Seguro de vida resgatável oferece garantias em vida

Produto pode ser destinado à planos de sucessão empresarial

Escolher por um seguro de vida é uma importante etapa na vida familiar, já que o serviço oferece proteção e tranquilidade para o futuro de pessoas próximas e importantes. No entanto, não é necessário esperar por um acontecimento drástico para que o valor do seguro retorne aos familiares. A realidade do mercado brasileiro de seguros está mudando e levando outras opções aos consumidores como o seguro pago em vida.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

É pensando nesse mercado e nos imprevistos que em muitas vezes são difíceis de serem mensurados que a Mapfre Previdência oferece produtos e soluções que dão a proteção e a tranquilidade essenciais para o futuro. “Um bom planejamento financeiro deve observar objetivos e riscos presentes em nossa vida, tanto no curto quanto no longo prazo, e hoje temos soluções inovadores em seguro de vida para essas questões”, diz Maristela Gorayb, diretora comercial da Mapfre Serviços Financeiros.

O mercado já conta com opções de seguros para resgate em vida, como é o caso do Bién Vivir, oferecido pela Mapfre, que dá a oportunidade do segurado em obter o que é chamado cobertura por Sobrevivência, ou seja, enquanto o segurado estiver vivo, o seu tempo contratado da apólice de seguro de vida terá um capital segurado para ele mesmo.

Inovador e flexível, o Bién Vivir é competitivo com produtos de nível internacional e as reservas que se acumulam dentro do seguro podem ser resgatadas a partir de 24 meses. Essas reservas tem rentabilidade garantida de 3%aa somados ao IPCA – Índice de Preços ao Consumidor Amplo e o que exceder a isso é repassado progressivamente ao segurado com o passar do tempo de vigência da apólice.

Publicidade

Diante dos desafios do atual cenário econômico, ter uma proteção por meio de um produto como o Bién Vivir pode proporcionar um equilíbrio financeiro fundamental para o bem estar de familiares e empresas no caso de um imprevisto com o segurado”, diz Maristela Gorayb, diretora de Vida, Previdência e Fundos da Mapfre. Se o segurado tem de 18 a 70 anos incompletos pode contratar um Bién Vivir até R$ 25 milhões de cobertura visando diferentes metas de proteção tanto da segunda como da terceira idade.

Mais interessante ainda é o fato de que o mesmo seguro pode ser solução para projetos de Planejamento Sucessório em empresas com objetivo de evitar que, no caso de falecimento de um dos sócios, seus herdeiros, que porventura não tenham aptidão ou afinidade com o negócio, ingressem na sociedade. Os sócios podem contratar o seguro tendo como beneficiária a própria empresa, o que permitirá capitalizá-la para a compra das cotas dos seus herdeiros de um sócio que vier a falecer.

Esse seguro tem flexibilidade ainda para resolver questões de proteção em caso de perda de uma “pessoa chave”, numa empresa ou negócio, por exemplo, um sócio que detém a propriedade intelectual de seu negócio ou se um alto executivo cujo know-how técnico é vital para a sustentabilidade de um determinado segmento da empresa.

*Com informações de CDN.

Artigos Relacionados