A polêmica autorregulação dos corretores de seguros 7487

A polêmica autorregulação dos corretores de seguros

Profissionais da corretagem divergem após desregulamentação da categoria

Após a Superintendência de Seguros Privados (Susep) anunciar a desregulamentação dos corretores de seguros foi aberto o caminho para a autorregulação dos profissionais da categoria. No entanto, nem todos concordam com a adesão ao Instituto Brasileiro de Autorregulação do Mercado de Corretagem de Seguros, de Resseguros, de Capitalização e de Previdência Complementar Aberta (Ibracor).

O Ibracor, entretanto, informou que uma tabela de preços para associação que circula nas redes trata-se da inscrição e registro de novos profissionais da corretagem. “A inscrição será concedida aos novos profissionais habilitados, que preencherem todos os requisitos condicionantes para atuação profissional dos corretores, observando os ramos de atividade em que esteja habilitado”, disse nota enviada à imprensa.

O mesmo texto ainda informa que os corretores e sociedades de corretagem já habilitados e detentores de registro ativo, concedidos até 11 de novembro de 2019, permanecerão ativos até a emissão de uma nova norma que fará disposição sobre processo de recadastramento. “Atualmente a associação ao Instituto é gratuita, considerando que os corretores de seguros que se associarem até o final do ano civil de 2019, estarão isentos da contribuição inicial de ingresso no quadro de associados e da anuidade dos exercícios de 2019, 2020 e 2021”, prosseguiu o Instituto.

Do outro lado, os profissionais que não ficaram satisfeitos com a saída sobre o assunto alegam que o Ibracor possui relações com outras entidades, como Sindicatos e Federações. Tal afirmação é negada enfaticamente por representantes sindicais como o vice-presidente do Sindicato dos Corretores de Seguros do Rio Grande do Sul, André Thozeski. Em carta enviada aos colegas do mercado, o também corretor de seguros alega que “tal ignorância é assustadora”.

Confira o pronunciamento de Thozeski na íntegra:

Corretor de Seguros, com muito orgulho!

Ouvi de alguns pseudocorretores estas pérolas:

“Agora inventaram essa tal de Ibracor pra tirar dinheiro dos corretores…”

“Como os sindicatos acabaram, porque acabaram com o imposto sindical, inventaram esse troço pra continuar cobrando…”

Tamanha ignorância é assustadora…

Bem, vamos lá…

Você conhece alguma coisa de mercado financeiro, bolsa de valores?

Sabes como é regulado?

Meus amigos, os corretores da bolsa de valores, os especialistas em investimentos, as empresas corretoras de valores, todos estes são regulados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Você conhece alguma coisa do mercado publicitário?

Sabes como ele é regulado?

Eles têm o Conselho de Autorregulação Publicitária (CONAR).

O que os Corretores têm agora com o Ibracor é a mesma coisa. Agora tem um órgão regulador, formado por especialistas que conhecem o meio, que tem como missão organizar, registrar, qualificar os profissionais.

Isso nada tem a ver com um Sindicato.

São coisas completamente diferentes. Tanto é que na diretoria do Ibracor não participa nenhum, nenhum membro de sindicato. E isso é um princípio que foi estipulado já na criação do Ibracor, para que não misturem as coisas. As pessoas que estão lá no Ibracor, atuando, NÃO PARTICIPAM de nenhum Sincor.

Os Corretores de Valores e Câmbio, que são REGULADOS pela CVM, têm o seu sindicato, o SindCor por exemplo.

Os publicitários, que são REGULADOS pelo CONAR, têm o seu sindicato, o Sinapro, por exemplo.

Assim como os Corretores de Seguros, que são REGULADOS pelo IBRACOR, têm o seu sindicato, que é o Sincor, por exemplo.

Portanto, vejam que “Instituto de Autorregulação” é um órgão que profissões organizadas e sérias, que NÃO TÊM CONSELHO FEDERAL, elegeram como necessário. E os profissionais destas categorias os respeitam.

Assim, já estava mais que na hora de o Corretor de Seguros também ter a sua autorreguladora… Ela já existe, chama-se Ibracor.

Eu faço questão de ser associado à minha autorreguladora, eu faço questão de ser associado ao meu sindicato patronal, porque eu entendo que ambos são importantes e necessários, cada um com as suas atribuições.

Eu sou André Thozeski. Eu sou Corretor de Seguros. Eu sou associado ao Ibracor. Com muito orgulho.

MP ainda depende de aprovação no Congresso Nacional

De acordo com os dispositivos normativos emitidos pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), a Superintendência de Seguros Privados (Susep) possui autoridade para designar uma entidade autorreguladora como braço auxiliar. Por isso, desde 2011, foi criado o Ibracor. Outra vertente de profissionais da corretagem de seguros questiona a legitimidade dos representantes desta instituição e afirmam ainda que as modificações poderiam abrir precedentes para a existência de diversas entidades de autorregulamentação. É o caso de dois players consultados pela coluna que atuam em grandes redes de corretores de seguros.

