Seguradora apresenta diferenciais do Seguro RETA em webinar

Com plataforma inovadora e intuitiva, corretor de seguros ganha mais agilidade para fechamento de negócios

Com registro de cerca de R$ 16 milhões em prêmios emitidos, em 2020, segundo dados da Superintendência de Seguros Privados (Susep), e expectativa de crescimento de 30% para este ano, o Seguro de Responsabilidade Civil Explorador/Transportador Aéreo ou, como popularmente é conhecido, Seguro RETA é uma oportunidade de incremento na carteira de vendas do corretor de seguros com processo simples de cotação. A Essor Seguros realizou webinar para apresentar aos profissionais do mercado segurador os diferenciais do seu produto em parceria com a ASAS, que tem o slogan “Voe mais alto com o Seguro Reta”. O evento virtual aconteceu na terça-feira, (31 de agosto).

Publicidade
C Josias & Ferrer no JRS

O grande diferencial da parceria entre as empresas foi incorporar inovação e tecnologia no RETA, um seguro que já tem uma subscrição parametrizada de forma automática, ou seja, de acordo com as características das aeronaves cotadas. “O produto ganhou um sistema de cotação rápido e intuitivo, tornando as suas operações simples e ágeis, com possibilidade de obter a apólice e os boletos online para encaminhar ao cliente”, afirmou Leandro Poli, diretor técnico de linhas especiais e atuarial da Essor, que destacou a relação com a empresa parceira:

“A Essor uniu a sua experiência internacional ao conhecimento técnico da ASAS para criar Seguros Aeronáuticos diferenciados, de características sob medida para proteger qualquer tipo de aeronave. A ASAS é uma agência de subscrição, que fica, além da questão comercial, com a parte técnica de análises de dados enquanto a Essor é a responsável operacional junto a Susep”.

Além do RETA, que é um Seguro de Responsabilidade Civil Obrigatório exigido pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para todo tipo de aeronave em território brasileiro, a Essor e a ASAS também oferecem outras opções de seguros mais abrangentes: o Seguro de Casco Aeronáutico e uma cobertura para Responsabilidade Civil de Terceiros a Segundo Risco – LUC.

Publicidade
Europ Assistance Brasil

“O RETA é uma espécie de DPVAT de tudo que voa, mas é um seguro básico e limites muito baixos. Temos outras opções mais abrangentes para o segurado como o Seguro de Casco, com uma cotação fora do sistema, e inclusive com cobertura para guerra. E oferecemos uma cobertura para Responsabilidade Civil de Terceiros a Segundo Risco, como um adicional em que o segurado pode escolher um limite adequado para exposição que ele tem. Alguns países requerem um limite mínimo para o tráfego aéreo, por exemplo. Ou seja, um seguro que pode ser mais relevante para o segurado”, destacou Carolina Varaldo, diretora internacional de Riscos Aeronáuticos da ASAS.

Seguro RETA

Vinicius Anderaos, head da área de Seguros Aeronáuticos da ASAS, explicou as características do Seguro RETA. Entre as coberturas estão danos à passageiros (e suas bagagens de mãos), à tripulantes (e suas bagagens de mãos), à terceiros no solo, além de abalroamento com aeronaves de terceiros e bagagens despachadas de terceiros (cobertura exclusiva para taxi aéreo).

“O RETA é um seguro obrigatório aeronáutico, que possui limites pré-definidos por lei, ou seja, a característica da aeronave contratada definirá as coberturas do seguro, como peso, número de assentos e ano de fabricação. Sua função é proteger terceiros em casos de acidentes aeronáuticos”, encerrou o especialista.

Artigos Relacionados