Desastres naturais: saiba como a REP Seguros oferece segurança e tranquilidade

Os desastres naturais são eventos extremos que podem causar grandes prejuízos econômicos e sociais para as pessoas e empresas afetadas. Por isso, contratar um seguro adequado é uma forma de minimizar os impactos financeiros e garantir uma rápida recuperação.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

No Brasil, o mercado de seguros ainda está se adaptando à nova realidade dos eventos climáticos extremos, que estão cada vez mais frequentes. Existem coberturas que atendem a boa parte dos fenômenos climáticos, mas ainda há limitações e pouca oferta de garantias para alguns tipos de eventos. Em outros países, como os Estados Unidos e algumas regiões da Europa, existem produtos específicos para desastres naturais como furacões, terremotos e erupções vulcânicas.

Para saber mais sobre como o gerenciamento de riscos ajuda na proteção contra desastres naturais, conversamos com dois especialistas da REP Seguros: Marco Lopes, gerente de relacionamento comercial, e Marlon Basso, superintendente de sinistros. Marco Lopes explica que o seguro tem um papel fundamental na mitigação dos riscos provocados pelos desastres naturais. “Uma apólice de seguros bem contratada pode promover a rápida recuperação econômica de indivíduos e empresas atingidas por este tipo de evento”, afirma.

Segundo o gerente de relacionamento comercial, a REP Seguros investe forte no gerenciamento de riscos, orientando o cliente em todos os aspectos que envolvemos seus seguros. “Em relação aos desastres naturais, procuramos sempre avaliar os eventos mais comuns nas regiões onde nossos segurados estão instalados,probabilidade e potencialidade de ocorrências climáticas, análise in loco de condições específicas das instalações dos clientes, estudo de perdas, etc.”,explica. O especialista acrescenta que todos esses dados se consolidam em um diagnóstico, que serve de guia para definição de práticas de gerenciamento e estrutura de seguro. “Diagnósticos consistentes permitem que tenhamos clientes com apólices robustas e bem desenhadas, de acordo com a real necessidade de cada operação”, afirma.

Publicidade

Lopes cita como exemplos de clientes que possuem coberturas estruturadas para proteção contra desastres naturais as operações portuárias com importâncias seguradas elevadas para vendaval/ciclone/furacão e as cooperativas de grãos com cláusulas específicas para queimadas em zona rural. “A identificação clara e a correta avaliação dos riscos aos quais o cliente está exposto possibilitam que as melhores ações de gerenciamento sejam tomadas, como também permitem uma eficiente transferência destes riscos para o seguro”, conclui.

Marlon Basso, em sua fala, lembra que o Brasil é o segundo país no mundo no ranking de ocorrências de tornados, atrás apenas dos EUA. “Aqui, as características do seguro estão baseadas em estatísticas históricas, onde no passado não havia registros de grandes desastres naturais, como alagamentos/inundações, fortes ventos e chuvas torrenciais que estão ocorrendo. Por este motivo, o seguro do Brasil realmente é diferente do restante do planeta, como por exemplo o segurado na Europa ou Ásia, onde desastres vultosos como terremotos, tsunamis e erupções de vulcões ocorrem com maior frequência e assim o sistema securitários e adapta a característica geográfica”, destaca.

De acordo com o superintendente de sinistros, entre diversos cuidados padrões de mercado, com a contratação das coberturas de vendaval, ciclone, tornado, granizo, alagamento e inundação, a REP realiza um diagnóstico personalizado do risco dos segurados, a fim de sugerir as melhores soluções ao cliente. “Em caso de desastres naturais,as seguradoras realizam planos de ação com uma força tarefa, onde os reguladores executam vistorias remotas e o mais ágil possível, além de solicitações de
documentos simplificadas, regulação otimizada e liquidação comum prazo de indenização mais curto”, reforça.

Basso conta que as seguradoras têm planos especiais para proteger os clientes contra os diferentes tipos de sinistros e que alguns clientes contam com coberturas bem completas de alagamento e inundação, com a contratação de uma cobertura acessória de limpeza e desentulho dos resíduos. No entanto, uma cobertura de seguro contra desastres naturais não atende todo tipo de acontecimento porque cada tipo de risco é trabalhado separadamente pelas seguradoras e as coberturas contratadas individualmente para cada evento.

A REP Seguros é uma corretora especializada em seguros corporativos, com mais de 30 anos de experiência no mercado. A empresa oferece soluções personalizadas para diversos segmentos, como indústria, comércio, serviços, agronegócio, transporte e logística e conta com uma equipe qualificada e uma rede de parceiros estratégicos.

Artigos Relacionados