Outro ponto relevante é que a decisão da desregulamentação dos profissionais da corretagem de seguros foi emitida através da Medida Provisória 905, que cria o “Contrato de Trabalho Verde Amarelo”. Ou seja, cabe ao Congresso Nacional referendar ou não a validade da medida. São diversos os especialistas que dão como certa a caducidade do texto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro.

UFRGS lança especialização em Gestão Atuarial em Previdência 205

São oferecidas 40 vagas para ingresso no primeiro semestre de 2020

Até o dia 15 de fevereiro, a Faculdade de Ciências Econômicas (FCE) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) recebe inscrições para o curso de especialização em Gestão Atuarial em Previdência. A formação é a primeira que a FCE oferta, em nível de pós-graduação, no campo de atuária. Ao todo são 40 vagas, destinadas a graduados em Ciências Atuariais, Ciências Contábeis, Administração, Economia ou áreas afins.

A especialização tem carga horária total de 390 horas e duração de dois anos. A dinâmica do curso prevê três semestres de disciplinas presenciais, em semanas alternadas, e um semestre para o desenvolvimento do trabalho de conclusão. As aulas, com início previsto para março, serão ministradas nas quintas e sextas, no período da noite, e nos sábados de manhã.

Entre os temas abordados nas disciplinas estão assuntos como análise macroeconômica, auditoria e perícia atuarial, governança e compliance em previdência, finanças e riscos corporativos, gestão atuarial de planos previdenciários, fundos de pensão, legislação da previdência social e complementar, métodos de financiamento dos sistemas previdenciários, entre outros.

Os interessados devem enviar a documentação exigida no processo seletivo para o e-mail necon@ufrgs.br, colocando no assunto da mensagem “Inscrição no curso de gestão atuarial em previdência 2020”. A seleção é composta de análise do currículo, do histórico escolar da graduação e da declaração de intenções. O resultado será divulgado no dia 21 de fevereiro. O valor do curso está dividido em uma taxa de matrícula de R$ 480 e 22 mensalidades de R$ 480.

Todas as informações sobre o processo seletivo estão disponíveis no edital. Dúvidas pelos telefones (51) 3308.3130 e 3308.3312 ou pelo e-mail necon@ufrgs.br.

App “Anjo” teve mais de 7.400 solicitações de acesso no primeiro dia de seu lançamento 1627

Facilidade foi desenvolvida pelo Grupo Caburé

Desenvolvido pelo Grupo Caburé, o App “Anjo” é o primeiro aplicativo do Brasil feito para Corretores de Seguros e Agenciadores de Seguros de Vida. Ele é uma ferramenta que traz para os Corretores e Agenciadores a expertise de 56 anos de especialista em vendas de Seguros de Vida do Grupo Caburé e tem a Zurich como seguradora.

No primeiro dia de seu lançamento, em 13 de dezembro do ano passado, o aplicativo recebeu mais de 7.400 solicitações de acesso e segue sendo altamente procurado por Corretores de Seguros e Agenciadores de Seguros de Vida do mercado, uma vez que o Anjo está sendo distribuído, inicialmente, através de convites.

Na opinião dos Corretores e Agenciadores, a agilidade e a simplicidade de contratação têm sido o grande destaque, além do custo benefício para os segurados. A partir de março de 2020, o Anjo estará disponível nas plataformas App Store e Google Play para todos os interessados.

Venha ser um Anjo!

Abertas inscrições para o 9º Encontro de Resseguro do Rio de Janeiro 906

Evento ocorrerá em abril e reunirá principais seguradoras e resseguradoras

O 9º Encontro de Resseguro do Rio de Janeiro, um dos principais eventos da agenda internacional de seguros e resseguros da América Latina, está com as inscrições abertas. Realização conjunta da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg) e da Federação Nacional das Empresas de Resseguros (Fenaber), a edição 2020 do evento ocorrerá de 15 a 16 de abril, no Windsor Convention & Expo Center – Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro-, tendo como o tema central ‘Resseguro: Apoiando o Desenvolvimento”. O Encontro de Resseguro do Rio de Janeiro é também um dos mais prestigiados pelos patrocinadores, dada à audiência qualificada do encontro e melhores perspectivas de expansão de negócios de seguros e resseguros no País este ano. Em 2019, foram 21 patrocinadores que acoplaram suas marcas a esse evento.

