Susep apresenta futuros desdobramentos do GT Seguros, Novo PAC e Neoindustrialização

Em webinar, a Autarquia falou sobre os possíveis encaminhamentos a partir do relatório elaborado pelo Grupo de Trabalho

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) apresentou, em webinar realizado na última quarta-feira (27), os encaminhamentos possíveis para os trabalhos apresentado no Relatório Final do Grupo de Trabalho (GT) “Seguros, Novo PAC e Neoindustrialização”.

Publicidade

Constituído em setembro de 2023, o GT teve como finalidade discutir e propor recomendações de aperfeiçoamento regulatório de produtos e coberturas securitárias capazes de dar suporte e impulso ao Novo Programa de Aceleração do Crescimento (“Novo PAC”) e à Nova Política Industrial (“Neoindustrialização”), ambos em andamento e eixos centrais das oportunidades de crescimento econômico para a sociedade brasileira.

Participaram do webinar, que teve transmissão ao vivo no canal da Susep no YouTube, o Superintendente da Susep, Alessandro Octaviani, além dos Diretores Júlia Normande Lins, que foi coordenadora do GT, Jessica Bastos e Airton Almeida.

Em sua fala inicial, Octaviani destacou alguns dos próximos passos em relação ao documento: “no âmbito do planejamento estratégico e institucional da Susep para os próximos três anos, temos que pensar na criação de critérios e índices estratégicos para a avaliação dos efeitos e dos objetivos que este relatório nos traz”.

Publicidade
C Josias & Ferrer no JRS

Sobre o processo de elaboração do relatório, a Diretora Júlia Normande, citou a importância de todas as partes envolvidas. “Foram dois meses de diálogo com a presença e a atuação de todos os membros, o que foi essencial para a elaboração do relatório final, um documento com diagnósticos muito ricos que auxiliarão a Susep em diversas frentes de estudo”, afirmou.

Em sua fala, a diretora Jessica Bastos ressaltou a importância da participação do mercado de forma ampla e pontuou sobre o potencial inovador dos trabalhos realizados pelo grupo. “A iniciativa foi inovadora, pois a Susep se propôs a fazer uma escuta ativa já na fase de diagnóstico. A partir de uma sinalização do governo de direcionamento da economia, chamamos as partes que compõem o mercado para nos ajudar a identificar problemas e oportunidades de melhoria”, relatou a Diretora.

O Diretor Airton Almeida destacou a metodologia do trabalho do GT e lembrou que o projeto ainda está em andamento: “o projeto teve começo, meio e agora nos cabe avançar com ele, em um processo contínuo.” Airton falou ainda dos desdobramentos do Relatório no âmbito da Diretoria Técnica 3: “eu vislumbro, por exemplo, diversas oportunidades do Open Insurance a partir do relatório do grupo de trabalho”, concluiu o Diretor.

Por fim, o Superintendente pontuou que a concretização do que foi apontado no relatório se dará com a chegada no ambiente regulatório, com inovações que tenham impactos positivos na economia.

Para assistir à apresentação completa, acesse o vídeo disponível na página do site da Susep sobre o Grupo de Trabalho, onde também podem ser encontradas outras informações sobre o GT Seguros, Novo PAC e Neoindustrialização, como o Sumário Executivo, o Relatório Resumido e o Relatório Final.

Artigos Relacionados