Swiss Re Corporate Solutions escolhe sistema para transformar seu atendimento ao cliente

Seguradora suíça pretende aumentar produtividade e controlar fluxo de trabalho com solução da TOTVS

Na contramão de outros segmentos da economia brasileira, o setor de seguros segue crescendo. Segundo dados da Susep (Superintendência de Seguros Privados), compilados pela CNSeg (Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização), em 2016, foi registrado um aumento nominal de 9,2% e, para 2017, a expectativa também é otimista, entre 9% e 11% de crescimento. A seguradora Swiss Re Corporate Solutions sabe que processos automatizados asseguram maior eficiência operacional e resolveu apostar no fluig, plataforma de transformação digital da TOTVS, para iniciar uma nova fase na empresa.

Publicidade

Com mais de 150 anos de existência, presença em mais de 20 países e sede em Zurique, na Suíça, a seguradora tem no mundo mais de 12 mil colaboradores e, no Brasil, aproximadamente 350. Recentemente, a Swiss Re Corporate Solutions passou por uma mudança organizacional significativa, após a joint venture com a Bradesco Seguros. A companhia tornou-se uma das líderes no nicho de médio e grandes riscos, e percebeu que era essencial investir em tecnologia para amparar a operação da unidade no Brasil.

A seguradora faz cerca de 25 mil transações por ano e identificou a necessidade de investir na compra de uma ferramenta de workflow para o controle dessas demandas. Por conta de algumas diretrizes globais, as aplicações em nuvem e a troca de informações com ambientes externos eram pontos de extrema atenção e a Seguradora encontrou no fluig a plataforma ideal para unificar a visão de negócios com a parte técnica, sem deixar de atender a esses requisitos. Outro ponto decisivo na opção pela solução da TOTVS é a parametrização e a usabilidade, o que possibilita a um funcionário, sem conhecimento em banco de dados, utilizar a plataforma com facilidade e agilidade.

“Encontramos no fluig a ferramenta que atende os requisitos de segurança, possui facilidade de integração com os nossos sistemas legados e é quase na totalidade parametrizável para nossas principais demandas. A solução nos possibilita saber qual área está trazendo mais negócios e, assim, melhora a nossa gestão. Estamos investindo fortemente em tecnologia para trazer ainda mais eficiência à nossa operação”, afirma Luciano Calheiros, CEO da Swiss Re Corporate Solutions no Brasil.

Publicidade
Delta

A expectativa da Seguradora com o fluig é conseguir, por meio dos relatórios, ter 100% do controle da operação e dos processos – como a quantidade de tempo gasta em determinadas ações, a produtividade dos colaboradores, onde e por que uma solicitação está parada. Ou seja, ter um fluxo automatizado e reunir informações gerenciais em único ambiente.

O projeto de implantação foi iniciado em abril e engloba as áreas de vendas, subscrição de riscos e operação. Para o futuro, a expectativa é automatizar outros processos da companhia. Também está prevista a integração com o sistema administrativo de emissão – a novidade vai eliminar a dupla digitação de informações e os dados serão inseridos uma única vez, trazendo um ganho significativo de produtividade. Há ainda o plano de ampliar o uso da solução para os mais de 30 mil corretores que têm acesso aos produtos da empresa. Hoje, a Swiss Re tem mais de 200 usuários ativos, mas até final de 2017, a ideia é ampliar significativamente este número.

“O resultado final do projeto não é só ter uma ferramenta para controlar os procedimentos internos, mas também um software de fluxo de trabalho, com controle apurado e relatórios inteligentes. Um dos benefícios do fluig é ser totalmente mobile, por meio do qual os usuários podem acessar, solicitar demandas e fazer as suas aprovações na palma da mão, de qualquer lugar, de qualquer equipamento, em qualquer hora. Agora, podemos afirmar que a nossa operação está mais estável e podemos focar no core business da empresa”, finaliza Calheiros.

“O setor de seguros é um dos segmentos mais regulados e, para atender a essa demanda, é preciso pensar em processos digitalizados, integrados e interfaces amigáveis. Com o fluig isso tudo é possível e muito mais – é ele que viabilizará a transformação digital da Swiss Re Corporate Solutions. A empresa acreditou na TOTVS como parceira e não temos dúvida que esse projeto será mais um caso de sucesso”, afirma Mario Almeida, head de fluig, Analytics & Consulting da TOTVS.

Artigos Relacionados