Qual a diferença entre Engenharia Civil e Engenharia de Produção Civil?

Entenda a diferença entre Engenharia Civil e Engenharia de Produção Civil e conheça as atribuições do Engenheiro de Produção Civil

A faculdade de Engenharia é um dos cursos universitários mais tradicionais e prestigiados do mercado. Reconhecida há muitos anos e com frequentes inovações e novos espaços de trabalho, não é incomum que os estudantes interessados em seguir uma carreira de exatas optem por essa profissão.

Publicidade
Chubb no JRS

Dentre os cursos mais comumente escolhidos pelos futuros alunos, a Engenharia Civil e a Engenharia de Produção são as mais procuradas. Elas são também as engenharias mais procuradas no mercado de trabalho. E, recentemente, um novo ramo da área parece estar ganhando atenção: a Engenharia de Produção Civil.

Mas qual é a diferença entre a Engenharia Civil e a Engenharia de Produção Civil?

Para entender por que a Engenharia de Produção Civil não é nem Engenharia Civil, nem Engenharia de Produção, continue lendo este texto! Conheça melhor o que faz a Engenharia de Produção Civil e como está o mercado de trabalho para essa área.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

O que a Engenharia de Produção Civil faz?

A Engenharia de Produção Civil é a área da Engenharia responsável por unir a Engenharia Civil e a Engenharia de Produção. Isso significa que os seus estudantes desenvolvem tanto as habilidades ligadas ao planejamento e desenvolvimento de projetos, quanto ao controle e otimização da produtividade.

Dessa maneira, são atribuições da Engenharia de Produção Civil:

  • O planejamento e a criação de projetos tanto na Engenharia Civil, quanto na Engenharia de Produção;

  • A análise da viabilidade de projetos, tanto em termos financeiros quanto em termos práticos;

  • A supervisão e a orientação técnicas;

  • O desenvolvimento de técnicas e ferramentas a partir de pesquisas voltadas para ambas as áreas.

Desse modo, se é função da Engenharia Civil planejar e colocar em prática as construções, e se é função da Engenharia de Produção viabilizar projetos e levar em consideração fatores econômicos, então a Engenharia de Produção Civil fica encarregada de ambos os trabalhos.

Qual a diferença entre Engenharia Civil e Engenharia de Produção Civil?

Você já sabe o que faz o Engenheiro de Produção Civil. Mas, afinal, como ele se difere do Engenheiro Civil? De acordo com o CREA, essa diferença diz mais respeito ao título do que à prática profissional, uma vez que as atribuições de ambos são as mesmas.

Ainda assim, é importante mencionar que a Engenharia de Produção Civil tem um olhar voltado também para a gestão de negócios e para o setor econômico de uma empresa. Ao contrário do Engenheiro Civil, portanto, o Engenheiro de Produção Civil pode atuar também no setor de planejamento não só de projetos, mas também de estratégias.

Isso significa que a Engenharia de Produção Civil, ao contrário da Engenharia Civil, contempla uma formação mais abrangente e diversificada, que leva em consideração a atuação em ainda mais setores. Evidentemente, porém, a base dos cursos é bastante parecida.

Para saber se a Engenharia de Produção Civil é mais adequada para você do que a Engenharia Civil, tenha em mente que, na primeira, você se tornará apto para gerir pessoas e processos; já na segunda, o foco são os processos de construção.

Como é o curso de Engenharia de Produção Civil?

O curso de Engenharia de Produção Civil costuma ser um “ramo” da Engenharia de Produção, e não é o único a unir essa engenharia a outras. Por isso mesmo, o curso tende a ter 5 anos de duração e conta com disciplinas da Produção e das áreas correlatas.

A grade curricular do curso de Engenharia de Produção Civil inclui, portanto, as matérias que formam o chamado “ciclo básico de Engenharia” — cálculo, física, álgebra —, e outras disciplinas mais específicas, como:

Soma-se a isso, ainda, as matérias mais ligadas ao curso de Engenharia de Produção, em geral focadas na administração de recursos e na gestão financeira dos projetos.

O curso de Engenharia de Produção Civil pode ser oferecido tanto na modalidade presencial, quanto na modalidade EaD.

Como é o mercado de trabalho da Engenharia de Produção Civil?

O mercado de trabalho valoriza, cada vez mais, a multidisciplinaridade e a capacidade de compreender e atuar de maneira mais abrangente nas suas funções. Nesse sentido, a Engenharia de Produção Civil se destaca por preparar os profissionais tanto para a execução das tarefas, quanto para o seu planejamento.

No mercado, o Engenheiro de Produção Civil pode atuar tanto no ramo de construção e de indústrias, quanto na organização e gestão dos negócios. Seja através do desenvolvimento de projetos de engenharia, seja por meio da criação de estratégias de otimização e segurança, suas funções tendem a ser múltiplas.

Isso significa que há vagas disponíveis para esses profissionais. Eles podem atuar em empresas privadas ou públicas. E o salário médio, de acordo com o portal Vagas, fica na casa dos R$ 9.062,00, podendo chegar até R$ 11.131,00.

Qual é o perfil do Engenheiro de Produção Civil?

Diante de um quadro de disciplinas bastante diverso e de uma carreira com múltiplas possibilidades de atuação, é natural que os futuros estudantes de Engenharia imaginem qual é o perfil para quem deseja cursar Engenharia de Produção Civil.

Em primeiro lugar, é evidente, está a capacidade de atuar em times multidisciplinares, valorizando e otimizando o serviço de cada colaborador. O Engenheiro de Produção Civil deve ser alguém que gosta de trabalhar em equipe e que consegue navegar entre diferentes grupos com facilidade.

Para além disso, porém, cabe destacar que faz parte do perfil do Engenheiro de Produção Civil:

  • O olhar analítico e a capacidade de resolver problemas;

  • O raciocínio lógico;

  • A criatividade;

  • O interesse por processos de gestão e finanças;

  • A capacidade de liderar projetos e equipes.

 

Artigos Relacionados