Pelo terceiro ano consecutivo, Grupo Delta recebe certificação de Great Place To Work 165

Louise Carvalho é coordenadora de RH do Grupo Delta / Divulgação

Grupo figurou na lista de “Melhores Empresas Para Trabalhar” nos anos de 2019 e 2020, e acaba de ser certificado novamente em 2021

O Grupo Delta está cada vez mais consolidado como uma das Melhores Empresas Para Trabalhar. Isso porque os valores e ações de cultura interna da empresa gaúcha foram reconhecidos, pelo terceiro ano consecutivo, com a certificação Great Place To Work (GPTW). O GPTW BR publica anualmente mais de 40 rankings, premiando as Melhores Empresas Para Trabalhar em âmbito nacional, regional, setorial e temático, e reafirmou os parâmetros de valorização profissional de um dos maiores grupos de serviços para seguradoras e transportadoras da América Latina.

Resumidamente, o diagnóstico do GPTW mede a percepção dos funcionários em relação à empresa. Para obter a certificação, a organização precisa ter uma pesquisa válida, ou seja, atingir a amostra mínima de respondentes e uma nota igual ou superior a 70. A Delta foi certificada este ano com 91 pontos. Durante a pesquisa, cada colaborador avalia questões relacionadas a empresa, de estrutura física as condições de trabalho, passando por benefícios e liderança. As questões abordadas estão relacionadas a cinco temáticas norteadores: credibilidade, respeito, imparcialidade, orgulho e camaradagem.

A coordenadora de Recursos Humanos do Grupo Delta, Louise Carvalho, explica como a Delta mantém uma gestão humana desde a sua essência. “É algo muito natural e genuíno. Temos em nossa essência uma busca constante pela manutenção das melhores condições e ambiente de trabalho, é um propósito da Delta. Não medimos esforços para que o nosso colaborador se sinta acolhido, valorizado e cuidado. Entendemos que pessoas felizes fazem entregas mais efetivas e temos certeza de que oferecer um ótimo ambiente de trabalho mantém os profissionais conosco, além de ser um diferencial para atração de novos talentos”, explica.

Neste cenário de constante valorização, a Delta apresenta um pacote de benefícios diferenciados, além de oferecer autonomia e liberdade para o desempenho de papéis – e as ações de RH, claro, tomam a linha de frente, especialmente em momentos de crescimento e expansão. “Nosso maior desafio se resume em continuarmos crescendo sem perdermos esse sentido de família que temos. Queremos que sejam felizes na Delta, que toda interação seja uma experiência em que se sintam valorizadas”, destaca Louise.

E o recado do grupo gaúcho é muito claro: a garantia desse ambiente saudável vai muito além das aparências. “Ser uma empresa GPTW vai além de oferecer modismos como puffs e paredes coloridas. É sobre estabelecer uma relação de confiança, transparência e união de propósitos. É a soma de diversos fatores que nos capacitam pelo terceiro ano consecutivo. Resultado de uma gestão forte e de uma sinergia sem igual entre as equipes”, finaliza a coordenadora.

Carlos Luccas é o novo CCO da Buonny 192

Gerenciadora de riscos foi criada em 1995

Há nove anos como executivo na empresa, Carlos Luccas é o novo Diretor Operacional da Buonny. A partir de agora, o Lucas será o novo responsável pelas áreas de Qualidade, Processos e pela performance das operações.

A Buonny é uma gerenciadora de riscos na área de transporte e logística. Criada em 1995, investe fortemente em tecnologia e capacitação de profissionais para oferecer as melhores e as mais modernas soluções para prevenção e mitigação de roubos e furtos de cargas.

Em 2020, com o crescimento das operações na cadeia logística, a Buonny foi escolhida pela Niche Partners, fundo que faz parte do grupo mundial SK Tarpon, para receber investimentos e fortalecer sua atuação e crescer ainda mais no mercado brasileiro. Nessa nova fase, a empresa passa a outro patamar em termos de desempenho operacional e financeiro, sem perder a cultura formada nesses 25 anos.

