Passagem de bastão: Allianz Partners Brasil anuncia novo CEO

A partir de 1º de dezembro, Vincent Bleunven CEO da Allianz Partners Brasil e LatAm estará deixando de exercer as suas funções e Jaime Liniers irá assumir a gestão da empresa para Brasil e América Latina

A Allianz Partners Brasil, líder global em assistência 24 horas, acaba de anunciar uma sucessão de liderança para gestão da companhia. Já a partir de 1º de dezembro, Jaime Liniers recebe o bastão do então CEO, Vincent Bleunven, e assume o cargo para dirigir a empresa no país e na América Latina.

Publicidade

Vincent Bleunven, que ocupou a posição de CEO por 10 anos na companhia e possui uma trajetória de 32 no Grupo Allianz Partners, deixa a empresa no final deste mês para assumir projetos pessoais e vê a passagem do posto para Jaime como uma “continuidade do trabalho e prosseguimento de todos os projetos da empresa”.

Vincent, que integrou o Grupo em 1990, desempenhou diversas funções tanto em nível global quanto em diferentes unidades de negócios, desde Diretor Financeiro para o Reino Unido, CFO do Brasil, CEO de Portugal e CEO do Brasil. Em sua mais recente função como CEO do Brasil e da América Latina, Vincent supervisionou o sucesso do lançamento da nova unidade na Colômbia.

Jaime Liniers, Diretor Geral desde 2012 na divisão brasileira e espanhola da Multiassistencia, empresa que também integra o Grupo Allianz Partners, foi membro do Comitê Executivo e liderou a expansão internacional da empresa, inclusive para o Brasil.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

Com a transição, que está sendo realizada de forma faseada, o novo CEO da Allianz Partners Brasil e LatAm segue focado em manter a empresa na rota do crescimento e atenta às mudanças constantes de comportamento do consumidor no segmento de assistência 24h. “Inovação, tecnologia e excelência estão no DNA da Allianz Partners Brasil e estou animado para continuar o bom trabalho que vem sendo realizado, mantendo a qualidade nos serviços, com foco no cliente e no crescimento de nossas linhas de negócio”, explica Liniers.

 

Artigos Relacionados