“No trânsito, escolha a vida” – Um dos criadores do Maio Amarelo antecipa ações da campanha na TV Sindseg PR/MS

Mauro Gil é um dos fundadores do Observatório Nacional de Segurança Viária, que criou o Maio Amarelo no Brasil e difundiu a campanha por mais de 30 países

Segundo dados do Observatório Nacional de Segurança Viária, os índices de acidentes e mortes caíram desde o início do Maio Amarelo há dez anos, quando o país registrava cerca de 48 mil mortes por ano, girando em torno de 32 mil atualmente.
Mas de acordo com o fundador do Observatório, Mauro Gil, não se pode relaxar na realização de campanhas, pelo contrário, “o objetivo é intensificar com foco nas metas da década de redução de mortes em 50%”.

Publicidade

Na entrevista concedida à TV Sindseg PR/MS, o especialista em trânsito elenca os comportamentos potencialmente geradores de acidentes. Segundo ele, a velocidade excessiva ainda é o maior problema, seguida de consumo de álcool e utilização do aparelho celular.

“Ao dirigir normalmente as pessoas cometem ao menos 8 erros no trânsito por dia. Desde não dar uma seta ou frear em cima de uma faixa de pedestre. Muito comum também as pessoas trazerem estresses do dia a dia para a direção – problema conjugal, financeiro ou no trabalho – o comportamento das pessoas faz com que tenhamos diversos tipos de acidentes. Não adianta achar que consegue fazer duas coisas ao mesmo tempo, que não consegue. As vezes o comportamento inesperado do motorista ao lado somado a falta de concentração gera o acidente”.

O Maio Amarelo deste ano tem como mote “No trânsito, escolha a vida”. O Sindseg PR/MS é tradicional parceiro do Observatório Nacional de Segurança Viária difundindo o material educativo criado pela entidade durante o ano todo.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

Veja abaixo a íntegra da entrevista com Mauro Gil para a TV Sindseg PR/MS

Artigos Relacionados