Com unidades em São Paulo, Belo Horizonte, Goiânia, Porto Alegre, Curitiba e Salvador, a empresa gerencia R$ 20 bilhões de valores embarcados e mais de 205 mil viagens monitoradas por mês, com 99,974% de índice de sucesso.

Entre as soluções, estão o Teleconsult, maior banco de cadastro positivo de motoristas do Brasil, que usa inteligência artificial para detectar clonagens de documentos de profissionais e, assim, evitar prejuízos de milhões de reais; BuonnySat, que opera 24 horas por dia para monitorar todas as etapas da operação logística; Projetos Especiais, que atua na prevenção de sinistros e otimização dos processos; e a Gestão Online de Frotas (SGI), sistema online que permite aos clientes terem total controle operacional das entregas, o que aumenta a eficiência e reduz custos.

Pague Menos fecha parceria com prefeitura de SP para vacinação contra Covid-19 613

Pague Menos fecha parceria com prefeitura de SP para vacinação contra Covid-19

Farmácias funcionarão como extensões de UBS

A Pague Menos, primeira rede de farmácias presente nos 26 estados e no Distrito Federal, fechou uma parceria com a prefeitura de São Paulo para iniciar nessa sexta-feira (26), a vacinação gratuita contra a Covid-19 em sua unidade no bairro do Ipiranga, na Av. Doutor Gentil de Moura, 45. A partir da próxima segunda-feira (29), a farmácia da Rua Alexandre Dumas, 1447, na Chácara Santo Antônio, também passa a realizar a vacinação.

As duas lojas funcionarão como uma extensão das Unidades Básicas de Saúde (UBS) de cada região, com as doses disponibilizadas pelo município sendo aplicadas pelos agentes das próprias UBSs, entre 8h e 17h, de segunda à sexta. A vacinação seguirá o calendário da prefeitura da capital paulista, que passa a imunizar idosos com 69 anos ou mais a partir de hoje (26), e outros grupos prioritários, como profissionais de saúde acima de 53 anos, a partir de segunda-feira (29).

A Pague Menos, por meio do Clinic Farma, já conta com uma forte estrutura para oferecer esse suporte, participando há anos de campanhas de vacinação contra gripe, por exemplo, e tendo sido pioneira na realização dos testes rápidos de Covid-19. Além disso, os colaboradores da rede auxiliarão os agentes de saúde por meio de cadastros das pessoas que serão vacinadas e organização das filas.

“Imunizar a população é essencial para que possamos vencer essa crise, e aumentar o acesso e agilidade desse processo é muito importante”, explica Albery Dias, Diretor de Serviços Farmacêuticos da empresa. “A Pague Menos conta com unidades em mais de 300 municípios em todos os estados do Brasil. Com toda essa capilaridade, estamos prontos para oferecer o auxílio que pudermos nesse momento crucial. Seguimos à disposição de governos municipais, estaduais e federal para apoiá-los em suas campanhas de vacinação”.

Está no ar a nova edição da Revista do CSP-MG 425

Está no ar a nova edição da Revista do CSP-MG / Divulgação

Trata-se da 6ª edição da publicação

Já está em circulação a 6ª edição da Revista do Clube de Seguros de Pessoas de Minas Gerais (CSP-MG).

Uma das novidades da publicação é a série de artigos que abordam as mudanças do mercado e temas como transformação digital, LGPD, longevidade, entre outros.

Os textos são assinados pelos presidentes da CNseg, Marcio Coriolano; da FenaPrevi, Jorge Nasser; da Fenacor, Armando Vergilio; da Escola de Negócios e Seguros (ENS), Robert Bittar; além da diretora executiva da FenaSaúde, Vera Valente. Também contribuíram o advogado Landulfo Ferreira Júnior, o consultor e professor Maurício Tadeu Barros Morais e o economista Carlos Eduardo Sarkovas.

