Grupo SURA dialoga com cidadãos para o caminho da sustentabilidade avançar

Organização considera que mais importante que sua inclusão no Índice Global de Sustentabilidade Dow Jones 2020, é continuar criando valor à sociedade na América Latina

A pandemia tem mostrado, ainda mais, que é somando conhecimento, cultivando o pensamento coletivo e agindo juntos a partir da corresponsabilidade, que este momento desafiador para toda a humanidade será superado. Dessa forma, o momento é propício para fomentar conversas que partem da escuta do outro, para responder às questões que surgem diante das incertezas do cenário atual.

Publicidade
Agrifoglio Vianna no JRS

Com essa premissa somada ao fato de que o Grupo SURA foi ratificado pelo décimo ano consecutivo no Índice Mundial de Sustentabilidade Dow Jones (DJSI, na sigla em inglês), uma série de conversas digitais começará em dezembro com acesso aberto aos temas associados ao desenvolvimento harmônico e resiliente, tais como: mudança climática, futuro das PMEs, construção do público, cadeias de abastecimento, empresas e direitos humanos, estado da democracia, entre outros. Outros poderão ser adicionados, a partir de uma ampla consulta dos latino-americanos interessados em participar.

“Buscamos promover conversas para construir novas realidades entre todos, para que mais pessoas e empresas identifiquem seu papel na sustentabilidade como construção coletiva. Para a SURA se trata de um compromisso permanente, que começa por nos encarregar de administrar o ambiente e as incertezas. Esse cenário nos desafia a antecipar para contribuir para a construção de sociedades mais resilientes a partir de ações nos aspectos econômico, social e ambiental”, comenta Gonzalo Pérez, Presidente do Grupo SURA.

Por isso, as empresas buscam contribuir para a sustentabilidade na atual conjuntura, desde a adaptação e a transformação para entregar conhecimento e capacidades que sejam úteis para as pessoas e as empresas. Isto é possível com os diversos produtos, soluções e serviços nas diferentes linhas de negócio da Suramericana (ou Seguros SURA, braço de seguros, tendências e riscos) e da SURA Asset Management (empresa de pensões, poupança voluntária, investimento e gestão de ativos), assim como a consistência e boas práticas que norteiam o relacionamento de longo prazo com colaboradores, clientes, fornecedores, aliados e demais grupos de relacionamento.

Publicidade
Gente Seguradora no JRS

“Nossa convicção é que mais importante do que fazer o bem sozinho, é agirmos juntos. Por isso, mais relevante que a inclusão no principal índice de sustentabilidade do mundo, é que a partir das nossas capacidades contribuímos para a solução de problemas como a desigualdade, o desemprego, a informalidade empresarial, a saúde, entre outros, ainda mais hoje quando a recuperação depende de todos e de cada um de nós”, comenta Gonzalo.

Resultados do índice anual Dow Jones

O Grupo SURA é uma das empresas incluídas no Índice Mundial de Sustentabilidade Dow Jones, publicado no último dia 13. O Índice avalia a gestão própria do Grupo SURA (holding) e das suas filiais, Suramericana (Seguros SURA) e SURA Asset Management no último ano. Na segunda posição mundial no setor de Serviços Financeiros Diversos e Mercados de Capitais, com uma qualificação superior a 81%, o Grupo está entre as 17 empresas do setor incluídas no índice global. Além disso, é a única empresa de origem latino-americana neste setor e, novamente, foi incluída no índice DJSI Mercados Emergentes e no índice MILA.

“Parabenizamos o Grupo SURA por fazer parte do Índice Dow Jones de Sustentabilidade Global. Esta distinção é reflexo da liderança em questões de sustentabilidade no seu setor, fato que diferencia o seu comprometimento, levando em conta o número recorde de empresas que participaram nesta avaliação e as regras de inclusão mais rigorosas em 2020”, afirma Manjit Jus, Gerente global de pesquisa e dados ESG na S&P.

Artigos Relacionados