Coris lista principais motivos para contratar um seguro para viagens curtas

Empresa oferece planos de cobertura de no mínimo três dias para viagens nacionais e cinco dias para internacionais

No turismo, uma das tendências que nunca sai de moda é a famosa escapada. Durante a pandemia, o termo ganhou ainda mais força entre os viajantes. As escapadas são viagens curtas, geralmente para uma cidade próxima. Nestas ocasiões, é bastante comum que as pessoas deixem de lado a contratação de um serviço essencial: o seguro viagem.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

A cobertura mais importante de um seguro viagem é a de despesas médicas, hospitalares e odontológicas. Durante uma viagem, seja ela de curta ou longa duração, acidentes e doenças podem ocorrer de forma imprevisível e, com o seguro certo, as despesas médicas estarão devidamente cobertas.

Pensando nisso, a sócia-diretora comercial e marketing da Coris Brasil, Cláudia Brito, listou os três principais motivos para não negligenciar a contratação do seguro viagem. Conheça:

Imprevistos de última hora

Publicidade

De acordo com Cláudia, imprevistos podem acontecer com qualquer pessoa, inclusive em uma viagem de curta duração. Ao contratar o seguro viagem, o cliente fica livre de qualquer dor de cabeça, pois sabe que estará assegurado em qualquer urgência. Na Coris, os viajantes podem contratar a apólice por no mínimo três dias para viagens nacionais e cinco dias para as internacionais.

Medicamentos inclusos

Os remédios receitados pelos hospitais costumam ser a segunda despesa mais cara durante as viagens, principalmente as internacionais, ficando atrás apenas do atendimento médico. Esses medicamentos vão desde analgésicos simples até remédios de uso controlado, que só podem ser vendidos com a apresentação da receita médica. Nos dois casos é preciso comprovar a solicitação do médico, com uma cópia da receita. No caso da medicação, o passageiro arca com os custos no momento da compra, solicita o comprovante de pagamento à farmácia e apresenta ao seguro, junto com a cópia do receituário, para que seja realizado o reembolso pela empresa de seguro viagem.

Coberturas adicionais

Se por algum motivo a viagem planejada não ocorrer, a cobertura de cancelamento/interrupção de viagem reembolsará as multas, desde que ele comprove dentro dos 33 motivos justificáveis. O segurado pode se precaver ainda dos gastos extras relacionados ao atraso do voo, extravio de bagagem, dentre outros motivos, além de poder contratar coberturas adicionais.

Artigos Relacionados