Tradicionalmente, o evento reúne executivos dos principais grupos seguradores e resseguradores nacionais e estrangeiros, além dos mais importantes brokers e corretores de seguros, para discutir temas da maior relevância do mercado local e as tendências do resseguro global. O Brasil está entre os mercados mais promissores de resseguro, com mais de 140 grupos presentes no País, entre locais, admitidos e eventuais.

As inscrições poderão ser feitas em três etapas, com preços diferenciados. No primeiro lote, de 15 de janeiro a 6 de fevereiro, as inscrições vão custar de R$ 1.270,00- por um dia- a R$ 1.950,00- por dois dias- com descontos de 30% sobre os preços cheios. De 7 de fevereiro a 5 de março, respectivamente, de R$ 1.420,00 a R$ 2.250,00; e no terceiro (de 6 de março a 10 de abril), de R$ 1.570,00 a R$ 2.550,00. Há também condições especiais para grupos. Consulte o site para maiores detalhes.

A relevância do Encontro de Resseguro é medida em números. Ao todo, já reuniu mais de 4.300 participantes nacionais e internacionais nas suas edições; delegações de 23 países; 109 cotas de patrocínio comercializadas; 343 palestrantes e crescimento de público de mais de 210% desde a primeira edição. Ou seja, de algo em torno de 230 para mais 700.

9º Encontro de Resseguro do Rio de Janeiro
Data: 15 e 16 de abril
Horário: 8h às 18h30
Local: Windsor Convention & Expo Center – Rua Martinho de Mesquita, 129 – Barra da Tijuca, RJ

Link para o site do evento.

Nota do ENEM garante bolsa de até 40% na Graduação Tecnológica 1010

Desconto máximo é oferecido a alunos que obtiveram no mínimo 700 pontos

Com a divulgação dos resultados do ENEM na semana passada, milhares de estudantes começam a tomar decisões acerca do futuro acadêmico e profissional. Aqueles interessados em construir carreira no mercado de seguros podem utilizar a nota para cursar a Graduação Tecnológica em Gestão de Seguros, ministrada pela ENS, com bolsas de estudos de até 40%.

O desconto máximo é oferecido a alunos que obtiveram no mínimo 700 pontos nas edições do ENEM de 2019 e 2018. Há outros percentuais de bolsas de estudo proporcionais ao resultado no exame. Além disso, candidatos que tiveram média de 350 pontos entre 2017 e 2019 não precisam participar do processo seletivo da graduação.

O programa apresenta os principais aspectos da Administração e forma profissionais capazes de desenvolverem carreira em campos específicos da gestão de seguros. Com vagas para turmas do primeiro semestre no Rio de Janeiro (RJ), em São Paulo (SP) e na modalidade online, o curso também aceita ingresso por transferência externa e processo seletivo, este último agendado para 23 de janeiro e 1º de fevereiro nas duas capitais. Também haverá processo seletivo no dia 25 de janeiro, no Rio de Janeiro e demais localidades online.

Mais informações estão disponíveis no endereço profissaosegura.com.br, onde as inscrições podem ser efetuadas.

Liberty Seguros disponibiliza kit digital de boas-vindas para clientes de Residência 1812

Com a expansão, todos os kits de seguros pessoais da companhia passam a ser digitais, com vídeos personalizados e todas as informações sobre o produto contratado

A Liberty Seguros lança mais uma atualização do kit digital da companhia que dá as boas-vindas a clientes recém-chegados. O formato interativo, já disponível anteriormente para clientes dos seguros de automóvel e vida, passa a ser válido também para clientes residenciais, dando a eles todas as informações sobre o produto contratado, como as coberturas adquiridas, dados sobre o pagamento, acesso ao Espaço Cliente e informações sobre o Clube Liberty Momentos.

Para cada novo segurado, serão enviados dois e-mails, um com informações iniciais de apresentação, dados de seu corretor e dicas de como utilizar o seguro da melhor forma, e o segundo com todos os detalhes da apólice. Para isso, é importante que o e-mail do novo cliente esteja preenchido corretamente na emissão da apólice. O kit conta com um vídeo personalizado, que apresenta em pouco mais de um minuto todas as informações sobre o seguro contratado e segue o movimento global da companhia, com uma identidade visual moderna, divertida e simplificada. Além disso, o vídeo pode ser personalizado por cada corretora com seu logo no cabeçalho – junto ao logotipo da Liberty – e dados de contato dos responsáveis pela apólice, a fim de que a parceria entre corretora e seguradora fique cada vez mais clara para o consumidor.

“A expansão do Welcome Kit Digital para clientes dos seguros residenciais vai ao encontro dos objetivos da Liberty de facilitar cada vez mais a vida do consumidor, atendendo às suas expectativas de digitalização de serviços e oferecendo uma proximidade maior com a seguradora desde o primeiro contato”, pontua Patricia Chacon, Diretora de Transformação da Liberty Seguros.