Em um ano desafiador, valor movimentado pelos cartões DMCard cresce 20%

Foram quase R$ 2,9 bilhões em pagamentos nos cartões administrados pela empresa

Após um ano com muitos desafios, a DMCard registra mais um crescimento no valor movimentado nos cartões que administra, batendo o seu próprio recorde, pelo 7º ano consecutivo. Em 2020, foram realizados quase R$ 2,9 bilhões em pagamentos, o que representa um aumento de 20% sobre o que foi registrado em 2019, quando movimentou R$ 2,4 milhões.

Publicidade

A pandemia potencializou um cenário econômico que já se mostrava difícil há alguns anos. Um fenômeno que tem empurrado consumidores, principalmente das classes mais baixas, para o cartão de supermercado para conseguirem abastecer seus lares. “Esse comportamento, aliado às nossas ações de gestão rápidas e precisas, impulsionou o nosso crescimento e ainda manteve nossos planos de lançamentos de novos produtos sem nenhum atraso”, conta Sandra Castello, Diretora de Marketing e Pessoas da DMCard.

Cartão do supermercado se tornou um forte aliado

Como avaliou Sandra, o consumidor, principalmente o de baixa renda, já vinha encontrando nos cartões de supermercado uma alternativa para manter o seu poder de compra e a sua despensa cheia. Um comportamento que foi potencializado pela pandemia e que é reflexo direto de um choque entre dois fenômenos, como ela mesma explica.

“O cenário econômico e o risco de inadimplência já traziam cada vez mais dificuldade de acesso ao crédito tradicional. Com a pandemia, somamos a esses problemas a diminuição da renda ocasionada principalmente pelo lockdown. Para a população de baixa renda e para aquele consumidor ainda desbancarizado, o cartão de loja teve um papel importante na manutenção do consumo doméstico básico”.

Publicidade
Icatu Seguros no JRS

Carrinho mais cheio

O que a diretora explica pode ser percebido ao observar o comportamento dentro desse grupo de portadores do cartão de supermercado, pois, ainda que o crescimento no valor gasto tenha sido de 20%, o número de visitas à loja não acompanhou o mesmo ritmo, crescendo apenas 3,7%.

“O carrinho mais cheio também é reflexo do isolamento pois as pessoas acabam aproveitando cada visita ao supermercado para comprar tudo o que precisam, saindo de casa o menos possível”, destaca. E isso também é visível na variação do ticket médio por compra, que partiu de R$ 127,58, em 2019, para R$ 147,98, no ano passado, um aumento de 16%.

Cartões inativos voltaram para a carteira

Além de tudo isso, um fenômeno que chamou bastante a atenção da DMCard durante o ano de 2020 foi a procura de clientes que estavam com seus cartões inativos solicitando a liberação para uso. Esse tipo de demanda cresceu 53%.

“Com a iminente redução na renda em algumas áreas extremamente afetadas pelo isolamento social, uma parte da população tentou garantir algum crédito disponível para compra do essencial em caso de emergência. Primeiro, tivemos a corrida aos supermercados com medo do desabastecimento e, depois, percebendo que não haveria esse risco, passaram a se preocupar em manter seu poder de compra a longo prazo”, explica Sandra.

Cartão DMCard Mastercard e Conta Digital

Os planos de expansão da empresa, que envolveu o lançamento de novos produtos e sua transição de uma administradora de cartões de crédito para uma instituição financeira, não foram interrompidos.

O ano de 2020 marcou a entrada da DMCard no setor de cartões de crédito bandeirados com o DMCard Mastercard. Ainda acessível em projeto piloto a uma base controlada, a empresa hoje já conta com 60 mil cartões emitidos que representam cerca de 2% do valor movimentado consolidado. Uma fatia ainda pequena se comparado ao montante que o private label, principal business da companhia, gera mas que deve crescer de forma acelerada em 2021.

“Temos o primeiro cartão de crédito da bandeira Mastercard, no Brasil, que conta com a tecnologia do Código Verificador do Cartão (CVC) dinâmico e não impresso no plástico. O código de segurança precisa ser consultado em nosso aplicativo e é alterado a cada 60 segundos”, conta Maurício Meneghetti, Gerente de Produtos da DMCard.

Além disso, chegando ao fim de 2020, outra novidade da empresa foi apresentada ao mercado: A DMConta, a conta digital da DMCard. Meneghetti também explica a solução. “O produto amplia nosso catálogo de serviços financeiros oferecidos pela companhia e prepara o caminho para o lançamento de nossa linha de empréstimo pessoal”. E conclui lembrando que, “o mais importante, é que todas as novidades têm como posicionamento atender às necessidades das classes com menor poder aquisitivo, reforçando um dos principais valores da empresa, que é a inclusão financeira e digital dessa parcela da população”.

Artigos Relacionados