Brasil vai levar corretores para o México 2341

Trata-se da campanha de incentivo para soluções de Vida em Grupo

Recentemente a Prudential do Brasil percorreu diversas regiões com Confraria Prudential – Valorizando a Vida em Grupo. Trata-se da campanha de incentivo da modalidade, que levará os corretores de seguros destaque para uma inesquecível viagem a Playa del Carmen, no México.

Reprodução/Abril
Reprodução/Abril

O Vice-Presidente de Vida em Grupo da Prudential do Brasil, Carlos Guerra, conta que a ação completa o tripé da operação brasileira da companhia – que atua com seguros individuais, parcerias com instituições financeiras e no modelo de vendas para Vida em Grupo. Guerra também destaca o papel dos life planners, que atuam como corretores autônomos. “Nessa operação qualificamos os corretores em alto nível para ampliar este modelo de vendas. Nosso sistema de treinamento é muito eficiente e oferece todo suporte possível para que os profissionais da corretagem possam fazer uma venda qualificada”, comentou o executivo ao destacar que os principais operadores do segmento irão para uma inesquecível viagem para Playa del Carmen, no México, entre os dias 18 e 21 de junho de 202 – com hospedagem no Hilton, em sistema all inclusive.

“Essa é a primeira campanha que a Prudential do Brasil Vida em Grupo desenvolve para o ramo de seguros coletivos, segmento que operamos desde 2017 e já contamos com mais de dois milhões de vidas seguradas, além de R$ 323,3 milhões em prêmios, só no ano passado. A ação é mais uma forma de reconhecer o excelente trabalho realizado pelos corretores de seguros, que acreditam e confiam nos produtos da companhia”, completa Carlos Guerra.

Serão reconhecidos os 21 corretores que mais se destacarem no ano de 2019, de acordo com os critérios de pontuação e ranking elaborados pela companhia. Durante a viagem, haverá no local um evento promovido pela seguradora para celebrar e agradecer aos vencedores da campanha. O primeiro lugar receberá, ainda, um troféu de reconhecimento pelo trabalho realizado.

A ampliação da atuação da seguradora em terras brasileiras foi enfatizada por Paula Bernardoni, responsável pela Distribuição e Planejamento da Prudential do Brasil. “Nossa estratégia visa ampliar os canais de distribuição para atingir novas regiões e sempre, claro, reforçando a parceria com aqueles profissionais que já estão conosco. Todas as nossas ações são voltadas para o canal corretor”, finalizou.

Final de ano: uma grande oportunidade para novos negócios 4609

Final de ano: uma grande oportunidade para novos negócios

Consultor Tiago Melo participou do Podcast Sem Mistério #03

Divulgação
Divulgação

O terceiro episódio do Podcast Sem Mistério recebeu o gestor da TCBM Gestão de Riscos e membro da Court of the Table da Million Dollar Round Table Brazil (MDRT), Tiago Melo. O especialista em seguros de vida fez um balanço de 2019, indicou que este período do ano trata-se de um dos melhores para efetivação de novos negócios e apontou um cenário otimista para a economia e desenvolvimento da cultura securitária do Brasil em 2020.

O mineiro, que atua há mais de 12 anos como consultor e assessor do mercado financeiro de proteção patrimonial, ainda é autor do livro “Xeque-Mate – Descomplicando a Sucessão Empresarial e Proteção Patrimonial por meio do Seguro de Vida. Será que isso serve para mim?”. A obra atingiu repercussão internacional.

O programa, apresentado por William Anthony, ainda aborda alguns dos principais temores dos profissionais da corretagem de seguros diante de mudanças significativas no segmento, tais como as alterações regulatórias e a explosão das insurtechs. A atração está disponível na íntegra no Spotify, a casa dos podcasts.

Susep abre edital de seleção para o projeto de inovação sandbox 2214

Susep abre edital de seleção para o projeto de inovação sandbox

Início do processo será no primeiro trimestre de 2020

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) informa que o edital de seleção para o projeto de inovação (Sandbox) não terá início no dia 1º de janeiro de 2020, conforme previsto na consulta pública nº 11/2019.

A autarquia esclarece ainda que o edital será lançado no primeiro trimestre de 2020 e que o prazo de vigência será previamente comunicado.