Porto Seguro promove 3ª edição da Maratona da Inovação, com apoio da Amazon Web Services

Iniciativa visa reforçar o intraempreendedorismo, além do desenvolvimento profissional e evolução dos negócios da companhia

Em busca da potencialização do intraempreendedorismo e de estimular o pensamento sistêmico e colaborativo de seus funcionários em prol do negócio, a Porto Seguro promoveu nos últimos dois meses a 3ª edição da Maratona da Inovação, que neste ano foi realizada em parceria com a Amazon Web Services (AWS). A iniciativa permitiu que os funcionários participassem de projetos de inovação que contribuam para o desenvolvimento profissional e evolução dos negócios da companhia.

Publicidade

“Essa iniciativa reforça o compromisso da Porto Seguro com a valorização de seus profissionais, incentivando-os ao crescimento enquanto profissional, independentemente da área de atuação. Além do impacto que essa ação traz ao nosso negócio, é a oportunidade de participar de um projeto de inovação, criando novas soluções utilizando ferramentas de design thinking e inovação colaborativa”, afirma Mauricio Martinez, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento da Porto Seguro e Oxigênio Aceleradora.

Como funciona a Maratona da Inovação

A ação contou com 40 funcionários de diversas áreas, distribuídos em oito grupos multidisciplinares, dois para cada desafio. Eles apresentaram uma solução para o desafio escolhido. Ao todo foram quatro desafios de diferentes negócios do Grupo: Porto Seguro Cartão, Produção, Porto Socorro e Transportes. Uma banca de executivos da companhia foi a responsável por analisar a resolução dos cases, eleger um vencedor por desafio e definir o vencedor geral.

Para o desenvolvimento das atividades, os funcionários tiveram mentorias com profissionais da Oxigênio, aceleradora de startups da Porto Seguro, da Innoscience, consultoria de inovação, e da Amazon Web Services, que também auxiliaram as equipes no desenvolvimento das ideias e na construção das arquiteturas técnicas das soluções, além da disponibilização de créditos da nuvem AWS para que todos os desafios fossem desenvolvidos sem custo. Ao final, os grupos apresentaram um protótipo funcional. Os participantes dos grupos vencedores ganharam um vale-compras, além de visitas guiadas aos principais centros de inovação de São Paulo.

Publicidade

Artigos Relacionados