Projeto da Capemisa é um dos destaques do 1º Prêmio Serpro de Privacidade e Proteção de Dados

Medidas para garantir a segurança cibernética nas organizações têm se multiplicado a partir do aumento do número de ataques ocorridos em escala mundial

Os projetos de criação de valor para os clientes e os investimentos em tecnologia e segurança da informação adotados nos últimos anos tornaram a Capemisa Seguradora referência em soluções digitais no mercado de Seguros. Essas ações garantiram à empresa celeridade, segurança e amplitude às suas estratégias, adequadas, é claro, às diretrizes da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). E a privacidade passou a ser um item fundamental. É com base nessa premissa que a companhia tem investido na concretização de um planejamento estratégico que busca garantir produtos e serviços cada vez mais alinhados às necessidades do consumidor, além da segurança lógica necessária.

Publicidade
Europ Assistance Brasil

Como resultado desse processo, o case “Venha para o Mundo da Privacidade!”, desenvolvido pela empresa, garantiu presença entre os três melhores projetos do 1º Prêmio Serpro de Privacidade e Proteção de Dados.

A governança na proteção de dados e informações sempre foi uma preocupação da companhia que, em 2016, iniciou um criterioso programa de tratamento visando o aumento da segurança das informações dos clientes de Seguros, Previdência e Capitalização. A evolução desse processo contribuiu para que, em 2020, com a entrada em vigor da LGPD, a Capemisa já estivesse madura e adaptada às novas regras de segurança cibernética. “Nossos investimentos têm sido constantes na adoção de medidas que minimizem o risco”, explica Robson Lyra de Castro Silva, Diretor de Operações da seguradora.

“Por meio de uma equipe multidisciplinar, realizamos a atualização constante de processos de governança para nossos colaboradores e parceiros visando mitigar os riscos. Prova desse exercício diário é que a informação relativa ao prêmio Serpro partiu de uma funcionária da área de TI”, complementa Robson Lyra. Segundo o executivo, a empresa procura ainda alertar seus clientes, corretores, parceiros e colaboradores sobre a necessidade de tomar as devidas precauções para evitar que haja risco na utilização de seus equipamentos ligados à internet em trocas de mensagens e arquivos.

Publicidade

As medidas tecnológicas que visam garantir a segurança cibernética nas organizações têm se multiplicado a partir do aumento do número de ataques ocorridos em escala mundial. “Por isso é necessário desenvolver uma forte cultura de proteção e privacidade de dados que tornam a companhia menos exposta a este tipo de incidente. Revisitar políticas internas e processos é um trabalho contínuo que garante a segurança e a confiança necessárias para que nossos clientes continuem fiéis à marca Capemisa”, finaliza Marco Aurelio Nicoletti, Superintendente de Governança Corporativa da companhia.

Artigos Relacionados