Insurtech Planetun apresenta inteligência artificial que aprova seguro em poucos segundos

Solução agiliza aprovação de vistorias e facilita a contratação de seguros

A insurtech Planetun lança nesta segunda-feira (20) o VIA, sua nova solução de vistoria automotiva. Baseada em inteligência artificial, o VIA oferece mais agilidade no processo de aceitação da apólice e comunicação com o cliente, além de direcionar os processos complexos e suspeitos para análise humana.

Publicidade
MAG Seguros

O VIA aprova os processos que podem ser aceitos, direciona para análise dos peritos os processos que necessitem avaliação humana e recusa os que devem ser recusados. Para isso, além de analisar as imagens da vistoria, ela valida toda a jornada do cliente trazendo um score, que pode ser calibrado de acordo com as regras do cliente, que pode definir os processos a serem aceitos automaticamente.

A IA valida processos que o perito consegue ver, como se o veículo da foto é o mesmo da proposta de seguro, danos aparentes no veículo e valida documentos. Além disso, ela é capaz de verificar processos antifraude que o perito não consegue ver, como fotos de um único processo feita por diferentes aparelhos, envio de fotos de fotos, fotos repetidas já utilizadas em outros processos e, adicionalmente, realiza uma profunda análise baseada na jornada padrão do uso de aplicativo e inteligência adquirida ao longo de todos estes anos de estudo.

Na jornada atual da contratação do seguro, o cliente envia fotos através do app para a seguradora, que envia o material para o perito analisar. Esse processo pode levar até 5 dias. Com o VIA, o cliente envia as fotos através do app e a IA embarcada no appweb analisa, ao mesmo tempo, as fotos enviadas, a jornada do cliente e faz a análise antifraude, para definir o score para direcionamento dos processos aceitos, recusado e a serem analisados pelo perito. Para processos aceitos de acordo com o score, a aprovação é feita na hora.

Publicidade
C Josias & Ferrer no JRS

Atualmente o processo de vistoria prévia penaliza o bom cliente, já que o processo atual tem como objetivo procurar os processos que possam ser recusados. “Em média, aproximadamente 7% das vistorias prévias são recusadas. No entanto, o mesmo processo de avaliação é realizado para todos os demais processos onerando em muito a operação e deixando a experiência do cliente não muito encantadora. Com a inteligência artificial do VIA e nosso sistema de antifraude, trazemos um olhar para os processos que podem ser aceitos na hora e direcionamos para análise dos peritos apenas os processos que realmente necessitem de uma análise mais detalhada. Nosso processo veio para somar e contribuir com os modelos de análise já realizados pelo mercado. Isso só foi possível pelo longo tempo de estudo de todos dados adquiridos nos últimos 16 anos do grupo Planetun”, explica Henrique Mazieiro, CEO da Planetun.

Artigos Relacionados