Parcelamento do seguro auto em até 12 vezes aumenta 375% nos últimos três anos

Pandemia acelerou e mudou comportamento do mercado de seguros, de acordo com levantamento realizado pela TEx

Tradicionalmente as seguradoras só parcelavam o seguro no máximo em dez vezes, sendo que o parcelamento em quatro ou seis parcelas representava mais de 45% dos pagamentos. Isso ocorria principalmente porque as seguradoras não aplicavam juros nessas parcelas. Mas a partir de 2020 houve uma mudança significativa, de acordo com levantamento realizado pela TEx, insurtech especializada em soluções online para o mercado segurador. Nos últimos três anos o parcelamento do seguro automóvel em 12 vezes aumentou de 4% para 19%, um crescimento de 375%.

Publicidade
Europ Assistance Brasil

Genildo Dantas, gerente de inteligência de dados da TEx, destaca uma série de fatores que contribuem para esse aumento. “Com a competição mais acirrada durante a fase mais restritiva e logo em seguida, com o aumento desenfreado do seguro puxado pelo aumento dos veículos e peças, as seguradoras começaram a procurar novas formas de pagamento”, revela.

Outro ponto destacado pelo executivo no levantamento está ligado a taxa de juros. “A (taxa de juros) média aplicada pelas seguradoras é de 1,8% ao mês, cujo valor anual representa cerca de 24%. Quase o dobro da Selic, que está em 13,75%. Mas, bem abaixo dos empréstimos pessoais que podem ultrapassar 108% ao ano”.

Para o executivo a flexibilização e a inovação dos pagamentos pode ser um fator de disrupção do mercado de seguros. “Isso deve ser acelerado quando as seguradoras estiverem inseridas no Open Finance (iniciativa do Banco Central do Brasil que tem como principais objetivos trazer inovação ao sistema financeiro, promover a concorrência, e melhorar a oferta de produtos e serviços financeiros para o consumidor)”, finaliza.

Publicidade
HDI Seguros no JRS

Artigos Relacionados