A revista traz ainda uma entrevista com o presidente do CSP-MG, João Paulo Moreira de Mello, o perfil da nova diretoria da entidade e a retrospectiva das ações do Clube em 2020.

Confira a edição completa neste endereço.

Segflix realiza transmissão sobre Transformação Digital 491

Será no dia 25 de março, a partir das 19h

A Kuantta Consultoria promove uma transmissão online que acontece no dia 25 de março, às 19 horas no canal Segflix, no YouTube. O evento conta com a participação do executivo da Porto Seguro, Gustavo Zobaran, Profissional Destaque do Mercado Digital 2020 – Prêmio Digitalks na Categoria Negócios, que vai falar sobre o tema “Hackeando no Mercado de Seguros – um bate-papo sobre Transformação Digital e Pessoal”.

Para o Fundador do Canal Segflix, Arley Boullosa, é preciso compreender a transformação digital em todos os aspectos. “Temos que fazer diferente. Corretoras que continuarem a trabalhar como no passado, irão desaparecer. Estou trazendo o Gustavo Zobaran, que é responsável por inovação e marketing para que os corretores entendam quais as tendências que temos no nosso mercado. A transformação não é somente digital, mas algo muito mais amplo e falaremos sobre isso na próxima quinta. Será a oportunidade de receber várias dicas do que fazer para mudar a situação atual que é muito complicada para a maioria dos corretores de seguros no Brasil”.

Divulgação
Divulgação

Participe da transmissão,. O evento será transmitido no canal Segflix.

Moby Corretora de Seguros inicia novo projeto para tornar-se mais digital 304

Moby Corretora de Seguros inicia novo projeto para tornar-se mais digital

Mesmo sabendo que no Brasil ainda não existe um mercado de seguro maduro e uma cultura de contratação de apólices de forma autônoma, A Moby corretora acredita que pode ajustar alguns processos com base na mudança comportamental do novo consumidor e reduzir a intervenção humana para alguns produtos. A qualificação profissional ampla e contínua é fundamental, além de estudar empresas de varejo de outros setores, já que muita coisa pode ser adaptada para as corretoras. O projeto Moby com VC está sendo construído e tem seu lançamento previsto ainda para o primeiro semestre de 2021.

De acordo com Arley Boullosa, sócio fundador da Moby, o mercado de seguros e principalmente do varejo muda diariamente e explica o novo projeto. “Acabamos de completar nove anos de operação no último dia 09 de março e entendemos que podemos tentar dar mais um passo. Algumas coisas precisam ficar claras quando decidimos mudar algo aqui na empresa, e já mudamos diversas vezes porque isso faz parte da nossa cultura. A primeira é que vamos experimentar. Na Moby, vivemos de errar e acertar e vamos fazer um piloto com três produtos para avaliar a aderência e resultados. A pandemia acelerou algumas mudanças e comportamentais e queremos medir isso no nosso segmento. Vimos o crescimento de mais de 40% no e-commerce, aumento de mais de 50% no número de entregas de comida pronta, incremento de 15% nos serviços de streaming e temos poucos dados quando falamos do mercado de seguros. A informação mais relevante foi a venda de 90 mil apólices de vida pelo Nubank em 60 dias, mas trata-se de algo completamente fora da curva. Nos comportamos como uma startup fazendo pequenos testes, errando e acertando”, declarou.

O segundo ponto será a busca pela automatização em tudo que for possível, mas pessoas não serão descartadas no processo. Existem muita conexão na condução do trabalho e a empresa tem ciência que é possível para determinada persona, fazer de forma mais integrada a prospecção, cotação e fechamento. A terceira necessidade de sermos mais eficientes e produtivos para nos tornarmos mais competitivos e gerarmos resultados com margens cada vez menores. A corretora está acompanhando a entrada de novos concorrentes de outros segmentos no mercado e iniciamos um processo que já aconteceu lá fora e que fez os corretores de seguros se ajustarem a nova realidade.