Casa Bauducco arrecada R$ 27 mil para programa de acolhimento de crianças por famílias voluntárias

Programa Famílias Acolhedoras é iniciativa do Instituto Fazendo História

A parceria entre a Casa Bauducco, o Instituto Fazendo História (IFH) e a Editora Mol na campanha do Dia de Doar 2020 arrecadou mais de R$ 27 mil para ajudar a manter crianças e adolescentes que vivem em situação de vulnerabilidade social, assistidas pelo instituto.

Publicidade
Seguro PASI

O repasse do primeiro cheque, no valor de R$ 23.892,53, foi realizado num pequeno evento no prédio administrativo da Casa Bauducco, em Guarulhos, e, até o final de junho, a companhia deve entregar mais R$ 3.330 à ONG. O valor vai beneficiar integrantes do Programa Famílias Acolhedoras, serviço de acolhimento familiar executado pelo IFH que garante o direito à convivência familiar e comunitária a crianças e adolescentes que estão com o vínculo familiar rompido, provisória ou definitivamente.

“Como uma empresa que respira família no dia a dia, mantemos um olhar cuidadoso para a consolidação de laços afetivos no desenvolvimento humano, especialmente na primeira infância e adolescência. Com isso, queremos ajudar crianças e jovens separados de suas famílias a construir suas histórias de vidas, interrompendo o ciclo de abandono, ruptura e violência”, explica Fernanda Bordini, gerente da Casa Bauducco.

A parceria entre Casa Bauducco e IFH surgiu em 2018 e, em 2020, contou com o apoio da Editora Mol no desenvolvimento e gestão do projeto e com a criação de cartões presenteáveis com mensagens positivas, vendidos nas lojas da CB por R$ 4,90, cada. Todo valor arrecadado com as vendas de cartões é convertido em doação direta ao Instituto Fazendo História.

Publicidade

Artigos Relacionados